Petz (empresa)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ambox important.svg
Este artigo ou seção parece estar escrito em formato publicitário ou apologético
Por favor ajude a reescrever este artigo para que possa atingir um ponto de vista neutro, evitando assim conflitos de interesse.
Para casos explícitos de propaganda, em que o título ou todo o conteúdo do artigo seja considerado como um anúncio, considere usar {{ER|6|2=~~~~}}, regra nº 6 da eliminação rápida.
Petz
Petzlogo.png
Razão social Pet Center Comércio e Participações SA
Empresa privada
Atividade Varejo, Pet shop
Fundação 2002
Fundador(es) Sergio Zimerman
Sede São Paulo,  Brasil
Área(s) servida(s)  Brasil
Faturamento Aumento R$ 920 milhões (2018)[1]
Sucessora(s) Pet Center Marginal
Website oficial Petz.com.br

A Petz, anteriormente chamada de Pet Center Marginal, é uma rede brasileira de pet shops. É a maior rede de pet shop do Brasil e é especializada em serviços e venda de produtos para animais de estimação e animais domésticáveis exóticos.[2]

Foi fundada em 2002 por Sergio Zimerman em São Paulo, com uma loja na Marginal Tietê em um antigo galpão de um négócio malsucedido do mesmo.[2][3] Em 2013, o fundo de private equity Warburg Pincus comprou 50,01% das ações da empresa e passou a assumir o controle acionário da empresa com amplo plano de expansão e mudança de conceito.[1]

Atualmente possui mais de 100 lojas em 13 estados e cada unidade da rede tem cerca de 1.000 m². Geralmente as unidades são compostas de loja, centro de veterinária e banho e tosa.[4] Em 2017 recebeu o prêmio Época Reclame Aqui de melhor atendimento em e-commerce pet e Zimerman escolhido o empresário do ano em 2018.[5][6]

Produtos e serviços[editar | editar código-fonte]

A Petz vende produtos de marcas que produzem produtos para cães, gatos, pássaros, répteis e animais exóticos. Tanto as lojas físicas quanto a loja virtual estão divididas nos setores de alimentos, farmácia, higiene e beleza e acessórios. Produtos para piscinas e jardinagem também são vendidos.

Em cada unidade são encontrados também centros de veterinários, com especialidades de dermatologia, cardiologia, ortopedia, oftalmologia, neurologia, pediatria, oncologia e endocrinologia.[7] Serviços de estética e eventos para adoção de animais também podem ser encontrados.[8]

Ver Também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Marina Gazzon. «Fundo quer impulsionar mercado de pet shops». Estadão. Consultado em 15 de agosto de 2016 
  2. a b «Mercado pet dribla a crise econômica». Isto É Dinheiro. Consultado em 15 de agosto de 2016 
  3. Carolina Giovanelli. «Grupo Pet Center Marginal inaugura primeira loja com seu novo nome, Petz, no Morumbi». Veja. Consultado em 15 de agosto de 2016 
  4. «Presidente da Petz ganha prêmio empresário do ano 2018 da Alshop». Olaitapetininga.com.br. Consultado em 23 de abril de 2018 
  5. «Petz ganha prêmio Época Reclame Aqui pelo segundo ano consecutivo». Caes e Gatos Vet Food. Consultado em 23 de abril de 2018 
  6. «Conheça os vencedores do prêmio lojista Alshop 2018». Alshop. Consultado em 2 de julho de 2018 
  7. «Center Minas ganha a primeira unidade da Petz de Minas Gerais». Epo. Consultado em 2 de julho de 2018 
  8. «Petz Ayrton Senna terá adoção de cães neste sábado (26)». Veja. Consultado em 2 de julho de 2018