Portal:Conteúdo destacado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The featured content star

Conteúdo destacado na Wikipédia

Conteúdo destacado representa o melhor que a Wikipédia tem a oferecer. Esta página faz ligações com todos os conteúdos destacados da Wikipédia e apresenta um exemplo de cada tipo de conteúdo selecionado aleatoriamente.

Conteúdo destacado aleatório

Para ver abaixo outra seleção aleatória de conteúdos destacados, clique aqui.

Escolha dos conteúdos destacados

Você pode participar do processo de seleção dos destaques em:

Conteúdo destacado:

Conteúdo bom:

Revalidação:

Artigo destacado aleatório

Luther 95 Thesen.png

As 95 Teses ou Disputação do Doutor Martinho Lutero sobre o Poder e Eficácia das Indulgências (em latim: Disputatio pro declaratione virtutis indulgentiarum) são uma lista de proposições para uma disputa acadêmica escritas em 1517 por Martinho Lutero, professor de teologia moral da Universidade de Wittenberg, Alemanha, as quais iniciaram a Reforma Protestante, um cisma da Igreja Católica que mudou profundamente a Europa. Tais teses discorrem sobre as posições de Lutero contra o que ele viu como práticas abusivas por pregadores que realizavam a venda de indulgências, que tinham por finalidade reduzir a punição temporal de pecados cometidos pelos próprios compradores ou por algum de seus entes queridos no purgatório. Nas Teses, Lutero afirmou que o arrependimento requerido por Cristo para que os pecados sejam perdoados envolve o arrependimento espiritual interior e não meramente uma confissão sacramental externa. Ele argumentou que as indulgências levam os cristãos a evitar o verdadeiro arrependimento e a tristeza pelo pecado, acreditando que podem renunciá-lo comprando uma indulgência. Estas também, de acordo com Lutero, desencorajam os cristãos de dar aos pobres e realizarem outros atos de misericórdia, acreditando que os certificados de indulgência eram mais valiosos espiritualmente. Apesar de Lutero ter afirmado que suas posições sobre as indulgências estavam de acordo com as do papa, as teses desafiaram uma bula pontifícia do século XIV, as quais afirmavam que o papa poderia usar o tesouro do mérito e as boas obras dos santos do passado para perdoar a punição temporal pelos pecados. (leia mais...)

Lista destacada aleatória

A lista dos álbuns que alcançaram a primeira posição da Billboard 200 no ano de 2011 foi realizada através de dados compilados pela Nielsen Soundscan, com base nas vendas físicas e digitais dos álbuns a cada semana, nos Estados Unidos, e publicados pela revista Billboard. Em 2011, no total, foram trinta álbuns que alcançaram a primeira posição em cinquenta e três edições. Speak Now de Taylor Swift abriu o ano na tabela musical com 259 mil cópias vendidas e Christmas por Michael Bublé fechou o ciclo com 448 mil unidades facturadas. No entanto, foi 21 de Adele que mais semanas permaneceu no topo da lista, com treze semanas não-consecutivas, sendo também recordista de vendas com mais de cinco milhões de cópias. A revista Billboard revelou que esta marca não era atingida desde 2004, pelo disco Confessions de Usher, com oito milhões. Contudo, com uma primeira semana de 1 milhão e 108 mil, Born This Way de Lady Gaga foi o álbum com a estreia mais elevada do ano, seguindo-se Tha Carter IV de Lil Wayne com 964 mil cópias expedidas. </onlyinclude>


Imagem destacada aleatória

Conteúdo recentemente destacado

Artigos Imagens Listas Portais