Portucel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Portucel Soporcel
Razão social Portucel, S.A.
Empresa de capital aberto
Cotação Euronext Lisboa: PTI
Indústria Celulose
Gênero Sociedade anónima
Fundação 2001 (17 anos)
Sede Setúbal, Portugal Portugal
Proprietário(s) Semapa
Presidente Francisco Xavier Zea Mantero
Pessoas-chave Diogo da Silveira (CEO)
Empregados 2.278
Produtos Papel, Celulose
Valor de mercado Aumento EUR 2,604 mil milhões (Jul/2014)[1]
Lucro Baixa EUR 167,0 milhões (2013)
Faturamento Aumento EUR 1,530 mil milhões (2013)[2]
Website oficial www.portucelsoporcel.com/pt/
Fábrica do grupo Portucel, Setúbal

A The Navigator Company (ex-Grupo Portucel Soporcel) dedica-se ao fabrico e comercialização de papel em Portugal.

É dono de uma grande área florestal e é mundialmente conhecido pelo seu produto para impressoras Navigator. É um grupo empresarial que se dedica ao fabrico de papel, sendo totalmente autónomo (Madeira, pasta e papel). Tem a capacidade de produzir mais de um milhão de toneladas de matéria prima (pasta) e posteriormente papel por ano. 80,84% da empresa pertence ao conglomerado português Semapa.[3]

  • Marcas de Papel

Papel

Papel Offset

História[editar | editar código-fonte]

A empresa inicia-se em 1957 quando uma equipa de técnicos começou a produzir pasta de papel (a partir de eucalipto e pelo processo kraft) na fábrica Cacia.

Em 1975, nasce a empresa Portucel, a partir da integração de diversas fábricas portuguesas de produção de pasta, papel e embalagens.

Com a aquisição da Papéis Inapa, em 2000, e a Soporcel em 2001, a Portucel realiza um movimento de consolidação do sector em Portugal. Estas duas etapas foram decisivas para o surgimento da The Navigator Company.

Em 2004, a Semapa adquire a maioria do capital da empresa The Navigator Company, consolidando a sua posição de liderança nos mercados internacionais.

Em 2006, é construída uma nova fábrica de papel no Complexo Industrial de Setúbal.

Em 2009 é inaugurada a segunda fábrica de papel no Complexo Industrial de Setúbal.

Com este investimento a The Navigator Company tornou-se líder europeu na produção de papéis finos de impressão e escrita não revestidos, e um dos maiores a nível mundial.

De 2009 para a frente, a empresa investiu fortemente na sua expansão a nível internacional, na produção de energia renovável e na diminuição do consumo de combustíveis fósseis.

Esta capacidade coloca a The Navigator Company como a maior produtora nacional de energia eléctrica a partir da biomassa florestal. A empresa tem vindo a apostar num futuro cada vez mais sustentável.[4]

Actividade[editar | editar código-fonte]

O grupo Portucel Soporcel é líder europeu na produção de papéis finos de impressão e escrita não revestidos e um dos maiores, a nível mundial, de pasta branqueada de eucalipto. O grupo exporta quase a totalidade da produção para 118 países nos cinco continentes, com destaque para a Europa e EUA. Com volume anual de negócios superior a 1,53 mil milhões de euros em 2013, o grupo Portucel Soporcel é o 2º maior exportador de Portugal, assegurando cerca de 3% do total de bens exportados e representando perto de 1% do PIB nacional. As exportações de papel e de pasta do grupo atingiram 1,2 mil milhões de euros em 2013.[5]

Em 2018, a The Navigator Company atingiu os 53,2 milhões de euros em resultados líquidos. Já o volume de negócios chegou aos 284,9 milhões de euros.[6]

Referências

ALVES, Jorge Fernandes - Indústria da pasta e do papel em Portugal – O grupo Portucel. Lisboa: Portucel SGPS, 2001.

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]