Portal:Geórgia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bem-vindo ao
Portal da Geórgia
99999x120px._Monument_of_St._George.jpgGoristatue.JPGStreets of Batumii.jpg
Cartella rossa.jpg
Brosen windrose-fr.svg
ver    
Armoiries de la Géorgie
La Géorgie, entre Europe et Asie
Drapeau de la République de Géorgie

A Geórgia é uma pequena república do Cáucaso localizada na fronteira entre Europa e Ásia. Limita a norte e a leste com a Rússia, a leste e a sul com o Azerbaijão, a sul com a Arménia e a Turquia e a oeste com o mar Negro. Sua capital é Tbilisi, também conhecida em português como Tíflis.

No início do século XIX, a Rússia anexa Geórgia e coloca-a em sua órbita imperial. A Geórgia recuperou a sua independência apenas em 1918, em uma época como uma república efêmera que foi assolada pelas forças bolcheviques em 1921. A Rússia, em seguida, transformou-se na União Soviética, incluindo a Geórgia como uma das suas 15 repúblicas. Em 1991, o país recuperou sua soberania em meio a uma grande turbulência. A presidência pró-russa de Eduard Shevardnadze durou quase dez anos e a chegada ao poder de Mikhail Saakashvili em 2004 abriu uma nova era de reformas e democracia na Geórgia, a chamada Revolução Rosa.

Dada a sua posição estratégica (entre a Europa e a Ásia), a Geórgia foi muitas vezes o coração dos conflitos geopolíticos das superpotências. Assim, desde 2004, este país tenta aproximar-se dos Estados Unidos e da União Europeia, enquanto a Rússia, ansiosa para recuperar sua influência sobre a Geórgia, apoia a independência da Abcásia e da Ossétia do Sul que representam um terço do seu território. A guerra relâmpago em agosto de 2008 também opôs os dois países.

Considerada uma nação transcontinental, a Geórgia é membro do Conselho da Europa desde 27 de abril de 1999. O país se integrou à Comunidade de Estados Independentes em 1994, mas o seu parlamento aprovou por unanimidade em 14 de agosto de 2008 a sua saída da comunidade, devido ao apoio militar russo às causas de independência da Abecásia e da Ossétia do Sul.



Artigos selecionados

Russia Caucusus 1882.jpg

A Geórgia foi parte do Império Russo de 1801 a 1918. Durante todo o período moderno, os impérios islâmicos Otomano e Persa lutaram por vários fragmentados reinos e principados georgianos até que, por volta do século XVIII, a Rússia emergiu como o novo poder imperial na região. Dado que a Rússia era um Estado cristão ortodoxo, assim como a Geórgia, os georgianos procuraram cada vez mais a ajuda dos russos. Em 1783, o reino georgiano tornou-se um protetorado russo e abjurou qualquer dependência de seu suserano, a Pérsia. Em 1801, o país foi anexado pela Rússia, e reduzido ao status de uma região russa (Guberniya Geórgia).

Nos próximos 117 anos, a Geórgia seria parte do Império Russo. O domínio russo ofereceu segurança aos georgianos contra ameaças externas, mas foi também muitas vezes pesado e insensível aos habitantes. Até o final do século XIX, o descontentamento com as autoridades russas levaram a um movimento nacional em crescimento. O período imperial russo, no entanto, trouxe mudanças sociais e econômicas sem precedentes para a Geórgia, com novas classes sociais emergentes, a emancipação dos servos libertados - bem como muitos camponeses - mas fez pouco para reduzir sua pobreza. O crescimento do capitalismo criou uma classe trabalhadora urbana na Geórgia. Ambos os camponeses e trabalhadores encontraram expressão para o seu descontentamento através de revoltas e greves, que culminaram na Revolução Russa de 1905. A sua causa foi defendida pelos socialistas mencheviques, que se tornaram a força política dominante na Geórgia nos anos finais do regime russo. A Geórgia finalmente alcançou sua independência em 1918.


Biografia selecionada

Bagrat III Unifier (crop).png

Bagrate III da Geórgia (em georgiano: ბაგრატ III; transl.: Bagrat III), da dinastia georgiana Bagrationi, foi um rei dos abecásios a partir de 978, como Bagrate II da Abecásia, e rei da Geórgia a partir de 1008. Assim como os demais monarcas georgianos, era geralmente conhecido por seu título monárquico ("mepe"), Bagrate III Mepe. Ele foi o responsável por unificar os dois títulos por herança dinástica e, através de conquistas e diplomacia, ampliou seus domínios até tornar-se efetivamente o primeiro rei do que é hoje conhecido como "Reino da Geórgia". Antes de ser coroado rei, Bagrate governou Kartli entre 976 e 978.

Bagrate supervisionou a construção da Catedral Bagrati em Kutaisi, na Geórgia ocidental, cujas ruínas são um Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO.


Imagem selecionada

Sabia que?

... que o Parque Nacional de Borjomi-Kharagauli, com área total de 5,3 mil quilômetros quadrados, é considerado um dos maiores parques nacionais da Europa?

... a Rússia Soviética reconheceu a independência da República Democrática da Geórgia com o Tratado de Moscou de 1920, desde que não as tropas estrangeiras não amigáveis à Rússia nunca fossem estacionadas em solo georgiano?


Predefinições

Como colaborar

Colabore!

Agradecemos o seu interesse por ampliar e melhorar os artigos relacionados com a Geórgia na Wikipédia! Abaixo algumas coisas que esperam a sua colaboração.

  • Ajude a manter este portal atualizado.
  • Dê suas sugestões, críticas ou elogios na página de discussão.
  • Crie artigos de destaque relacionados a esse país dando visibilidade ao assunto escolhido.
  • Adicione novas imagens na galeria.


WikiProjetos

Geografia

Georgia areas.png

Geografia da Geórgia


Desde a Guerra Russo-Georgiana de 2008, a Geórgia perdeu de facto um terço do seu território. Atualmente, a independência da Abecásia (em verde) e da Ossétia do Sul (em roxo) é reconhecida por poucos países. (Ver: Territórios ocupados da Geórgia)


Categorias

Portais relacionados

Associados Wikimedia

Geórgia no Wikinotícias     Geórgia no Wikiquote     Geórgia no Wikilivros     Geórgia no Wikisource     Geórgia no Wikcionário     Geórgia na Wikiversidade     Geórgia no Wikivoyage     Geórgia no Commons
Notícias Citações Livros didáticos e manuais Biblioteca Definições Recursos de aprendizado Guias de viagem Imagens e mídia
https://pt.wikinews.org/wiki/Special:Search/Ge%C3%B3rgiaWikinews-logo.png
https://pt.wikiquote.org/wiki/Special:Search/Ge%C3%B3rgiaWikiquote-logo.svg
https://pt.wikibooks.org/wiki/Special:Search/Ge%C3%B3rgiaWikibooks-logo.png
https://pt.wikisource.org/wiki/Special:Search/Ge%C3%B3rgiaWikisource-logo.svg
https://pt.wiktionary.org/wiki/Special:Search/Ge%C3%B3rgiaWiktionary-logo.svg
https://pt.wikiversity.org/wiki/Special:Search/Ge%C3%B3rgiaWikiversity-logo.svg
https://pt.wikiversity.org/wiki/Special:Search/Ge%C3%B3rgiaWikivoyage-Logo-v3-icon.svg
//pt.wikipedia.org/wiki/Especial:Search/Commons:Ge%C3%B3rgiaCommons-logo.svg

Recarregar