Piodermite

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Medicina.

Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição.

Piodermite pode ser definida como condição infecciosa, produtora de pus (ou piogênica), de origem bacteriana que acomete o tegumento em qualquer nível de profundidade.

A despeito dessa simples definição, trata-se de um grupo de doenças que freqüentemente são diagnosticadas incorretamente na prática clínica. A extrema variabilidade de apresentação clínica, com lesões ora localizadas ou ora generalizadas, superficiais ou profundas, a dificuldade em se observar pústulas devido tanto ao auto-trauma como a presença de pústulas microscópicas, a pouca espessura epidérmica (levando ao rompimento precoce das lesões), o conhecimento incompleto sobre a etiologia e patogênese, respondem em parte pelo insucesso observado.

Para complicar um pouco mais, existem várias afecções cutâneas não bacterianas que também podem resultar na presença de pústulas como por exemplo a sarna demodécica e a dermatofitose. Doenças autoimunes ou imunemediadas citando aqui o pênfigo foliáceo e a dermatose pustular subcorneal também produzem pústulas. O clínico pode, ainda que reconhecendo o quadro piogênico, subestimá-lo em relação a alguma enfermidade de base prontamente identificável e não ministrar a merecida atenção terapêutica.