Pepe (futebolista)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pepe
Pepe
Pepe em 2017.
Informações pessoais
Nome completo Képler Laveran Lima Ferreira
Data de nasc. 26 de fevereiro de 1983 (37 anos)
Local de nasc. Maceió (AL), Brasil
Nacionalidade português

brasileiro

Altura 1,88 m
destro
Apelido Pepe
Informações profissionais
Clube atual Porto
Número 3
Posição zagueiro
Clubes de juventude
1995–2001 Corinthians Alagoano
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2001–2002
2002–2004
2004–2007
2007–2017
2017–2018
2019–
Marítimo B
Marítimo
Porto
Real Madrid
Beşiktaş
Porto
0014 0000(1)
0063 0000(3)
0089 0000(8)
0334 000(15)
0052 0000(6)
0061 0000(4)
Seleção nacional3
2007– Portugal 0111 0000(7)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 3 de outubro de 2020.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 7 de outubro de 2020.

Képler Laveran de Lima Ferreira ComM, mais conhecido como Pepe (Maceió, 26 de fevereiro de 1983), é um futebolista brasileiro, naturalizado português, que atua como zagueiro. Atualmente joga pelo Porto e pela Seleção Portuguesa.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Formado nas categorias de base do Corinthians Alagoano, com dezessete anos deixou Alagoas, terra onde nasceu, em busca de oportunidades para uma vida melhor em Portugal.[1]

Marítimo e Porto[editar | editar código-fonte]

Recebeu em 2001 a oportunidade de jogar pelo Marítimo B. Se destacou no Marítimo, e na temporada 2004–2005, após duas boas temporadas nos Leões da Madeira, transferiu-se para o Porto em 2004. Em 2007, obteve a cidadania portuguesa.[2]

Real Madrid[editar | editar código-fonte]

Pepe em treino do Real Madrid.

No dia 10 de julho de 2007, foi contratado pelo Real Madrid por cinco temporadas.[3] Renovou seu vínculo em julho de 2011[4] e novamente em agosto de 2015, ampliando seu vínculo até junho de 2017.[5]

Besiktas[editar | editar código-fonte]

Após dez anos no time merengue, foi anunciado como reforço do Besiktas no dia 4 de julho de 2017.[6]

Retorno ao Porto[editar | editar código-fonte]

Teve o seu retorno ao Porto confirmado no dia 8 de janeiro de 2019.[7]

Acusações de violência[editar | editar código-fonte]

No dia 21 de abril de 2009, Pepe perdeu o controle numa partida contra o Getafe. Após ter dado uma entrada dura em Javier Casquero, reclamou que o jogador tinha caído intencionalmente e começou a agredi-lo varias vezes enquanto estava deitado no chão, antes de bater no rosto de outro jogador do Getafe, Juan Ángel Albín. O zagueiro ainda xingou o árbitro quando recebeu um cartão vermelho e acabou levando 10 partidas de suspensão, punição que muitos observadores consideraram pouco severa.[8]

Uma reincidência aconteceu no jogo entre Real Madrid e o Barcelona, em janeiro de 2012, nas quartas de final da Copa do Rei. Pepe pisou na mão do argentino Lionel Messi, mas desculpou-se após a partida.[9]

Seleção Portuguesa[editar | editar código-fonte]

Pepe representando a seleção Portuguesa no Mundial 2018

Após obter a cidadania portuguesa, atuou pela Seleção Portuguesa pela primeira vez no dia 21 de novembro de 2007, em partida contra a Finlândia válida pela Qualificação para o Campeonato Europeu de 2008.[10] Desde então, integrou as delegações portuguesas nas Copas do Mundo de 2010, 2014 e 2018 assim como nos Campeonatos Europeus de 2008, 2012 e 2016. Neste último, sagrou-se campeão e foi escolhido pela UEFA como melhor jogador em campo da final.[11] Como consequência desta conquista e juntamente com os restantes jogadores que integraram a equipa campeã da Europa, no dia 10 de julho de 2016, foi nomeado Comendador da Ordem do Mérito.[12]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Porto
Real Madrid
Seleção Portuguesa

Prêmios Individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Pepe lamenta falta de reconhecimento e descarta jogar no Brasil». Globo Esporte. 8 de abril de 2012 
  2. «Pepe já tem nacionalidade portuguesa». Relvado. 17 de agosto de 2007 
  3. «Real Madrid contrata brasileiro Pepe do Porto». UOL. 10 de julho de 2007 
  4. «Sergio Ramos y Pepe, felices con su renovación» (em espanhol). Marca. 13 de julho de 2011 
  5. «Pepe firmó su ampliación de contrato con el Real Madrid» (em espanhol). Sítio oficial Real Madrid. 21 de agosto de 2015 
  6. «Após 10 temporadas no Real Madrid, Pepe é anunciado pelo Besiktas». LANCE!. 4 de julho de 2017. Consultado em 9 de setembro de 2019 
  7. «Porto anuncia o retorno do zagueiro Pepe; contrato vai até 2021». GloboEsporte.com. 8 de janeiro de 2019. Consultado em 9 de setembro de 2019 
  8. «Pepe, um guerreiro alagoano na seleção portuguesa». Veja. 19 de junho de 2012 
  9. «Pepe pede desculpa a Messi por lhe ter pisado a mão». Jornal de Notícias. 19 de janeiro de 2012 
  10. «Portugal empata com a Finlândia e se classifica». Estadão. 21 de novembro de 2007 
  11. a b «Pepe foi o melhor em campo». Record. 10 de julho de 2016 
  12. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Kepler Laveran de Lima Ferreira (Pepe)". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 30 de janeiro de 2018 
  13. «The 100 best footballers in the world - interactive» (em inglês). The Guardian 
  14. «The 100 best footballers in the world 2016 – interactive» (em inglês). The Guardian 
  15. «Pepe Lima» (em espanhol). Marca 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Pepe (futebolista)