Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro
Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro 2021
Descrição Excelência em cinema
Organização Academia Guarani de Cinema
País  Brasil
Primeira cerimónia 1996
Última cerimónia 2021

O Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro, ou apenas Prêmio Guarani, é uma premiação criada em 1996 e promovida anualmente pela Academia Guarani de Cinema, a qual é composta por críticos de cinema de todo o país, com o intuito de reconhecer desempenhos excepcionais no cinema nacional. O prêmio é designado em categorias de atuação e técnicas e tem sido a premiação mais ampla da crítica de cinema do Brasil.

Desde 1996, o Prêmio Guarani é realizado ininterruptamente a cada ano e se tornou muito prestigiado entre os profissionais do audiovisual. O prêmio surgiu concomitantemente com os primeiros passo da retomada do cinema brasileiro, que ocorreu em 1995 com o lançamento de Carlota Joaquina, Princesa do Brazil.[1] A organização do evento não é composta por integrantes da indústria do cinema e sim por críticos da sétima arte, portanto as indicações são amplas e contemplam produções de todos os estados do país.[2]

As indicações para os prêmios vem uma comissão composta por mais de quarenta profissionais da crítica cinematográfica, que convidam mais críticos para a fase de seleção dos ganhadores.[3] Ao lado do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, concedido pela Academia Brasileira de Cinema (ABRACCINE), compõe uma das premiações mais amplas que prestigiam o cinema do Brasil atualmente.[1]

Premiação[editar | editar código-fonte]

A premiação foi criada e é organizada anualmente pelo jornalista e crítico de cinema Robledo Milani, atual editor-chefe do site Papo de Cinema e membro fundador da Abraccine.[4] Segundo Robledo, a premiação surgiu a partir de uma paixão pelo cinema nacional entre um grupo de amigos. O movimento de retomada, que alcançou sucesso com filmes como Carlota Joaquina, Princesa do Brazil, o qual teve um público de mais de um milhão de espectadores, e O Quatrilho, filme indicado ao Óscar de melhor filme estrangeiro, motivou ainda mais o grupo de amigos a criar uma premiação que prestigiasse os profissionais do audiovisual.[5]

Ao todo, o prêmio envolve centena de críticos ligados a diversas associações, entre elas, membros da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (ABRACCINE), Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Sul (CCIRS), Associação dos Críticos de Cinema do Rio de Janeiro (ACCRJ), Associação dos Críticos de Cinema do Pará (ACCPA), Associação Cearense de Críticos de Cinema (Aceccine) e Associação dos Críticos de Cinema do Rio Grande do Norte (ACCiRN).[6]

Cerimônia[editar | editar código-fonte]

O evento é considerado a maior e mais ampla premiação da crítica de cinema no Brasil.[7] A divulgação dos indicados e, posteriormente, dos ganhadores ocorre no portal Papo de Cinema. Atualmente, o prêmio conta com apresentação de 25 categorias com 5 finalistas cada e também possui uma categoria especial que homenageia uma estrela do cinema. Na 25ª edição do prêmio, o homenageado foi o ator Leonardo Villar,[8] que recebeu o Guarani Honorário.

Categorias premiadas[editar | editar código-fonte]

Os filmes indicados concorrem em diversas categorias técnicas, dentre elas[9][10][11]:

Principais Coadjuvantes
  • Melhor Filme Estrangeiro
  • Melhor Documentário em Longa-Metragem
  • Melhor Documentário em Curta-Metragem
  • Melhor Curta-metragem de Ficção
  • Melhor Animação
Técnicos
  • Melhor Trilha Sonora
  • Melhor Trilha Sonora Original
  • Melhor Som
  • Melhor Direção de Arte
  • Melhor Direção de Fotografia
  • Melhor Maquiagem
  • Melhor Figurino
  • Melhor Montagem de Ficção
  • Melhor Montagem de Documentário
  • Melhores Efeitos Visuais


Além dos prêmios de mérito à excelência, a Academia Guarani de Cinema anualmente outorga, através de seu Conselho, o prêmio de Homenagem Especial.

Guarani Honorário[editar | editar código-fonte]

A atriz Tônia Carrero foi a primeira homenageada nesta categoria.

A partir do 20° Prêmio Guarani, na cerimônia de 2015, a Academia Guarani de Cinema passou a conceder o Guarani Honorário como forma de homenagear figuras ilustres que contribuíram para a história do cinema nacional. A primeira honraria foi concedida a atriz Tônia Carrero por seu conjunto da obra.[12]

Lista de premiados com o Guarani Honorário
Edição Homenageado Profissão
20°, 2015 Tônia Carrero Atriz
21°, 2016 Ruth de Souza Atriz
22°, 2017 Paulo José Ator
23°, 2018 Antônio Pitanga Ator e Diretor
24°, 2019 Helena Ignez Atriz, Diretora e Produtora
25°, 2020 Leonardo Villar Ator
26°, 2021 Laura Cardoso[13] Atriz

Edições[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b «Opinião :: Prêmio Guarani e os melhores do Cinema Brasileiro». Consultado em 27 de outubro de 2021 
  2. Moura, Cadu (29 de julho de 2019). «Indicados ao 24º Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro». Hybrido. Consultado em 27 de outubro de 2021 
  3. «25º Prêmio Guarani :: Indicados de 2019». Consultado em 5 de maio de 2021 
  4. «Robledo Milani – Papo de Cinema». Consultado em 27 de outubro de 2021 
  5. Cinevitor (25 de maio de 2020). «Prêmio Guarani comemora 25 edições e anuncia indicados; Leonardo Villar será homenageado». CINEVITOR. Consultado em 27 de outubro de 2021 
  6. Redação (3 de julho de 2020). «Os Vencedores do Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro 2020». Vertentes do Cinema. Consultado em 5 de maio de 2021 
  7. Cinevitor (1 de julho de 2020). «Bacurau é consagrado no 25º Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro». CINEVITOR. Consultado em 5 de maio de 2021 
  8. Cinevitor (25 de maio de 2020). «Prêmio Guarani comemora 25 edições e anuncia indicados; Leonardo Villar será homenageado». CINEVITOR. Consultado em 5 de maio de 2021 
  9. «Prêmio Guarani (2020)». IMDb. Consultado em 5 de maio de 2021 
  10. Arribação (23 de maio de 2020). «25º Prêmio Guarani de Cinema anuncia lista de indicados». Arribação. Consultado em 5 de maio de 2021 
  11. Costa, Paulo Victor (21 de maio de 2020). «Prêmio Guarani | Conheça os indicados à 25ª edição da premiação». Quarta Parede POP. Consultado em 5 de maio de 2021 
  12. «Tônia Carrero – Papo de Cinema». Consultado em 27 de outubro de 2021 
  13. «Prêmio Guarani anuncia homenagem à atriz Laura Cardoso | Papo de Cinema». www.papodecinema.com.br. Consultado em 11 de dezembro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]