Porto Alegre do Norte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Porto Alegre do Norte
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 13 de maio
Fundação 13 de maio de 1986
Gentílico porto-alegrense
Prefeito(a) Emival Gomes de Freitas (PSD)
Localização
Localização de Porto Alegre do Norte
Localização de Porto Alegre do Norte no Mato Grosso
Porto Alegre do Norte está localizado em: Brasil
Porto Alegre do Norte
Localização de Porto Alegre do Norte no Brasil
10° 52' 40" S 51° 37' 58" O10° 52' 40" S 51° 37' 58" O
Unidade federativa  Mato Grosso
Mesorregião Nordeste Mato-Grossense IBGE/2008 [1]
Microrregião Norte Araguaia IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes ao norte, Confresa e Santa Terezinha; ao leste, Luciara; ao sul, Canabrava do Norte; e ao oeste, São José do Xingu
Distância até a capital 1 159 km
Características geográficas
Área 3 977,416 km² [2]
População 10 754 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 2,7 hab./km²
Altitude 205 m
Clima Tropical semi-umido PAN
Fuso horário UTC−4
Indicadores
IDH-M 0,709 alto PNUD/2000 [4]
PIB R$ 79 841,144 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 8 000,92 IBGE/2008[5]
Página oficial

Porto Alegre do Norte é um município brasileiro do estado de Mato Grosso.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localização[editar | editar código-fonte]

O município de Porto Alegre do Norte está localizado na região nordeste do estado de Mato Grosso, entre dois grandes rios, Araguaia e Xingu, à margem esquerda do rio Xavantino afluente do rio Araguaia e no fundo, à margem do rio Fontoura afluente do rio Xingu, privilegiado por se encontrar na parte central de uma Micro-região formada por 14 municípios circunvizinhos.

Distritos[editar | editar código-fonte]

  • Nova Floresta

Rio principal[editar | editar código-fonte]

O rio Tapirapé é um dos principais afluentes do rio Araguaia no Norte e abastece a cidade de Porto Alegre do Norte.

Origem Histórica[editar | editar código-fonte]

A região foi imemorialmente habitada por povos indígenas da nação tapirapé. A história da colonização, recente, da gente de Porto Alegre do Norte, inicia-se no final da década de 1940.

O crescimento foi pequeno e aos poucos os habitantes foram-se fixando nas margens do rio. Data de 1966 a primeira concentração urbana, então denominada Beira Rio.

Com a chegada da estrada BR-153, em 1975, são instalados novos projetos agropecuários ocupando vastas áreas, a estrada traz também novos posseiros, que aos poucos vão se instalando e formando os Núcleos do Sertão. O aumento do número de posseiros e a chegada de trabalhadores para a implantação das fazendas propicia uma nova ordem nas relações econômicas em Porto Alegre e aos poucos vai se firmando um pequeno comércio. A Lei n.º 5.010, de 13 de maio de 1986, criou o município:

"Artigo 1º - Fica criado o município de Porto Alegre do Norte, desmembrado dos municípios de Luciara e São Félix do Araguaia.

"Artigo 2º - O município criado é constituído de um só distrito, da Sede.

Parágrafo Único - O município somente será instalado com a eleição e posse do prefeito, vice-prefeito e vereadores, realizada de conformidade com a Legislação Federal vigente."

Nome[editar | editar código-fonte]

A denominação "do Norte" foi adotada apenas para melhor distinção entre esta sede municipal e a capital gaúcha, não traduzindo, de forma alguma, uma dependência de colonização sulina. A denominação "Porto Alegre" nasceu de fatos locais de alegres navegantes do Rio Tapirapé um deles Cleverson rocha que hoje fundou a maior cidade do mato grosso vila bela de santissima trindade. A Lei n.º 5.010 continha um grave erro geográfico-político, pois o território de Porto Alegre do Norte separava em duas partes o município de Luciara, não permitindo a sua unidade territorial. A fim de se reparar o defeito legislativo, editou-se a Lei n.º 5.338, de 18 de agosto de 1988. Essa Lei abriu um corredor ao norte de Porto Alegre do Norte, salvando a unidade territorial de Luciara. O primeiro prefeito municipal foi o Sr. Rodolfo Alexandre Inácio.

População[editar | editar código-fonte]

A população de Porto Alegre do Norte é constituida de 10.754 habitantes, sendo que 5.179 residem na zona urbana e 5.575 pessoas moram na zona rural ou seja 48.1% na zona urbana e 51.9% na zona rural (segundo o IBGE em 2010).

Economia e infraestrutura[editar | editar código-fonte]

O município tem uma economia baseada na agropecuária e comércio. Na pecuária pode-se considerar como principal a criação de gado de corte, porém vem se destacando como forte bacia leiteira do Vale do Araguaia. Já a agricultura em plena expansão, atualmente cultiva-se soja, milho, arroz entre outros cereais, conta também com fabricação de biodiesel. O comércio local é o principal responsável pela criação de empregos, contudo com a ampliação da agropecuária, esse cenário esta mudando.

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010. 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010. 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Porto Alegre do Norte no WikiMapia