Prêmio Multishow de Música Brasileira 2009

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Prêmio Multishow de Música Brasileira 2009
Data 18 de agosto de 2009 (2009-08-18)
Apresentação Fernanda Torres
Local Citibank Hall
Rio de Janeiro, RJ
País  Brasil
Cobertura televisiva
Estação Multishow
2008
2010

O Prêmio Multishow de Música Brasileira 2009 foi a décima sexta edição da premiação realizada pelo canal de televisão Multishow. Ocorreu no dia 18 de agosto de 2009 e transmitido ao vivo do Citibank Hall no Rio de Janeiro pelo canal. A cerimônia foi apresentada por Fernanda Torres e a homenageada da noite foi a cantora Rita Lee.[1]

Além das categorias dos artistas, foi criada uma nova categoria — nomeada Prêmio TVZé — na qual concorrem vídeos com paródias dos clipes enviados por espectadores. Também houve um prêmio chamado Iniciativa, dedicado às “mais relevantes iniciativas de distribuição de música em novas mídias”, escolhido pelo conselho do Multishow.[2] Regina Casé entregou este prêmio ao Skank, que promoveu a melhor ação de distribuição e divulgação de música em novas mídias,[3] como celular (transmitindo shows e dando a possibilidade do público escolher o "bis") e internet (com aulas de música online e distribuindo músicas através do download).

Categorias[editar | editar código-fonte]

Categoria Vencedor Indicados
Melhor Cantor Seu Jorge
Melhor Cantora Marisa Monte
Melhor Música Vanessa da MataAmado
Melhor Clipe Skank e Negra LiAinda Gosto Dela
Melhor Show Capital Inicial
Melhor CD NX ZeroAgora
Melhor DVD Marisa MonteInfinito ao Meu Redor
Revelação Cine
Melhor Grupo Fresno
Melhor Instrumentista Débora Teicher (Scracho)
Prêmio TVZé Kadu Gauer / Jundiaí-SP (Ivete Sangalo Cadê Dalila?)

Referências

  1. «Prêmio Multishow de Música Brasileira 2009» 
  2. Globo.com (12 de maio de 2009). «Prêmio Multishow divulga os indicados da edição 2009». Consultado em 3 de abril de 2017. 
  3. Skank (19 de agosto de 2009). «Skank leva dois troféus no Prêmio Multishow 2009». Consultado em 3 de abril de 2017. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]