Porta de São Paulo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Porta São Paulo)
Ir para: navegação, pesquisa
Porta de São Paulo
Vista da Porta de São Paulo
Gravura de Luigi Rossini (séc. XIX)
Local Rione XXI - San Saba
Construído em Entre 270 e 274
Construído por/para Aureliano
Tipo de estrutura Portão da cidade
Porta de São Paulo está localizado em: Roma
Porta de São Paulo

A Porta de São Paulo (em italiano: Porta San Paolo) é uma das portas meridionais da Muralha Aureliana em Roma e cujo nome é uma referência à Basílica de São Paulo fora da Muralha, para a qual ela dava acesso. Corresponde à Porta Ostiense, a porta de onde iniciava, e ainda inicia, a Via Ostiense, o caminho que liga Roma a Óstia Antiga, uma importante estrada arterial de Roma, principalmente por levar diretamente ao Empório, o grande mercado da cidade.

A porta está separada da Muralha Aureliana, e tem o aspecto de um castelo com suas duas torres: por isto é chamada algumas vezes de Castelinho (Castelletto).

História[editar | editar código-fonte]

A casa da guarda do portão é guardada por duas torres cilíndricas e tem duas entradas, que foram cobertas por um segundo portão, de abertura única, construído em frente do primeiro pelo general bizantino Belisário nas décadas de 540 ou 550.

A estrutura original é da época de Maxêncio, no século IV, mas as duas torres tiveram sua altura aumentada pelo imperador Honório. Em 549, Roma estava cercada e os ostrogodos de Totila conseguiram invadir a cidade através da Porta Ostiense depois que a guarnição isauriana traiu os bizantinos. Em 10 de setembro de 1943, dois dias depois do armistício entre os Aliados e a Itália, forças civis e militares italianas tentaram bloquear a tomada da cidade pelos alemães ali, resultando em 570 baixas.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Porta de São Paulo