Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dicastério da Igreja Católica
Coat of arms Holy See.svg
Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos
 
Pontificium Consilium ad Unitatem Christianorum Fovendam


Ereção Canônica: 5 de junho de 1960
Presidente: Kurt Cardeal Koch
Secretário: Brian Farrell
Emérito: Walter Cardeal Kasper

Edward Idris Cardeal Cassidy

Santa Sé · Igreja Católica
Projeto Catolicismo · uso desta caixa

O Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos (Pontificium Consilium ad Unitatem Christianorum Fovendam) é um dicastério da Cúria Romana.

No ambiente do Concílio Vaticano II, sob inspiração do Papa João XXIII, foi criada em 5 de junho de 1960, dia de Pentecostes daquele ano, o Secretariado para a Promoção da Unidade dos Cristãos, com o Motu Próprio Superno Dei Nutu.

Em 1966 este secretariado foi confirmado pelo Papa Paulo VI, como organismo permanente da Santa Sé.

A partir da Constituição Apostólica Pastor Bonus, de João Paulo II, este dicastério é elevado a categoria de Pontifício Conselho, designação que tomou desde 1 de março de 1989.

Função[editar | editar código-fonte]

A função do Pontifício Conselho é a de aplicar-se com iniciativas oportunas ao empenho ecumênico por recompor a unidade entre os cristãos.

Ele interessa-se por que sejam postos em prática os Decretos do Concílio Vaticano II concernentes ao ecumenismo. Ocupa-se da reta interpretação dos princípios ecumênicos e cuida da execução dos mesmos.

Favorece convênios católicos, tanto nacionais como internacionais, realizados para promover a unidade dos cristãos, congrega-os e coordena-os e está atento às suas iniciativas.

Submete previamente as questões ao Sumo Pontífice, cuida das relações com os irmãos das Igrejas e das Comunhões eclesiais, que ainda não têm plena comunhão com a Igreja Católica, e, sobretudo promove o diálogo e os colóquios para favorecer a unidade com elas, valendo-se da colaboração de peritos bem preparados na doutrina teológica. Designa os observadores católicos para os encontros entre cristãos e convida os observadores das outras Igrejas e Comunhões eclesiais para os encontros católicos, todas as vezes que isto pareça oportuno.

Dado que a matéria a ser tratada por este Dicastério muitas vezes, por sua natureza, se refere a questões de fé, é necessário que ele proceda em estreita união com a Congregação para a Doutrina da Fé, sobretudo quando se trata de emanar documentos públicos ou declarações.

Ao tratar os assuntos, de maior importância, que se referem às Igrejas Orientais separadas, primeiro deve ouvir a Congregação para as Igrejas Orientais.

Junto do Conselho é constituída uma Comissão para estudar e tratar as matérias que, sob o ponto de vista religioso, se referem aos judeus: essa Comissão é dirigida pelo Presidente do mesmo Conselho.

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Período Notas
Presidentes
Kurt Cardeal Koch 2010- Atual
Walter Cardeal Kasper 2001-2010 presidente emérito
Edward Idris Cardeal Cassidy 1989-2001 presidente emérito
Johannes Gerardus Maria Cardeal Willebrands 1974-1990
Agostinho Cardeal Bea, SJ 1960-1968

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.