Philip Dybvig

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Philip Dybvig Medalha Nobel
Nascimento 22 de maio de 1955
Cidadania Estados Unidos
Alma mater
Ocupação economista, professor universitário
Prêmios
Empregador Universidade Washington em St. Louis, Universidade Yale, Southwestern University of Finance and Economics

Philip H. Dybvig (22 de maio de 1955) é um economista dos Estados Unidos. É Professor da Cátedra Boatmen's Bancshares de Finanças na Olin Business School da Universidade Washington em St. Louis. Dybvig foi distinguido com o Prémio de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel em 2022 em conjunto co Ben Bernanke e Douglas Diamond, "pela investigação sobre bancos e crises financeiras".[1]

Dybvig especializou-se em custos de ativos, investimentos e governança corporativa.[2] Foi professor na Universidade Yale, e assistente na Universidade Princeton. Dybvig presidiu a Western Finance Association de 2002 a 2003, e é editor ou editor associado de diversas publicações, como a Review of Financial Studies, Journal of Economic Theory, Finance and Stochastics, Journal of Finance, Journal of Financial Intermediation, Journal of Financial and Quantitative Analysis, e Review of Financial Studies.[3]

Dybvig trabalhou com Douglas Diamond no modelo Diamond–Dybvig.[4]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]