Phil Rudd

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Phil Rudd
Phil Rudd com AC/DC.
Informação geral
Nome completo Phillip Hugh Norman Rudd
Phillip Hugh Norman Witschke Rudzevecuis (nome de nascimento)
Nascimento 19 de maio de 1954 (63 anos)
Local de nascimento Melbourne, Vitória
 Austrália
Gênero(s) Hard rock, blues-rock, rock and roll
Ocupação(ões) Musico
Instrumento(s) Bateria e percussão
Modelos de instrumentos Sonor
Período em atividade 1970–presente
Afiliação(ões) Buster Brown, AC/DC
Página oficial http://www.acdcrocks.com/

Phil Rudd (Melbourne, Austrália - 19 de maio de 1954), também conhecido como Adami, é um baterista australiano, membro da banda AC/DC.

Entrou em 1975 na banda e ficou nesta até 1983, quando houve um desentendimento com Malcolm Young e após esse episódio, ele saiu do AC/DC. Outro motivo associado à sua saída foram os vícios de drogas e bebidas. Phil tem em seu estilo de tocar bateria uma boa batida, com muito controle sobre o ritmo da música. Costuma conduzir a música de uma forma simples, porém bem executada, misturando batidas de blues. Seu estilo de tocar é único,e uma marca registrada no som do AC\DC. Phil é muito elogiado pelos fãs por fazer uma boa batida com muito controle sobre o ritmo das musicas. Além de ter uma escola de pilotos de helicópteros phil,tem um restaurante em tauranga chamado " Phil's place ".

O AC/DC lançará seu novo trabalho desde Black Ice, de 2008. O disco se chamará "Rock or Bust" e marca o primeiro trabalho do grupo sem o guitarrista fundador Malcolm Young, que está sofrendo de demência. Para lhe substituir, foi chamado o seu sobrinho Stevie Young. Phil Rudd não apareceu na foto de divulgação do disco e nem no clipe de 'Rock or Bust'.

Acusado de crimes[editar | editar código-fonte]

Em novembro de 2014, Phil Rudd foi acusado pela tentativa de ordenar dois assassinatos a um matador de aluguel para se livrar de duas pessoas na Nova Zelândia, porém pagou fiança e ficou em liberdade provisória. Phil nega todas as acusações e pensa em processar a polícia sobre o ato.

No primeiro dia do julgamento, em abril de 2015 o músico rock admitiu o que antes tinha negado quando foi detido em Tauranga.

Nessa altura, Phil Rudd foi acusado de fazer ameaças de morte a um empreiteiro e à filha deste e de ter na sua posse metanfetaminas e canábis.

A contas com a justiça, o músico já não se pode juntar à banda para a digressão "Rock or Bust", tendo sido substituído por Chris Slade.

A leitura da sentença está marcada para 26 de Junho de 2015.

Ícone de esboço Este artigo sobre um baterista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.