Pierre Delanoë

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pierre Delanoë
Nome nativo Pierre Delanoë
Nascimento 16 de dezembro de 1918
10.º arrondissement de Paris
Morte 27 de dezembro de 2006 (88 anos)
Poissy
Cidadania França
Ocupação letrista, escritor
Causa da morte ataque cardíaco
Página oficial
http://www.pierre-delanoe.fr

Pierre Delanoë, nascido Pierre Leroyer (16 de dezembro de 1918 - 27 de dezembro de 2006) foi um compositor francês que escreveu letras para dezenas de intérpretes, como Édith Piaf, Charles Aznavour e Johnny Hallyday.

Delanoë estudou o Direito e trabalhou como inspetor de impostos. No pós-Guerra, ele encontrou Gilbert Bécaud e entrou na carreira de compositor. Alguns dos principais cantores franceses tiveram em seu repertório obras de Delanoë, como Michel Sardou, Nicole Rieu e Joe Dassin.

Delanoë motivou controvérsia, ao afirmar, em julho de 2006, que a música rap é "uma forma de expressão de pessoas primitivas".

Delanoë morreu em dezembro de 2006 de parada cardíaca.[1]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) compositor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.