Polícia Militar do Estado do Tocantins

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Polícia Militar do Tocantins
Brasão PMTO.PNG
Brasão da PMTO
País  Brasil
 Tocantins
Missão Polícia Militar
Sigla PMTO
Criação 1 de janeiro de 1989
Sede
Guarnição Palmas
Internet Página Oficial

A Polícia Militar do Estado de Tocantins (PMTO) tem por função primordial o policiamento ostensivo e a preservação da ordem pública no Estado do Tocantins. Ela é Força Auxiliar e reserva do Exército Brasileiro, e integra o Sistema de Segurança Pública e de Defesa Social do Brasil. Seus integrantes são denominados militares dos Estados,[1] assim como os membros do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Tocantins.[2]

Histórico[editar | editar código-fonte]

A primeira sede do Quartel do Comando Geral (QCG) foi instalado na capital provisória, Miracema do Tocantins; onde atualmente funciona a sede da Companhia Independente da Polícia Militar (6ª CIPM). Em 17 de abril de 1990, após a instalação na Capital definitiva do Estado, o Comando da PMTO mudou-se para Palmas. Posteriormente o QCG passou por mais dois lugares, até ser instalado na sua sede atual, em 21 de abril de 2002, na Avenida LO-05, Quadra AE 304 Sul, Lote 02.[3]

Estrutura[editar | editar código-fonte]

A PMTO está estruturada em Órgãos de Direção, de Apoio, de Execução e Especiais.[3]

Órgãos de Direção[editar | editar código-fonte]

Órgãos de Apoio[editar | editar código-fonte]

Órgãos de Execução[editar | editar código-fonte]

Comando do Policiamento da Capital[editar | editar código-fonte]

O Comando de Policiamento da Capital (CPC) é o órgão de execução que coordena as ações operacionais desenvolvidas na Capital e em municípios vizinhos.

Comando do Policiamento do Interior[editar | editar código-fonte]

O Comando de Policiamento do Interior (CPI) agrega as demais unidades localizadas nas cidades do interior do Estado.

  • 2º Batalhão de Polícia Militar - Araguaína
  • 3º Batalhão de Polícia Militar - Pedro Afonso
  • 4º Batalhão de Polícia Militar - Gurupi
  • 7º Batalhão de Polícia Militar - Guaraí
  • 1ª Companhia Independente de Polícia Militar - Arraias
  • 2ª Companhia Independente de Polícia Militar - Dianópolis
  • 4ª Companhia Independente de Polícia Militar - Araguatins
  • 5ª Companhia Independente de Polícia Militar - Tocantinópolis

Órgãos Especiais[editar | editar código-fonte]

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. Artigo 42 da Constituição Federal.
  2. No Tocantins o Corpo de Bombeiros foi ativado em 1993, e é atualmente uma corporação autônoma.
  3. a b Página oficial da Polícia Militar do Estado de Tocantins.