Pierre Vidal-Naquet

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pierre Vidal-Naquet
Nome nativo Pierre Vidal-Naquet
Nascimento 23 de julho de 1930
Paris
Morte 29 de julho de 2006 (76 anos)
Nice
Cidadania França
Alma mater Lycée Thiers
Ocupação historiador, professor universitário
Empregador École des hautes études en sciences sociales
Causa da morte hemorragia intracerebral

Pierre Emmanuel Vidal-Naquet (Paris, 23 de julho de 1930 ; 29 de julho de 2006) foi um historiador e intelectual francês, de origem judaica.

Durante a Segunda Guerra Mundial, ainda adolescente, participou da resistência contra a ocupação nazista na França. Seus pais foram presos pela Gestapo e assassinados no campo de concentração de Auschwitz.

Era especialista em Grécia Antiga, mas também tinha interesse pela História Contemporânea, particularmente pela Guerra da Argélia (1954-1962) (durante a qual se posicionou contra à prática de tortura do exército francês), assim como pela História Judaica. Pronunciou-se contra a guerra do Vietnam, e as sucessivas guerras no Iraque foram também objeto de sua crítica e condenação. Criticou também a situação dos palestinos em Gaza e na Cisjordânia, e a atitude do governo de Ariel Sharon, a quem qualificava de criminoso e racista.

Participou com Michel Foucault e Jean-Marie Domenach da fundação do Groupe d'information sur les prisons (GIP), que se preocupava com a situação das prisões na França, e foi crítico do revisionismo histórico e do holocausto.

Obras selecionadas[editar | editar código-fonte]

  • Mythe et tragédie en Grèce ancienne (dois volumes), com Jean Pierre Vernant, La Découverte, 2000
  • Le monde d’Homère, Perrin, 2002
  • La démocratie grecque vue d'ailleurs, Flammarion, coleção Champs, 2001
  • L'Atlantide. Petite histoire d'un mythe platonicien, Les Belles Lettres, 2005
  • Les assassins de la mémoire, Le Seuil, 1995
  • Les juifs, la mémoire et le présent, Le Seuil, 1995
  • La solution finale dans l'histoire, com Arno Mayer, La Découverte, 2002
  • Les crimes de l'armée française Algérie 1954-1962, La Découverte, 2001

Ligações externas[editar | editar código-fonte]