Pontos extremos da União Europeia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Mapa do território abrangido pela União Europeia (verde)

Os pontos extremos da União Europeia são:

Latitude e longitude[editar | editar código-fonte]

Europa Continental[editar | editar código-fonte]

Exclui ilhas.

Território na Europa[editar | editar código-fonte]

Inclui ilhas.

Totalidade do território[editar | editar código-fonte]

Incluindo as regiões ultraprefiféricas da União Europeia:

No Espaço Schengen[editar | editar código-fonte]

O Espaço Schengen exclui o Reino Unido, República da Irlanda, Croácia, Roménia, Bulgária e Chipre, e inclui os restnates membros da União Europeia, os países membros da EFTA que têm acordos de participação (Islândia, Suíça, Liechtenstein e Noruega), além das participações de facto de Vaticano, San Marino e Mónaco.

Altitude[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Apesar de Rockall se situar na plataforma continental europeia e, portanto, pode ser considerada uma ilha europeia, o seu estatuto político é questionável, devido a reivindicações por vários países. Se não tivermos Rockall em conta, o ponto mais ocidental da União Europeia na Europa é a ilha de An Tiaracht, na Irlanda(52° 04′ N, 10° 39′ O).
  2. Apesar de a totalidade do Chipre esteja integrada na União Europeia desde 1 de maio de 2004, a legislação europeia aplica-se somente à República do Chipre, a parte sul da ilha, dado que a parte norte é de facto governada pela República Turca do Chipre do Norte. Se se incluir o seu território (a ilha toda), o ponto mais oriental é as ilhas Klidhes, ao largo do Cabo Apostolos Andreas (35° 43′ N, 34° 36′ L).

Ver também[editar | editar código-fonte]