Peugeot Bébé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Peugeot Tipo 69 "Bébé")
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido (desde maio de 2015). Ajude e colabore com a tradução.
Peugeot "Bébé"
Um Peugeot Bébé original Tipo 69
e seu motor monocilíndrico.
Visão Geral
Produção 1905 e 1913-1916
12.305 unidades aprox.
Fabricante Société des Automobiles Peugeot
Montagem Audincourt (1905 - 1912)
Beaulieu (1913 - 1916)[1]
Modelo
Classe Supermini
Carroceria 2-portas sedan
2-portas Roadster
2-portas conversível
Ficha técnica
Motor Tipo 69: 1 cilindro, 652 cm3
Tipo BP1: 4 cilindros, 855 cm3
Potência Tipo 69: 6,2 hp
Tipo BP1: 9,5 hp
Transmissão Tipo 69: 3 marchas (manual)
Tipo BP1: 2 marchas (manual)
Tipo B3P1: 3 marchas (manual)
Layout Motor frontal
Tração traseira
Dimensões
Comprimento Tipo 69: 2.700 mm
Tipo BP1: 2.620 mm
Entre-eixos Tipo 69: 1.670 mm
Tipo BP1: 1.800 mm
Largura Tipo 69: 1.400 mm
Tipo BP1: 1.230 mm
Peso Tipo 69: 300 kg
Tipo BP1: 330 kg
Velocidade Máx. Tipo 69: 44 km/h
Tipo BP1: 60 km/h
Cronologia
Peugeot Tipo 57
Peugeot Quadrilette

O Peugeot Bébé ou Bebê, foi o nome comercial atribuído a um pequeno modelo de baixo custo da Peugeot fabricado entre 1905 e 1916. Esses veículos eram conhecidos internamente com as designações técnicas: Tipo 69 e Tipo BP1.

O Tipo 69[editar | editar código-fonte]

Um Peugeot Bébé Tipo 69 - 1905.

O modelo Bébé foi apresentado no Salão do Automóvel de Paris de 1904, e "roubou" as atenções, como uma criação moderna e robusta que no entanto era também barata, pequena e prática. Pesando apenas 350 kg e tendo 2,7 m de comprimento permitiam que seu pequeno motor pudesse levá-lo a velocidades pouco além de 40 km/h, um excelente desempenho para a época. Além disso, o preço de venda era mantido tão baixo quanto possível, tecnologias como direção por cremalheira e transmissão por eixo cardã em vez de corrente dentada eram oferecidas nesse novo veículo. A produção começou em Audincourt em 1905, e o carro se tornou bem popular. Foram vendidas 400 unidades do Bébé no primeiro ano, representando 80% da produção da Peugeot. Ele também foi exportado, especialmente para o Reino Unido. O Tipo 69, só foi comercializado durante o ano de 1905.[2]

O Tipo BP1[editar | editar código-fonte]

Um Peugeot Bébé Tipo BP1 - 1913.

A variante Tipo BP1 do Bébé foi um projeto de Ettore Bugatti de 1911, inicialmente desenvolvido para a fábrica de automóveis alemã Wanderer que foi produzido sob licença pela Peugeot para o mercado francês. A Peugeot exibiu esse modelo sob sua marca no Salão do Automóvel de Paris de 1912. A produção teve início em 1913, um bom tempo depois do encerramento da produção do Tipo 69. A Wanderer construia o seu carro usando o câmbio de 4 velocidades de Bugatti, mas para manter o preço baixo no mercado francês, a Peugeot utilizava um câmbio de apenas duas marchas no início, e mais tarde o substituiu por um de três marchas de desenho próprio. O motor, também era um projeto da própria Peugeot, de quatro cilindros em linha, que produzia 10 hp a 2.000 rpm, o que permitia ao pequeno carro alcançar velocidades de até 60 km/h. O peso também era baixo, com apenas 350 kg mesmo tendo largura suficiente para carregar duas pessoas lado a lado. O Bébé obteve sucesso em algumas corridas para carros pequenos, em especial na corrida de Mont Ventoux em 1913 quando venceu em sua categoria.[3]

Esse modelo foi comercializado até 1916. Os anúncios alardeavam suas qualidades como um produto econômico, num dos casos destacando a comparação com transportes mais convencionais, como por exemplo, um veterinário na área rural precisando cobrir cerca de 40 km por dia, para quem um "Bébé" substituiria uma parelha de cavalos, custando menos que apenas um deles.

Com um total de 3.095 unidades produzidas, e apesar das condições econômicas severas impostas pela guerra, o Bébé desenhado por Bugatti foi o primeiro Peugeot de produção a quebrar a barreira das 3.000 unidades.[4]

Produção[editar | editar código-fonte]

A produção total dos "Peugeot Bébé" foi de 3.495, sendo que o Tipo 69 foi produzido apenas em 1905 e o Tipo Bp1 entre 1913 e 1916.

Modelos e Produção
Modelo Ano Produção
Tipo 69 1905 400
Tipo BP1 1913–1916 3.095

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Musée de l'Aventure Peugeot. The exhibit label (2012) states: «Bébé Peugeot : Bugatti, qui avait conçue ce petite voiture, proposa a Peugeot de lui en céder sa licence de fabrication. Les usines de Beaulieu commencent sa fabrication en 1913 et son succès fut tel….»
  2. «Peugeot Type 69 "Bébé" 1905». autoconcept-reviews.com. Consultado em 8 de maio de 2015 
  3. «1912 Peugeot Bébé technical specifications». carfolio.com. Consultado em 8 de maio de 2015 
  4. Musée de l'Aventure Peugeot. The exhibit label (2012) states: «Bébé Peugeot : .... son succès fut tel qu’elle fut la première Peugeot à attendre les trois mille exemplaires fabriqués. La voiturette « Bébé » de 1913 était commercialise en mettant en avant son économie et an la comparant au cheval. Par exemple la brochure concluait, dans le cas d’un médecin, que pour couvrir ses 40 km quotidiens, elle remplaçait 2 cheveux et n’en coutait qu’un.»

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

 
Search Wikimedia Commons
   Wikimedia Commons tem media  relacionada com a (categoria):
Ícone de esboço Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.