Phantasy Star generation:1

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Este artigo cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde setembro de 2012). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Translation arrow.svg
Este artigo ou secção resulta, no todo ou em parte, de uma tradução do artigo «Phantasy Star Generation 1» na Wikipédia em inglês, na versão original. Você pode incluir conceitos culturais lusófonos de fontes em português com referências e inseri-las corretamente no texto ou no rodapé. Também pode continuar traduzindo ou colaborar em outras traduções. Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Phantasy Star generation:1
Desenvolvedora(s) SEGA
Publicadora(s) SEGA
Distribuidora(s) SEGA
Plataforma(s) PlayStation 2
Data(s) de lançamento
Gênero(s) RPG
Modos de jogo Single Player
Ni hon go2.png Este artigo contém texto em japonês.
Sem suporte multilingual apropriado, você verá interrogações, quadrados ou outros símbolos em vez de kanji ou kana.

Phantasy Star generation:1 (ファンタシースター generation:1, Fantashī Sutā generation:1?) é um jogo de |RPG lançado em 2003 para o PlayStation 2 e é um remake do jogo Phantasy Star, lançado originalmente para o Sega Master System em 1987. É o volume 1 da série Sega Ages 2500.

Originalmente previsto para ser lançado nos Estados Unidos e na Europa pela Conspiracy Games, foi posteriormente anunciado como parte de uma trilogia intitulada "Phantasy Star Trilogy"[1], uma compilação de remakes de Phantasy Star, Phantasy Star II e Phantasy Star IV. O futuro da compilação é incerto, já que a Sega recuperou os direitos de publicação para os Estados Unidos e para a Europa. A Sega atualmente não tem planos de publicar este ou qualquer outro remake de Phantasy Star fora do Japão[2][3], e com a Sega do Japão tendo aparentemente abandonado seus planos para um remake de um Phantasy Star IV em favor de uma compilação apresentando a iteração dos quatro jogos Phantasy Star da série original, parece que este jogo permanecerá restrito ao mercado japonês.

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

Phantasy Star generation:1 tem novos gráficos, músicas remixadas da trilha sonora do jogo original e trouxe novos diálogos, com conversas entre personagens, enriquecendo o enredo.

Algo novo neste jogo foram atributos como a opção Consulta (相談, Sōdan?), que permite aos membros do grupo conversarem entre si e ajudar o jogador a determinar qual a sua próxima ação a ser tomada; o item Atlas (アトラス, Atorasu?), que é um mapa de labirintos que tem a duração de 100 passos, é uma diferença relevante em relação ao jogo original, já que o mesmo não possuia mapas e obrigava aos jogadores desenharem em um papel seus próprios mapas caso quisessem localizar-se. Próximo ao fim do jogo, após derrotar La Shiec, o jogador pode comprar um item chamado Soundtrack (サウンドトラック, Saundotorakku?), permitindo ao jogador ouvir a trilha sonora do jogo. Finalmente, após completar o jogo, é permitido ao jogador criar um "arquivo do sistema" para salvar o jogo, desbloqueando assim um bônus em Phantasy Star generation:2.

História[editar | editar código-fonte]

Assim como em Phantasy Star, Phantasy Star generation:1 tem como enredo as aventuras de Alisa Landeel buscando vingar a morte de seu irmão Nero, que foi morto por Robotcops do Rei La Shiec. Para ajudar em sua aventura, Alisa tem como companheiros: Tylon, Myau e Lutz.

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Durante os estágios iniciais de seu desenvolvimento, o jogo trazia personagens e monstros super deformed, mas isso depois foi alterado para um estilo mais consistente com a série original.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «IGN: SEGA Ages Compilations in U.S.» (em inglês). IGN.com. Consultado em 9 de setembro de 2009 
  2. «IGN: Phantasy Star Trilogy» (em inglês). IGN.com. Consultado em 9 de setembro de 2009. É possível ver no site que o lançamento do jogo foi cancelado: 'Release Date: Canceled'. 
  3. «Sega Ages: Phantasy Star Trilogy for PlayStation 2 - Technical Information, Game Information, Technical Support - Gamespot» (em inglês). Gamespot. Consultado em 9 de setembro de 2009. É possível ver no site que o lançamento do jogo foi cancelado: 'Release Date: Canceled'. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.