Pequena Mancha Escura

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
A Grande Mancha Escura (acima) e a Pequena Mancha Escura (abaixo).
Uma imagem de alta resolução da Pequena Mancha Escura.

A Pequena Mancha Escura, por vezes também chamada de Mancha Escura 2 ou O Olho do Mago, foi uma tempestade ciclônica que ocorreu no hemisfério sul do planeta Netuno[1] [2] . Foi a segunda tempestade mais intensa do planeta em 1989, quando a Voyager 2 sobrevôou o planeta. Quando o Telescópio Espacial Hubble observou Netuno em 1994, a tempestade já havia desaparecido[3] .

Referências

  1. "Historic Hurricanes". Solar System Exploration. NASA. Consult. 9 de agosto de 2012. 
  2. "Small Dark Spot". NASA. Consult. 9 de agosto de 2012. 
  3. Nemiroff, Robert; Bonnell, Jerry (21 August 2001). "Dark Spots on Neptune". Astronomy Picture of the Day. NASA. Consult. 9 de agosto de 2012. 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Pequena Mancha Escura


Ver também[editar | editar código-fonte]