Per Olov Enquist

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Per Olov Enquist
Per Olov Enquist.
Nascimento 23 de setembro de 1934
Hjoggböle, Västerbotten
Morte 25 de abril de 2020 (85 anos)
Vaxholm
Nacionalidade sueco
Alma mater Universidade de Uppsala
Ocupação escritor
Prémios Prémio Literário do Conselho Nórdico (1969)

Prémio August (1999) (2008)

Per Olov Enquist, conhecido como P.O. Enquist, (Hjoggböle, 23 de setembro de 1934 - Vaxholm, 25 de abril de 2020) foi um escritor e dramaturgo sueco. O seu primeiro grande sucesso literário foi Magnetisörens femte vinter (O Quinto Invierno do Magnetizador), um romance histórico baseado em fontes verídicas e fictícias, problematizando as noções de verdade e mentira. O romance Legionärerna (Os Legionários), em 1968, foi traduzido para dez línguas estrangeiras, ganhou o Prémio Literário do Conselho Nórdico, e foi filmatizado em 1970 pelo realizador Johan Bergenstråhle. Em 1999, o seu romance Livläkarens besök (A Visita do Médico Real) conquistou o Prémio August na Suécia, e o prémio do melhor romance estrangeiro em França.
Em 1975, a sua peça dramática Tribadernas natt (A Noite das Tríbades) teve um êxito enorme na Suécia e internacionalmente, tendo sido traduzida para mais de 20 idiomas estrangeiros e tendo sido representada em numerosos países. [1] [2] [3] [4]

Morreu no dia 25 de abril de 2020, aos 85 anos.[5][6][7]

Bibliografia selecionada[editar | editar código-fonte]

[3]

Prosa[editar | editar código-fonte]

  • 1961 - Kristallögat (O Olho de Cristal)
  • 1964 - Magnetisörens femte vinter (O Quinto Invierno do Magnetizador)
  • 1968 - Legionärerna (Os Legionários)
  • 1971 - Sekonden
  • 1972 - Katedralen i München
  • 1974 - Berättelser från de inställda upprorens tid
  • 1978 - Musikanternas uttåg
  • 1985 - Nedstörtad ängel (O Anjo Caído)
  • 1991 - Kapten Nemos bibliotek (A Biblioteca do Capitão Nemo)
  • 1999 - Livläkarens besök (A Visita do Médico Real)
  • 2001 - Lewis resa
  • 2008 - Ett annat liv (Outra Vida; autobiografia)
  • 2010 - Kartritarna
  • 2013 - Liknelseboken (O Libro das Parábolas)

Drama[editar | editar código-fonte]

  • 1975 - Tribadernas natt (A Noite das Tríbades)
  • 1976 - Chez Nous (com Anders Ehnmark)
  • 1981 - Från regnormarnas liv
  • 1998 - Bildmakarna

Guiões de filmes[editar | editar código-fonte]

  • 1987 - "Pelle, O Conquistador" (do realizador dinamarquês Bille August; Óscar de melhor filme estrangeiro em 1987)

Prémios[editar | editar código-fonte]

[3]

Referências

  1. Linnell, Björn (1999). «Per Olov Enquist». Litteraturhandboken (em sueco). Estocolmo: Forum. p. 459. 848 páginas. ISBN 91-37-11226-0 
  2. Hans-Erik Johannesson e Inger Littberger Caisou-Rousseau. «Per Olov Enquist» (em sueco). Nationalencyklopedin – Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 25 de outubro de 2019 
  3. a b c «Per Olov Enquist» (em sueco). Editora Norstedts. Consultado em 2 de dezembro de 2019 
  4. «Escritor sueco Per Olov Enquist morreu aos 85 anos» (em sueco). Sapo 24. Consultado em 4 de maio de 2020 
  5. Thornéus, Ebba; Tronarp, Gustaf (26 de abril de 2020). «Författaren PO Enquist är död». Aftonbladet (em sueco). Consultado em 26 de abril de 2020 
  6. Lusa. «Morreu o escritor Per Olov Enquist, uma das referências da literatura na Suécia». Correio da Manhã. Consultado em 27 de abril de 2020 
  7. AFP. «Morreu o aclamado escritor sueco Per Olov Enquist aos 85 anos». Estado de Minas. Consultado em 27 de abril de 2020 

Fontes[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Per Olov Enquist