Peter Straughan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Peter Straughan
Nascimento 1968 (51 anos)
Gateshead
Cidadania Reino Unido
Cônjuge Bridget O'Connor
Alma mater Universidade de Newcastle
Ocupação roteirista, escritor, dramaturgo

Peter Straughan (nascido em Gateshead, 1968) é um dramaturgo e roteirista britânico. Em 2012, ele foi indicado ao Oscar de melhor roteiro adaptado pelo filme O Espião Que Sabia Demais.[1]

Filmogrfaia[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Nota(s)
2006 Sixty Six Roteiro
2007 Mrs Ratcliffe's Revolution Roteiro
2008 How to Lose Friends & Alienate People Roteiro
2009 The Men Who Stare at Goats Roteiro
2010 The Debt Roteiro
2011 Gee Gee Diretor/Roteiro Curta-metragem
Tinker Tailor Soldier Spy Roteiro Prêmio BAFTA de Cinema: Melhor Filme Britânico
Prêmio BAFTA de Cinema: Melhor Roteiro Adaptado
Prêmios do British Film Bloggers Circle de Melhor Roteiro Adaptado
San Francisco Film Critics Circle Award de Melhor Roteiro Original


Indicado– Oscar de Melhor Roteiro Adaptado
Indicado – Prêmio London Film Critics Circle de Melhor Roteiro Adaptado
Indicado – Prêmio USC Scripter de Melhor Roteiro Adaptado
Indicado – Washington D.C. Area Film Critics Association Award de Melhor Roteiro Adaptado

2014 Frank Screenplay
2015 Our Brand Is Crisis Roteiro
2017 The Snowman Roteiro
2019 The Goldfinch Roteiro

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Nota(s)
2014 Playhouse Presents Diretor/Roteirista Episódio: "Nosferatu in Love"
2015 Wolf Hall Indicado - Prêmio Emmy do Primetime: Melhor Roteiro em Minissérie, Filme ou Especial Dramático

Referências

  1. DAVID WHETSTONE (5 de agosto de 2014). «Bafta-winning Gateshead writer Peter Straughan on his forthcoming projects». Consultado em 27 de dezembro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]