PlayStation Portable

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
PlayStation Portable
PSP Logo.svg
Psp-1000.jpg
Primeiro modelo (PSP-1000) do PlayStation Portable
Fabricante Sony Computer Entertainment
Família do
produto
PlayStation
Tipo Console portátil
Geração 7 geração[nota 1]
Lançamento Japão 12 de dezembro de 2004
Estados Unidos 24 de março de 2005
União Europeia 2 de setembro de 2005
Descontinuado Japão julho de 2014
Estados Unidos janeiro de 2014
União Europeia dezembro de 2014
Brasil abril de 2015
Unidades
vendidas
82 milhões[1]
Mídia Universal Media Disc, distribuição digital
CPU MIPS R4000, 1-333 MHz
Capacidade de
armazenamento
Memory Stick PRO Duo e Memory Stick Micro (M2)
Memória 32 MB (PSP-1000)
64 MB (PSP-2000, PSP-3000, PSP-N1000 e PSP-E1000)
Exibição Tela TFT LCD de 4,3 polegadas (16:9), 480 x 272 pixels
Gráficos Media Engine 166 MHz 2MB
Conectividade IrDA, Wi-Fi, USB
Dimensões 74 mm (a)
170 mm (l)
23 mm (p)
Peso 280g
Jogo mais
vendido
Grand Theft Auto: Liberty City Stories 6,57 milhões[2]
Retrocompa-
tibilidade
PlayStation (via emulação)
Antecessor Pocketstation
Sucessor PlayStation Vita

PlayStation Portable, também conhecido pela sigla PSP, é um console portátil de videojogos da família PlayStation desenvolvido pela Sony Computer Entertainment. Foi anunciado na E3 de 2004 e lançado em 12 de dezembro de 2004 no Japão, e nos Estados Unidos em 24 de março de 2005. Seu principal concorrente era o Nintendo DS, console portátil da Nintendo.

Seguindo a tendência da família PlayStation, o PSP possui outras funções além dos jogos, como leitor de áudio, vídeo e acesso à Internet sem fio via rede Wi-Fi.[3][4] Seus gráficos são semelhantes aos do PlayStation 2. Outro atrativo da PSP é sua tela widescreen de 4,3 polegadas com alta luminosidade e definição.

O console foi vendido até o ano de 2014, tendo vendido aproximadamente 80 milhões de unidades, e o acesso à PlayStation Store foi encerrado em 31 de março de 2016. Foi sucedido pelo PlayStation Vita lançado em 17 de dezembro de 2011.

Tecnologia[editar | editar código-fonte]

Botões[editar | editar código-fonte]

  • Botões de ação: Triângulo, Círculo, X e Quadrado.
  • Botões direcionais: Direcional Digital, Direcional Analógico.
  • Botões de ombro: L e R.
  • Botões secundários: START, SELECT, HOME (substituído por PS nos modelos 3000, N1000 e E1000), VOL+, VOL-, SOM (mudará o tom da música entre Heavy Metal, Pop, Jazz, Unique e Off caso um fone de ouvido esteja conectado; caso for apertado e segurado por um segundo o mesmo agirá como o botão Mute em controles remotos de TVs comuns, independentemente do dispositivo de saída de áudio) e TELA (caso apertado uma vez, mudará o brilho da tela; caso apertado e segurado por um segundo, apagará a luz da tela; e caso apertado e segurado por 5 segundos ou mais, trocará a tela de saída de vídeo entre a tela do PSP e a tela da TV caso tenha um cabo AV inserido entre os mesmos (disponível apenas nos modelos 2000, 3000 e Go)).

Memória[editar | editar código-fonte]

A memória do PSP pode ser a memória interna de 16GB do PSP Go!, o Memory Stick Duo e PRO Duo de até 64GB para os modelos E1000, 1000, 2000 e 3000 e o Memory Stick Micro M2 de até 16GB para o PSP Go!.

Se nenhum desses tipos de memoória estiver presente, serão 32 MB no modelo 1000 e 64 MB nos modelos 2000, 3000, Go! e E1000.

Discos[editar | editar código-fonte]

Os discos do PSP são chamados de Universal Media Disc e podem armazenar até aproximadante 2GB. São protegidas por um tipo de cápsula de plástico que facilita o seu armazenamento. Nas primeiras versões havia relatos de discos ejetados longe devido à ejeção na horizontal. Nesses casos a capa plástica, por não ser totalmente fechada, permite que a sujeira entre mas não saia, causando prejuízos tanto para os usuários quanto para a empresa, que perde consumidores. Nas versões posteriores o erro foi corrigido através de um sistema de ejeção menos potente e algumas travas de segurança. Elas podem ser substituídas por outras até mais resistentes que a original. Não há pirataria destes discos, pois não há UMDs-ROM no mercado e é muito mais prático copiá-lo para o Memory Stick e utilizar seu conteúdo através de um homebrew.

Especificações técnicas de hardware[editar | editar código-fonte]

Especificações técnicas
CPU GPU
Taxoimagem.png MIPS R4000
Frequência de clock:
1-333 MHz
Lisura:
Barramento:
Taxoimagem.png PSP
Frequência de clock:
166  MHz
Lisura:

* Saída de vídeo: Vídeo Composto ou Componente para conexão com TVs(somente PSP 2000, 3000 e go)
  • Resolução de vídeo: 480x272
  • Chip gráfico: Bus 512-bit
  • Filtros Gráficos: PSP 3D Curved Surface + 3D Polygon Compressão de texturas Hardware Clipping, Morphing, Bone (8) Hardware Tessellator Bezier, B-Spline (NURBS) ex 4×4,16×16,64×64 sub-division
  • Paleta de cores: 16-Bit ou 32-Bit
Áudio Mídia

* Saída de áudio: Estéreo
Universal Media Disc, an optical disc medium developed by Sony for use on the PlayStation Portable.jpg UMD
Capacidade normal:
1,8 GB

* Diâmetro: 60mm
  • Velocidade de transferência: 11Mbps
Dimensões
Peso:
260 g (174 g na PSP 2000)
17 cm 7.4 cm 2.3 cm (1.8 cm PSP 2000)
largura altura profundidade

* Slots de expansão: MagicGate, Memory Stick Duo
  • FPU, VFPU (Unidade Vetorial): 2.6 GFlops
  • O Memory Bus Bandwidth: 3.2 GB por segundo
  • DRAM: 4MB
  • Processador de Media: 2MB DRAM
  • Memória Principal: 32MB (64MB no 2000, 3000 e Go)
  • Bateria: 3.6V 1800mAh (1200mAh no 2000) (2200mAh e 3600mAh vendidas separadamente)
  • Firmware: 6.61 (mais recente). Pode ser atualizado pelo usuário, versões novas são disponibilizadas pela Sony, o download pode ser feito através do próprio aparelho via Wi-Fi ou utilizando um PC.[5] Alguns jogos trazem consigo a atualização necessária para que estes funcionem.
  • Conexões: Wi-Fi IEEE 802.11b, USB 2.0, Memory Stick Duo e PRO Duo MagicGate™, IrDA (somente PSP 1000), IR Remote (SIRCS) e Bluetooth (somente PSP Go).

Design[editar | editar código-fonte]

Traseira do PSP.

O design talvez seja o ponto mais mencionado e a imagem mais comum que se vem à cabeça quando se fala do PSP. Pelo menos segundo Ken Kutaragi, criador da plataforma PlayStation e ex-presidente da Sony Computer Entertainment, que classifica o PSP como "a coisa mais bonita do mundo".

Tela[editar | editar código-fonte]

A tela tem o tamanho de 4,3 polegadas e uma resolução de 480×272 pixels, tal resolução apresentando uma proporção de tela widescreen ou 16:9. O PSP foi um dos primeiros consoles portáteis a apresentar suas imagens nativamente num aspecto 16:9. No ano em que o portátil foi desenvolvido, ou seja, no início dos anos 2000, esse formato de tela não era tão frequente nos jogos e nas TVs como é nos dias de hoje. O formato widescreen é conhecido por estabelecer um aspecto mais confortável e agradável para jogos e filmes comparado ao formato básico 4:3 das antigas TVs de tubo. Além do PSP, outros consoles portáteis apresentaram o formato 16:9, especialmente após a recente padronização do formato, como o seu sucessor PlayStation Vita, o Neo Geo X e mais recentemente o Nintendo Switch. O Nintendo 3DS também utiliza o aspecto widescreen em sua tela superior, porém em vez de seguir o formato 16:9, o qual já era o formato padrão de display na época de lançamento do portátil da Nintendo, a tela superior apresenta uma resolução padrão de 400×240, a deixando num formato 5:3, enquanto a tela inferior tem um formato 4:3, com resolução de 320×240.

Frente e traseira[editar | editar código-fonte]

A frente do PSP é coberta por acrílico, o que dá um aspecto sofisticado, porém com alguns relatos de manchas de impressões digitais e de gordura dos dedos, o que pode ser resolvido facilmente com um pano úmido.

A traseira do portátil é de plástico no modelo 1000, enquanto é coberta por acrílico nos modelos 2000, 3000 e Go!. Ainda na parte traseira se apresenta o logotipo do PSP circundado por um anel metálico nos modelos 1000 e 2000, por um anel de plástico no modelo 3000 e sem a presença de um anel no modelo Go!.

Conexões[editar | editar código-fonte]

O PSP possui Wi-Fi que permite conexões ad-hoc e infraestrutura, permitindo a utilização de jogos multiplayer e acesso à Internet (exceto no modelo E1000) utilizando o navegador web Netfront integrado, USB 2.0, infravermelhos (somente PSP 1000) e Bluetooth (somente PSP Go).

Saída para TV[editar | editar código-fonte]

Cabos componentes para conexão do PSP com a TV.

Os modelos 2000 e 3000 podem ser conectados à TV através de cabos vídeo composto, S-Video e vídeo componente específicos para o console. Os jogos são exibidos no formato da tela nativo do PSP (480x272 pixels) sem recurso de upscale, significando que a tela aparece no formato windowbox ao invés do preenchimento total da tela.

Utilidades[editar | editar código-fonte]

Além de jogos, o PSP reproduz filmes MP4, aplicativos em Flash, MP3, AAC, WMA (somente depois de ativado, o que requer uma conexão à Internet) e fotos JPEG no UMD ou no Memory Stick e também pode acessar à Internet através de Wi-Fi. Pode também utilizar-se como controlador de jogos e ecrã secundário para o PlayStation 3, como por exemplo, servindo de espelho retrovisor em jogos de corrida, ou até mesmo usar o controlador Sixaxis ou DualShock 3 da PS3 no portátil (somente no modelo Go!). Era também possível comprar jogos do PlayStation original através da PlayStation Store e jogá-los no console portátil.

Reproduz TV através de um aparelho da Sony chamado Location Free™ Player e vira uma câmera através da câmera para PSP da Sony que é acoplado na entrada USB. Estão introduzidos também a Máquina virtual Java. Existe também o Go!Explore, um receptor de GPS que transforma a PSP num sistema de navegação com mapas e ruas, mas que só foi lançado no Japão e na Europa.

Em agosto de 2008, foi anunciada a versão 3000 do console que, entre outras coisas, adicionou um microfone, bem como tela anti-reflexo e maior gama de cores. A PSP 3000 foi lançada em outubro de 2008. Todos os acessórios do 2000 são compatíveis com 3000.

Também é possível a utilização de softwares de terceiros (homebrew), estes sendo executados somente nos consoles destravados (onde foram alterados firmware, bateria ou outro componente) para rodar aplicações diretamente do Memory Stick.

A Sony condena o desbloqueio do PSP, mas a grande maioria dos usuários desbloqueia seus consoles para obter mais recursos, adicionando emuladores de consoles clássicos como o Nintendinho, o Super Nintendo, a trilogia de consoles Gameboy, o Mega Drive, o Neo Geo etc.

Modelos[editar | editar código-fonte]

Séries Imagem Conexões Conectividade Wireless RAM e Armazenamento Interno CPU Display Data de lançamento original Versão original do software Bateria
PSP-1000 Psp-1000.jpg USB 2.0, UMD, Serial Port, Headphone Jack, Memory Stick PRO Duo 802.11b Wi-Fi, IRDA 32MB, 32MB System Software MIPS R4000 at 1~333Mhz 4.3" 16:9 Color TFT at 480 x 272 12 de Dezembro, 2004 (Japão) 1.00 5v DC 1800mAh, podendo aumentar para 2200mAh
PSP-2000 PSP-2000.jpg USB 2.0, UMD, Video Out and Mic Port, Headphone Jack, Memory Stick PRO Duo 802.11b Wi-Fi 64MB, 64MB System Software Setembro, 2007 3.60 5v DC 1200mAh, podendo aumentar para 2200mAh
PSP-3000 PSP-3000-Silver.jpg USB 2.0, UMD, Video Out, Microphone, Headphone Jack, Memory Stick PRO Duo Outubro, 2007 4.20
PSP Go PSP-Go-FL-Open.jpg All in One Port, Headphone Jack, Mic, Memory Stick Micro 802.11b Wi-Fi, Bluetooth 2.1 EDR 64MB, 16GB User and System Software Shared 3.8" 16:9 Color TFT at 480 x 272 Sliding Screen Outubro, 2009 5.70 5v DC Não removível
PSP-E1000 PSP E1000 illustration.svg USB 2.0, UMD, Headphone Jack, Memory Stick PRO Duo Não 64MB, 16GB User and System Software Shared 4.3" 16:9 Color TFT at 480 x 272 Outubro, 2011 6.50


A segunda geração do PlayStation Portable, o PSP-2000, foi lançado em 20 de setembro de 2007 no Japão e é 19% mais estreito que o original, 33% mais leve e 5% mais barato que o original.[6][7][8]

Emuladores[editar | editar código-fonte]

Devido ao sucesso impactante do PSP no mundo, este console vendeu mais de 80 milhões de unidades no mundo, possibilitando também o surgimento de diversos emuladores, como:

  • JPCSP, um emulador de PSP escrito em Java;
  • Potemkin, um emulador não muito conhecido, criticado por muitos, possui diversos bugs. Sua função é rodar jogos de PSP através de savegames;
  • PPSSPP, um dos melhores emuladores de PSP, multi-plataforma.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. Considerando as referências a seguir «Dos hardcores aos casuais». MSN jogos. 6 de novembro de 2010. Consultado em 16 de junho de 2011. Lançado em novembro de 2005, o Xbox 360 deu o pontapé inicial na sétima geração de consoles.  e «A História dos Vídeo Games #24: Sega Dreamcast, um console a frente do seu tempo». Nintendo Blast. 24 de maio de 2011. Consultado em 16 de junho de 2011. Querendo ou não, com o Dreamcast a SEGA deflarou o início da 6ª geração de vídeo games. , além do fato do Dreamcast ter sido lançado em 1998, deduz-se que qualquer console lançado entre 1998 e 2005 necessariamente pertence à sexta geração.

Referências

  1. «Cópia arquivada». Consultado em 3 de junho de 2014. Cópia arquivada em 3 de junho de 2014 
  2. VG Chartz - acessado em 2008-ago-08
  3. (em inglês) Playstation.com
  4. (em português) Playstation.com.br: Sobre o PSP
  5. Ajuda e Assistência PSP Guias: Transfere agora Download do última versão do firmware.
  6. «Novo PlayStation Portable vende 1 milhão de unidades no Japão». G1 Games. 26 de novembro de 2007. Consultado em 15 de junho de 2011. [...] nova versão do PSP, chamado de PSP 2000 [...]. O novo modelo é mais barato e estreito que o original. Também tem processador mais veloz que o modelo anterior. Lançado dia 20 de setembro, no Japão, o PSP 2000 é uma tentativa da Sony de competir melhor com o portátil DS, da Nintendo. 
  7. «2ª geração da Playstation Portable à venda em Setembro no Japão». dnoticias.pt. 17 de julho de 2007. Consultado em 15 de junho de 2011. A Sony vai lançar a 20 de Setembro, no Japão, a segunda geração da Playstation Portable (PSP), mais leve e fina, por 117 euros, anunciou hoje a empresa. A nova consola portátil, que estará disponível em seis cores, é 33% mais leve, 19% mais fina e 5% mais barata do que a de primeira geração. A PSP, que permite reproduzir filmes, jogos e música, terá uma nova ligação de vídeo para conectar as consolas aos televisores. A primeira versão da consola portátil da Sony foi lançada em 2004, a par da Nintendo DS, a sua principal concorrente. 
  8. «Novo PSP vende um milhão de unidades no Japão em dois meses». PC World. 26 de novembro de 2007. Consultado em 15 de junho de 2011. Arquivado do original em 9 de abril de 2008. A segunda geração do PSP, lançada em 20 de setembro, no Japão [...]. Comparado ao PSP original, que chegou às prateleiras em dezembro de 2004, o novo modelo é 33% mais leve e 19% mais fino, além de ser mais barato e contar com uma tela de cristal líquido (LCD) maior. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]