Peugeot

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Peugeot
Empresa de capital fechado
Slogan Motion and Emotion (português: Movimento e Emoção)
Atividade Indústria automobilística
Fundação Predefinição:1810 como fabricante de automóveis
Fundador(es) Armand Peugeot
Sede Legal e de nível superior administrativo: Ave de la Grande Armée, Paris, Ilha de França,  França
Operacional: Sochaux, Departamento de Doubs, Borgonha-Franco-Condado,  França
Pessoas-chave Carlos Tavares (CEO)
Jean-Pierre Ploue (chefe de design)
Empregados 198210 (2010) (PSA Peugeot Citroën total)
Produtos Carros
Carros de luxo
Carros esportivos
Veículos comerciais
Divisões Peugeot Motorcycles
Peugeot Cycles
Peugeot Sport
Stellantis
Acionistas Stellantis
Website oficial www.peugeot.com

Peugeot (pronuncia-se Pejô) é uma fabricante de automóveis francesa fundada em 1810, produtora de carros, pertencente à Stellantis.

Peugeot ganhou muitos prêmios internacionais, como: 5 vezes Carro do Ano na Europa, 9 vezes Carro do Ano na Espanha, 5 vezes Carro do Ano na Itália e 2 vezes Carro do Ano na Irlanda.

Peugeot ganhou cinco vezes o Campeonato Mundial de Rali, 2 vezes o Campeonato Mundial de Resistência (1992, 1993) e 2 Intercontinental Le Mans Cup (2010, 2011).

O maior sucesso da Peugeot no mundo foi o Peugeot 206, estando entre os carros mais vendidos da história. No Brasil chegou várias vezes a aparecer entre os 10 mais vendidos no ranking da Anfavea, foi o primeiro modelo a ser fabricado no Brasil, quando inaugurou sua fábrica em Porto Real (RJ) em abril de 2000.

História[editar | editar código-fonte]

A família Peugeot, que desde 1810 tinham um moinho hidráulico familiar, vem envolvida em vários tipos de negócios desde o século XVIII. Em 1842 entraram no ramo alimentício produzindo moinhos de café, depois disso começaram a produzir armações para vestidos, guarda-chuvas, fundição de aço, ferramentas e utensílios domésticos, em 1882 começaram a fabricar bicicletas e motos. Em 1889 produziu o seu primeiro automóvel que tinha 3 rodas, apenas 4 unidades foram produzidas e no ano seguinte, um quadriciclo à gasolina. A Peugeot também esteve presente na primeira corrida automobilística do mundo entre Paris e Ruão, 22 de julho de 1894.[1] Em 1895 na corrida entre Paris e Bordeaux os carros competiram pela primeira vez com rodas emborrachadas feitas em parceria com a Michelin. Em 25 de novembro de 1891 o primeiro carro importado chegou ao Brasil, foi adquirido pelo jovem inventor do avião, Alberto Santos Dumont, que mais tarde seria conhecido como o "Pai da Aviação" no Brasil. O carro era um reluzente Peugeot com motor Daimler a gasolina, de 3,5 cavalos-vapor e dois cilindros em V, conhecido pelos franceses como voiturette por ser muito parecida com uma charrete. Seu proprietário o comprara por 6 200 francos, em Valentigney, cidade perto de Paris, e o trouxe diretamente para Santos. Mais tarde, o veículo foi levado a São Paulo, permanecendo na residência de Santos Dumont. Esse Peugeot foi o primeiro carro a chegar no Brasil, asseguram os historiadores. No entanto, a chegada oficial acontece em 1992. A marca também é proprietária do clube francês Football Club Sochaux-Montbéliard da cidade de Sochaux, construída para abrigar uma fábrica da marca e os funcionários, porém o clube joga em Montbéliard, apesar de ter sido fundado em Sochaux. Foi o primeiro clube profissional a ser fundado na França em 1928 e que permaneceu até 2012 como o clube que jogou mais temporadas na elite profissional francesa.

Símbolo[editar | editar código-fonte]

Por volta de 1850, a marca teve a necessidade de distinguir as diferentes ferramentas que fabricava, e por isso registou três logotipos distintos: uma mão (para os produtos de 3ª categoria), uma lua crescente (2ª categoria) e um leão (1ª categoria), apenas o leão sobreviveu com o passar do tempo. A marca do leão foi registrada em 1858 pelos irmãos Peugeot (Jules e Emile) e feita pelo artesão Julien Blazer, para representar força, resistência e dinamismo.

Desde então, o logotipo associado à Peugeot foi evoluindo sempre a partir da imagem de um leão. Até 2002, foram sete as modificações feitas ao emblema, cada uma delas feita a pensar num maior impacto visual, solidez e flexibilidade de aplicação. Em janeiro de 2010, por ocasião do 200º aniversário da marca, a Peugeot anunciou a sua nova identidade visual. Criado pela equipe de designers da marca, o felino francês ganhou contornos mais minimalistas mas ao mesmo tempo dinâmicos, além de apresentar um aspecto metalizado e modernista. O leão libertou-se igualmente do fundo azul para, segundo a marca, “exprimir melhor a sua força”. O primeiro veículo a ostentar o novo logotipo da marca foi o Peugeot RCZ, lançado no mercado europeu no primeiro semestre de 2010. Foi, sem dúvida, a celebração de um bicentenário projetado para o futuro.

Com o lançamento de uma gama inaugurada pelo novo Peugeot 308 na Europa e com o nascimento da STELLANTIS, em 25 de fevereiro de 2021 foi anunciado seu novo logotipo, que é, segundo a própria marca: "um emblema que transmite identidade, atemporal, universal e multicultural. Um sinal distintivo, um símbolo de pertencimento, de reconhecimento. Sinônimo de prestígio, segurança, longevidade e linhagem. Com ele e seu novo universo gráfico, a PEUGEOT conjuga elementos históricos com a modernidade."[2]

Apesar de todas as modificações ao emblema, o significado do leão manteve-se inalterado ao longo do tempo, continuando assim a desempenhar na perfeição o seu papel como símbolo da “qualidade superior da marca” e também como forma de homenagear a cidade francesa de Lyon (França).[3]

Fusão com a Citroën[editar | editar código-fonte]

A Citroën estava em apuros, pois desenvolveu modelos muito ambiciosos para seus recursos financeiros. Em 1974 a Peugeot comprou 30% da Citroën e em 1975 concretizou a compra do controle acionário.

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Peugeot 308 (2013), Carro do Ano na Europa 2014, em Espanha e na Italia
Peugeot 208 (2012), Carro do Ano 2013 em Espanha e na Italia
Peugeot 2008 (2013), Carro do Ano 2014 na Italia. Peugeot 2008, produzido na fábrica da PSA em Porto Real, Brasil.[4]

Carro do Ano na Europa[editar | editar código-fonte]

Seis modelos tem também uma segunda ou terceira classificação.

Carro do Ano em Espanha[editar | editar código-fonte]

Carro do Ano na Italia 'Auto Europa'[editar | editar código-fonte]

Carro do Ano na Irlanda[editar | editar código-fonte]

Peugeot no desporto motorizado[editar | editar código-fonte]

Marcus Grönholm e Peugeot 307, correspondente à categoria principal, A8
Peugeot 908 HDi FAP : Peugeot ganhou 2 vezes o Campeonato Mundial de Resistência (1992, 1993) e 2 Intercontinental Le Mans Cup (2010, 2011).

Fórmula 1[editar | editar código-fonte]

500 Milhas de Indianápolis[editar | editar código-fonte]

  • 1913 - Jules Goux - Vitória
  • 1916 - Dario Resta - Vitória

World Rally Championship WRC[editar | editar código-fonte]

  • 1985 - Peugeot 205 Turbo 16 - Ganha campeonato (Pilotos e Carros)
  • 1986 - Peugeot 205 Turbo 16 - Ganha campeonato (Pilotos e Carros)
  • 2000 - Peugeot 206 WRC - Ganha o campeonato (Pilotos e Carros)
  • 2001 - Peugeot 206 WRC - Ganha o campeonato (Somente Carros)
  • 2002 - Peugeot 206 WRC - Ganha o campeonato (Pilotos e Carros)

Paris Dakar[editar | editar código-fonte]

  • 1987 - Peugeot 205 Turbo 16 - Vitória
  • 1988 - Peugeot 405 Turbo 16 - Vitória
  • 1989 - Peugeot 405 Turbo 16 - Vitória
  • 1990 - Peugeot 405 Turbo 16 - Vitória
  • 2016 - Peugeot 2008 DKR 16 - Vitória

World Sports Car Championship[editar | editar código-fonte]

  • 1991 - Peugeot 905 V10
  • 1992 - Peugeot 905 V10 - Ganha o Campeonato
  • 1993 - Peugeot 905 V10 - Ganha o Campeonato

Pikes Peak Internation Hill Climb[editar | editar código-fonte]

  • 1988 - Peugeot 405 T16 - Vitória, bate o record mundial (Ari Vatanen)
  • 1989 - Peugeot 405 T16 - Vitória
  • 2013 - Peugeot 208 T16 - Vitória, bate o record mundial com o tempo de 8m13.878s (Sébastien Loeb)

Modelos[editar | editar código-fonte]

O modelo Peugeot 206 CC.
Peugeot 508 SW
Peugeot 5008 II

1889-1944[editar | editar código-fonte]

Tipos 1 a 9[editar | editar código-fonte]

Tipos 10 a 19[editar | editar código-fonte]

Tipos 20 a 29[editar | editar código-fonte]

Tipos 30 a 39[editar | editar código-fonte]

Tipos 42 a 49/50[editar | editar código-fonte]

Tipos 54 a 58[editar | editar código-fonte]

Tipos 61 a 69[editar | editar código-fonte]

Lion-Peugeot[editar | editar código-fonte]

Tipos 71 a 78[editar | editar código-fonte]

Tipos 80 a 88[editar | editar código-fonte]

Tipos 90 a 99[editar | editar código-fonte]

Tipos 101 a 108[editar | editar código-fonte]

Tipos 112 a 118[editar | editar código-fonte]

Tipos 120 à 129[editar | editar código-fonte]

Tipos 133 à 139[editar | editar código-fonte]

Tipos 141 a 147/50[editar | editar código-fonte]

Tipos 153 a 159[editar | editar código-fonte]

Tipos 161 a 163[editar | editar código-fonte]

Tipos 172 a 177[editar | editar código-fonte]

Tipos 181 a 190[editar | editar código-fonte]

201 (1929) a 601 (1935)[editar | editar código-fonte]

No Brasil[editar | editar código-fonte]

Anos 1990[editar | editar código-fonte]

Anos 2000[editar | editar código-fonte]

Anos 2010[editar | editar código-fonte]

  • Hoggar (2010-2014)
  • 408 (2011-Presente)
  • 3008 (2011-Presente)
  • RCZ (2011-Presente)
  • 308 (2012-Presente)
  • 508 (2012-2014)
  • 208 (2013-Presente)
  • 2008 (2015-Presente)
  • Expert (2017-Presente)

[7]

Carros conceito[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Le Petit Journal, publicação de 23 de julho, 1894
  2. «25 DE FEVEREIRO DE 2021, O LEÃO DA PEUGEOT RUGE MAIS ALTO». 25 de fevereiro de 2021 
  3. «A História dos logótipos: Peugeot». Razão Automóvel. 22 de abril de 2016. Consultado em 15 de julho de 2020 
  4. [1] Novo Peugeot 2008 começa a ser produzido em Porto Real, Brasil
  5. a b c d «Albo d'oro 'Auto Europa'». Consultado em 17 de janeiro de 2015. Arquivado do original em 24 de outubro de 2014 
  6. «Peugeot 308 e' Auto Europa 2015». Consultado em 17 de janeiro de 2015. Arquivado do original em 9 de novembro de 2014 
  7. https://bestcars.uol.com.br/bc/informe-se/noticias/peugeot-expert-clone-do-jumpy-tambem-vem-a-r-80-mil/

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Peugeot