Portal:Islândia/Artigo destacado/2

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
The pond.jpg

Reykjavík (pronúncia em islandês[ˈreiːc(j)aˌviːk] (Sobre este somescutar ); literalmente: baía fumegante), é a capital da Islândia e, pela sua posição, é também a capital mais setentrional do mundo. Durante o inverno, os dias duram quatro horas e no verão as noites não existem. A cidade situa-se a 64° 04' de latitude norte, muito perto do círculo polar ártico, numa zona rica em gêiseres, no lugar mesmo onde se instalaram os primeiros colonos conduzidos por Ingólfur Arnarson. Em 1786, a associação de 302 habitantes deu origem à atual cidade. É a cidade mais povoada da Islândia, com mais de sessenta por cento da população do país.

Ademais de ser a maior cidade do país, concentrando mais de sessenta por cento da população da Islândia, Reiquiavique é um ativo centro comercial, político, industrial e cultural, onde estão concentrados as instituições políticas, as bibliotecas, os museus, as universidades, os escritórios centrais de comunicação (rádio, televisão e imprensa escrita), os teatros e as orquestras, os cursos de justiça, piscinas ao ar livre e os estádios de esportes (desportos, em português europeu), as infraestruturas marítimas, aéreas e as companhias de transporte coletivo e as fábricas, entre as quais as fábricas de conservas de peixes.