Porto de Galinhas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Praia de Porto de Galinhas
Porto de Galinhas-003.jpg

Vista aérea de Porto de Galinhas.

Localização
Coordenadas
Endereço
Altitude
10 mVisualizar e editar dados no Wikidata
Descrição
Tipo de praia

Porto de Galinhas é uma praia localizada no distrito homônimo, pertencente ao município de Ipojuca, no estado de Pernambuco, Brasil. A região possui piscinas de águas claras e mornas formadas entre corais, além de estuários, mangues, areia branca e coqueirais.[1] Toda a região é muito frequentada por turistas e surfistas de diversas nacionalidades, tendo sido eleita pela revista Viagem e Turismo, da Editora Abril, como a "Melhor Praia do Brasil" por dez vezes consecutivas.[2]

Entre Porto de Galinhas e Praia dos Carneiros (outro importante destino turístico pernambucano) está situada a Ilha de Santo Aleixo.[3] Já no sentido norte estão localizadas as praias de Muro Alto, formada por uma extensa barreira de recifes, e de Calhetas, local do descobrimento do Brasil pelo navegador espanhol Vicente Yáñez Pinzón em janeiro de 1500, muito procurada para a prática de tirolesa.[4]

Há dias ensolarados em todos os meses do ano, mas os meses de abril, maio, junho e julho são os mais chuvosos no litoral de Pernambuco, sendo junho o mês com os maiores índices pluviométricos. A melhor época vai de setembro a fevereiro, e os meses com mais dias de sol são outubro, novembro e dezembro.[5]

História[editar | editar código-fonte]

Inicialmente, a praia era chamada de Porto Rico, devido à sua abundância em pau-brasil. No auge da escravidão no Brasil, era o principal ponto de comércio de escravos ilegais no nordeste brasileiro, que muitas vezes chegavam escondidos embaixo de engradados de galinhas-d'angola. A chegada dos escravos ilegais ao porto costumava ser anunciada pela frase tem galinha nova no porto! Desta forma, a praia de Porto Rico ficou conhecida como Porto de Galinhas. A partir do início da década de 1990, tornou-se um polo turístico. Isto gerou danos à vida marinha na região, obrigando o controle da atividade dos turistas a partir de 2014.[6]

Piscinas naturais de Porto de Galinhas.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Viagem. Disponível em http://viajeaqui.abril.com.br/cidades/br-pe-porto-de-galinhas. Acesso em 5 de setembro de 2015.
  2. Porto de Galinhas.com.br. Disponível em http://www2.uol.com.br/portodegalinhas/noticias_outras17.htm. Acesso em 5 de setembro de 2015.
  3. «A calmaria e a beleza da Ilha de Santo Aleixo em Sirinhaém». Jornal do Commercio. Consultado em 31 de dezembro de 2019 
  4. Henri Beuchat. «Manual de arqueología americana» (em espanhol). p. 77. Consultado em 23 de abril de 2019 
  5. «Porto de Galinhas - Ao sabor das marés». Viaje na Viagem. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  6. Viagem. Disponível em http://viajeaqui.abril.com.br/cidades/br-pe-porto-de-galinhas. Acesso em 5 de setembro de 2015.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Porto de Galinhas
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.