Pixel (smartphone)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pixel
Pixel XL
Nome de código Sailfish (Pixel), Marlin (Pixel XL)
Fabricante HTC (contract manufacturer)
Série Pixel
Tipo Smartphone
Lançamento
Ecrã 5 in (130 mm) FHD AMOLED (441ppi) ou 5,5 in (140 mm) QHD AMOLED (534ppi)
Sistema operativo Android 7.1 "Nougat"
CPU 2,15 GHz + 1,6 GHz quatro núcleos 64-bit ARMv8-A
GPU Adreno 530
Memória 4 GB LPDDR4 RAM
Armazenamento 32 GB ou 128 GB
Bateria 2.770 mAh (Pixel), 3.450 mAh (Pixel XL) mAh não-removível
Peso 143 g (5 04 oz) (Pixel), 168 g (5 93 oz) (Pixel XL)
Cronologia
Nexus 5X, Nexus 6P

Pixel e Pixel XL são smartphones Android desenvolvidos pela Google.[1] Foram anunciados em um evento aberto à imprensa em 4 de outubro de 2016.[2] O Pixel e o Pixel XL também servem à Google como plataforma de lançamento para o Android 7.1 Nougat.[3]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Anteriormente, a Google co-desenvolvia dispositivos Android topo de linha através do programa Nexus. Estes aparelhos eram projetados como "referência" da plataforma Android aos demais OEMs, para que os utilizassem como guia para os próprios produtos. Sob o comando do novo chefe de hardware Rick Osterloh, que já trabalhou na Motorola Mobility, a Google começou a alterar o seu foco para o desenvolvimento de um ecossistema de produtos e plataformas criados pela própria empresa, como o ecossistema Google Home, o Google Assistant e o Google Daydream. Osterloh afirmou que "grande parte da inovação que queremos empreender agora requer um controle da experiência de usuário de ponta a ponta". Como tal, ao contrário dos dispositivos Nexus, o Pixel foi projetado pela Google e é comercializado como um produto desta empresa, embora a HTC ainda sirva como OEM.[4]

Especificações[editar | editar código-fonte]

Pixel XL com a câmera aberta.

O Pixel utiliza um chassi de alumínio, com um painel de vidro na parte traseira onde se encontram a câmera e o leitor de impressões digitais, e um conector do tipo USB Type-C. Ambos os modelos são equipados com o SoC Qualcomm Snapdragon 821, com 4 GB de memória RAM, e diferenciam-se pelo tamanho do display; os modelos padrão e XL apresentam displays 5 in (130 mm) 1080p AMOLED e 5,5 in (140 mm) 1440p AMOLED respectivamente. Ambos também são oferecidos em versões com 32 e 128 GB de armazenamento interno.[2]

O Pixel possui uma câmera traseira de 12 megapixels, com uma abertura de f/2.0, e um sensor Sony IMX378 com pixels de 1.55 μm. A câmera utiliza um sistema de estabilização digital de imagem ligado ao giroscópio do smartphone e aos sensores de movimento. A fim de aumentar a velocidade de captura, 30 frames são continuamente capturados por segundo enquanto a câmera está ativa. Quando uma foto é tirada, até dez desses frames são combinados para formar uma única imagem.[5]

O dispositivo é vendido com o Android 7.1 "Nougat",[3] integra-se plenamente ao Google Assistant, e oferece serviços de suporte técnico em tempo real integrados ao próprio sistema. Da mesma forma que os dispositivos Nexus, o Pixel receberá as atualizações do Android diretamente da Google.[2][6] O Pixel também é compatível com o sistema de realidade virtual Google Daydream.[2] Todos os smartphones Pixel incluirão, pelo resto da vida útil dos dispostivos, o serviço de backup ilimitado de fotografias e vídeos em resolução total no Google Photos.[2][5]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Nos Estados Unidos, o Pixel será comercializado com exclusividade pela Verizon Wireless e pela Project Fi, mas também estará disponível diretamente ao consumidor através da loja online da Google.[4][1] No Reino Unido, os dispositivos estarão disponíveis através da EE Limited e da Carphone Warehouse.[7]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o portal:

Referências

  1. a b «Verizon is the exclusive carrier for Google's Pixel phones in US». The Verge. Consultado em 4 de outubro de 2016 
  2. a b c d e Vox Media (ed.). «Pixel 'phone by Google' announced». The Verge. Consultado em 4 de outubro de 2016 
  3. a b «Google's new Pixel phones come with Android 7.1 Nougat». The Verge. Consultado em 4 de outubro de 2016 
  4. a b Bohn, Dieter. Vox Media, ed. «The Google Phone: The inside story of Google's bold bet on hardware». The Verge. Consultado em 4 de outubro de 2016 
  5. a b «How Google hopes its Pixel camera will win over iPhone fans». CNET. Consultado em 4 de outubro de 2016 
  6. BBC (ed.). «Google Pixel phones and Home speaker take on Siri and Echo». Consultado em 4 de outubro de 2016 
  7. Mirror (ed.). «How much will the Google Pixel and Pixel XL phones cost? Best UK deals and where to find them». Consultado em 4 de outubro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]