Prémios Marcel Bezençon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Prémios Marcel Bezençon
Descrição Prémio musical
Organização União Europeia de Radiodifusão
Apresentação Festival Eurovisão da Canção
Local Europa
Primeira cerimónia 2002

Os Prémios Marcel Bezençon (em inglês: Marcel Bezençon Awards) são atribuídos anualmente, em reconhecimento à melhor canção ou intérprete finalista do Festival Eurovisão da Canção.

História[editar | editar código-fonte]

Os galardões foram criados pelos cantores suecos Christer Björkman (participante do Festival Eurovisão da Canção de 1992 e o atual chefe da delegação sueca) e Richard Herrey (um integrante da banda Herreys, que foi a vencedora do Festival Eurovisão da Canção de 1984), em honra de Marcel Bezençon, um empresário e jornalista suíço responsável por elaborar o Festival Eurovisão da Canção.[1]

A primeira cerimónia foi realizada durante o Festival Eurovisão da Canção de 2002 em Taline, na Estónia. Entre 2002 e 2009, o Prémio Artístico foi concedido pelos vencedores das edições anteriores do festival, e em 2010, o sistema de votos foi alterado e o prémio passou a ser concedido pelos comentadores.[2]

Entre 2002 e 2003, o Prémio dos Fãs foi concedido pelos membros da Organização Geral dos Amantes da Eurovisão, e a partir de 2004, foi substituído pelo Prémio de Melhor Composição. Em 2008, foi introduzido o Prémio Poplight dos Fãs, que era atribuído ao melhor intérprete revelação (com até vinte e cinco anos de idade), através da votação eletrónica no sítio sueco poplight.se.[1][3]

O festival da canção sueca Melodifestivalen também apresenta os prémios durante a competição.[1]

Vencedores[editar | editar código-fonte]

Os prémios estão divididos em três categorias:[4]

  • Prémio da Imprensa - atribuído a melhor entrada votada pela imprensa e pelos meios de comunicação acreditados durante o evento.
  • Prémio Artístico - atribuído ao melhor intérprete votado pelos comentadores.
  • Prémio de Melhor Composição - atribuído por um júri constituído pelos compositores participantes, que votam na melhor e mais original composição do ano.

Prémio da Imprensa[editar | editar código-fonte]

Ano País Canção Intérprete Resultado na final Pontos Cidade anfitriã
2002  França "Il faut du temps" Sandrine François 5.º 104 Taline
2003  Turquia "Everyway That I Can" Sertab Erener 1.º 167 Riga
2004  Sérvia e Montenegro "Lane moje" (Лане моје) Željko Joksimović 2.º 263 Istambul
2005  Malta "Angel" Chiara 2.º 192 Kiev
2006  Finlândia "Hard Rock Hallelujah" Lordi 1.º 292 Atenas
2007  Ucrânia "Dancing Lasha Tumbai" (Dancing Лаша Тумбай) Verka Serduchka 2.º 235 Helsínquia
2008  Portugal "Senhora do Mar (Negras Águas)" Vânia Fernandes 13.º 69 Belgrado
2009[5]  Noruega "Fairytale" Alexander Rybak 1.º 387 Moscovo
2010[2]  Israel "Milim" (מילים) Harel Skaat 14.º 71 Oslo
2011[6]  Finlândia "Da Da Dam" Paradise Oskar 21.º 57 Dusseldórfia
2012  Azerbaijão "When The Music Dies" Sabina Babayeva 4.º 150 Bacu
2013  Geórgia "Waterfall" Nodi e Sopho 15.º 50 Malmo
2014  Áustria "Rise Like a Phoenix" Conchita Wurst 1.º 290 Copenhaga
2015  Itália "Grande amore" Il Volo 3.º 292 Viena
2016  Rússia "You Are the Only One" Sergey Lazarev 3.º 491 Estocolmo
2017  Itália "Occidentali's Karma" Francesco Gabbani 6.º 334 Kiev
2018  França "Mercy" Madame Monsieur 13.º 173 Lisboa

Prémio Artístico[editar | editar código-fonte]

Votos dos vencedores das edições anteriores
Ano País Intérprete Canção Resultado na final Pontos Cidade anfitriã
2002  Suécia Afro-dite "Never Let It Go" 8.º 72 Taline
2003  Países Baixos Esther Hart "One More Night" 13.º 45 Riga
2004  Ucrânia Ruslana "Wild Dances" 1.º 280 Istambul
2005  Grécia Helena Paparizou "My Number One" 1.º 230 Kiev
2006  Suécia Carola "Invincible" 5.º 170 Atenas
2007  Sérvia Marija Šerifović "Molitva" (Молитва) 1.º 268 Helsínquia
2008  Ucrânia Ani Lorak "Shady Lady" 2.º 230 Belgrado
2009[5]  França Patricia Kaas "Et s'il fallait le faire" 8.º 107 Moscovo
Votos dos comentadores
Ano País Intérprete Canção Resultado na final Pontos Cidade anfitriã
2010[2]  Israel Harel Skaat "Milim" (מילים) 14.º 71 Oslo
2011[6]  Irlanda Jedward "Lipstick" 8.º 119 Dusseldórfia
2012  Suécia Loreen "Euphoria" 1.º 372 Bacu
2013  Azerbaijão Farid Mammadov "Hold Me" 2.º 234 Malmo
2014  Países Baixos The Common Linnets "Calm After the Storm" 2.º 238 Copenhaga
2015  Suécia Måns Zelmerlöw "Heroes" 1.º 365 Viena
2016  Ucrânia Jamala "1944" 1.º 534 Estocolmo
2017[7]  Portugal Salvador Sobral "Amar pelos Dois" 1.º 758 Kiev
2018  Chipre Eleni Foureira "Fuego" 2.º 436 Lisboa

Prémio de Melhor Composição[editar | editar código-fonte]

Ano País Canção Compositor(es)
Letras (l) / música (m)
Intérprete Resultado na final Pontos Cidade anfitriã
2004  Chipre "Stronger Every Minute" Mike Konnaris (m e l) Lisa Andreas 5.º 170 Istambul
2005  Sérvia e Montenegro "Zauvijek moja" Slaven Knezović (m) e Milan Perić (l) No Name 7.º 137 Kiev
2006  Bósnia e Herzegovina "Lejla" Željko Joksimović (m), Fahrudin Pecikoza (l) e Dejan Ivanović (l) Hari Mata Hari 3.º 229 Atenas
2007  Hungria "Unsubstantial Blues" Magdi Rúzsa (m) e Imre Mózsik (l) Magdi Rúzsa 9.º 128 Helsínquia
2008  Roménia "Pe-o margine de lume" Andrei Tudor (m), Andreea Andrei (l) e Adina Şuteu (l) Nico e Vlad 20.º 45 Belgrado
2009[5]  Bósnia e Herzegovina "Bistra voda" Aleksandar Čović (m e l) Regina 9.º 106 Moscovo
2010[2]  Israel "Milim" (מילים) Tomer Hadadi (m) e Noam Horev (l) Harel Skaat 14.º 71 Oslo
2011[6]  França "Sognu" Daniel Moyne (m), Quentin Bachelet (m) e Jean-Pierre Marcellesi (l), Julie Miller (l) Amaury Vassili 15.º 82 Dusseldórfia
2012  Suécia "Euphoria" Thomas G:son (m e l) e Peter Boström (m e l) Loreen 1.º 372 Bacu
2013  Suécia "You" Robin Stjernberg (m e l), Linnea Deb (m e l), Joy Deb (m e l) e Joakim Harestad Haukaas (m e l) Robin Stjernberg 14.º 62 Malmo
2014  Países Baixos "Calm After the Storm" Ilse DeLange (m e l), JB Meijers (m e l), Rob Crosby (m e l), Matthew Crosby (m e l) e Jake Etheridge (m e l) The Common Linnets 2.º 238 Copenhaga
2015  Noruega "A Monster Like Me" Kjetil Mørland (m e l) Mørland e Debrah Scarlett 8.º 102 Viena
2016  Austrália "Sound of Silence" Anthony Egizii (m e l), David Musumeci (m e l) Dami Im 2.º 511 Estocolmo
2017[7]  Portugal "Amar pelos Dois" Luísa Sobral (m e l) Salvador Sobral 1.º 758 Kiev
2018  Bulgária "Bones" Borislav Milanov (m e l), Trey Campbell (m e l), Joacim Persson (m e l) and Dag Lundberg (m e l) Equinox 14.º 166 Lisboa

Prémio dos Fãs[editar | editar código-fonte]

Ano País Intérprete Canção Resultado na final Pontos Cidade anfitriã
2002  Finlândia Laura Voutilainen "Addicted to You" 20.º 24 Taline
2003  Espanha Beth "Dime" 8.º 81 Riga
2008  Arménia Sirusho "Qélé, Qélé" (Քելե Քելե) 4.º 199 Belgrado

Vencedores do Melodifestivalen[editar | editar código-fonte]

A estação pública de televisão sueca Sveriges Television (SVT), atribui os Prémios Marcel Bezençon durante o festival da canção sueca Melodifestivalen. Estes prémios seguem o mesmo formato dos prémios da Eurovisão e a primeira edição ocorreu em 2005. As canções que venceram o Festival Eurovisão da Canção estão citadas em negrito.[8][9]

Prémio da Imprensa[editar | editar código-fonte]

Ano Intérprete Canção Resultado na final Pontos
2005 Shirley Clamp "Att älska dig" 4.º 130
2006 BWO "Temple of Love" 2.º 202
2007 Sonja Aldén "För att du finns" 6.º 62
2008 Sanna Nielsen "Empty Room" 2.º 206
2009 Caroline af Ugglas "Snälla snälla" 2.º 171
2010 Anna Bergendahl "This Is My Life" 1.º 214
2011 Eric Saade "Popular" 1.º 193
2012[10] Loreen "Euphoria" 1.º 268
2013[11] Yohio "Heartbreak Hotel" 2.º 133
2014[12] Sanna Nielsen "Undo" 1.º 212
2015[13] Måns Zelmerlöw "Heroes" 1.º 288

Prémio Artístico[editar | editar código-fonte]

Ano Intérprete Canção Resultado na final Pontos
2005 Nanne Grönvall "Håll om mig" 2.º 209
2006 Carola "Evighet" 1.º 234
2007 Sonja Aldén "För att du finns" 6.º 62
2008 BWO "Lay Your Love on Me" 3.º 158
2009 Sarah Dawn Finer "Moving On" 6.º 87
2010 Eric Saade "Manboy" 3.º 155
2011 Danny Saucedo "In the Club" 2.º 149
2012[10] Loreen "Euphoria" 1.º 268
2013[11] Yohio "Heartbreak Hotel" 2.º 133
2014[12] Ace Wilder "Busy Doin' Nothin" 2.º 210
2015[13] Isa Tengblad "Don't Stop" 7.º 56

Prémio de Melhor Composição[editar | editar código-fonte]

Ano Canção Compositor(es) Intérprete Resultado na final Pontos
2005 "A Different Kind of Love" Joacim Dubbelman, Martin Landh, Sam McCarthy Caroline Wennergren 5.º 116
2006 "Sing for Me" Andreas Johnson, Peter Kvint Andreas Johnson 3.º 200
2007 "I Remember Love" Peter Hallström, Sarah Dawn Finer Sarah Dawn Finer 4.º 122
2008 "Empty Room" Bobby Ljunggren, Aleena Gibson Sanna Nielsen 2.º 206
2009 "You're My World" Emilia Rydberg, Fredrik "Figge" Boström Emilia 9.º 28
2010 "Keep on Walking" Salem Al Fakir Salem Al Fakir 2.º 183
2011 "Leaving Home" Jojo Borg Larsson, Nicke Borg, Fredrik Thomander, Anders "Gary" Wikström Nicke Borg 8.º 57
2012[10] "Why Start a Fire" Lisa Miskovsky, Aleksander With, Bernt Rune Stray, Berent Philip Moe Lisa Miskovsky 9.º 39
2013[11] "You" Robin Stjernberg, Linnea Deb, Joy Deb, Joakim Harestad Haukaas Robin Stjernberg 1.º 166
2014[12] "Undo" Fredrik Kempe, David Kreuger, Hamed "K-One" Pirouzpanah Sanna Nielsen 1.º 212
2015[13] "Don't Stop Believing" Miss Li, Sonny Gustafsson Mariette Hansson 3.º 102

Prémio dos Fãs[editar | editar código-fonte]

Ano Intérprete Canção Resultado na final Pontos
2008 Amy Diamond "Thank You" 8.º 36

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «Marcel Bezencon Award». Poplight (em sueco). Consultado em 15 de maio de 2017. Cópia arquivada em 21 de setembro de 2011 
  2. a b c d «Israeli grand slam in the Marcel Bezençon Awards». Festival Eurovisão da Canção (em inglês). União Europeia de Radiodifusão. 30 de maio de 2010 
  3. Royston, Benny (11 de março de 2008). «Marcel Bezençon Award for fans» (em inglês). ESCToday 
  4. «Marcel Bezençon Awards». Festival Eurovisão da Canção (em inglês). União Europeia de Radiodifusão. Consultado em 15 de maio de 2017 
  5. a b c Klier, Marcus (18 de maio de 2009). «The Eurovision 2009 Marcel Bezençon Awards» (em inglês). ESCToday 
  6. a b c «Winners of the Marcel Bezençon Awards». Festival Eurovisão da Canção (em inglês). União Europeia de Radiodifusão. 15 de maio de 2011 
  7. a b Pereira, Lia (13 de maio de 2017). «Salvador e Luísa Sobral ganham prémio de composição e interpretação». Blitz 
  8. «Vinnare av Marcel Bezencon Award 2009» (em sueco). Sveriges Television. Consultado em 15 de maio de 2017. Cópia arquivada em 13 de junho de 2011 
  9. Dahlander, Gustav (13 de março de 2011). «Melodifestivalen 2011: Eric Saade, Danny och Nicke Borg vann Marcel Bezençon Award». Poplight (em sueco). Consultado em 15 de maio de 2017. Arquivado do original em 15 de março de 2011 
  10. a b c Bokholm, Mirja (12 de março de 2012). «Loreen och Lisa Miskovsky vinnare i Marcel Bezençon Award 2012» (em sueco). Sveriges Television 
  11. a b c Dahlander, Gustav (13 de março de 2013). «YOHIO och Robin Stjernberg prisades i Marcel Bezençon Award 2013» (em sueco). Sveriges Television 
  12. a b c Bokholm, Mirja (9 de março de 2014). «Ace Wilder och Sanna Nielsen prisade i Marcel Bezençon Award 2014» (em sueco). Sveriges Television 
  13. a b c Källman, Pär (14 de março de 2015). «Måns, Isa, Miss Li och Sonny Gustafsson vann Marcel Bezençon 2015» (em sueco). Sveriges Television