Praça Coronel Pedro Osório

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Praça Coronel Pedro Osório, em Pelotas.

A Praça Coronel Pedro Osório é a principal praça da zona central de Pelotas, cidade do Estado Rio Grande do Sul, no Brasil. Situa-se no entroncamento entre as ruas XV de Novembro, Lobo da Costa, Princesa Isabel, Marechal Floriano, Anchieta e Félix da Cunha e Barão de Butuí, sendo esta região conhecida como o centro histórico da cidade.[1] Este local leva o nome do Coronel Pedro Osório.[2]

Ao redor da praça encontram-se alguns dos principais locais de importância da cidade. Entre eles, citam-se a Prefeitura Municipal de Pelotas, o Grande Hotel de Pelotas, o Theatro Sete de Abril, a sede da Secretaria de Finanças do Município, alguns bancos privados, vários casarões e prédios de importância histórica.[3]

Nas proximidades da praça é possível visualizar outras áreas de importância da cidade, como o Mercado Público de Pelotas, Teatro Guarani[4] e o Calçadão de Pelotas.

Esta praça é considerada um símbolo do modelo de arquitetura histórica característico na cidade,[5] tendo sido inteiramente revitalizada em 2007, juntamente com outros prédios históricos de Pelotas.[1] Em virtude de sua localização central, importância histórica e servindo como local de lazer para os cidadãos locais, a Praça Coronel Pedro Osório é considerada como um dos principais pontos turísticos pelotenses.[3][6]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Documentário Olhares sobre Pelotas conta a história sobre a praça mais famosa da cidade». Pelotas Convention. 31 de julho de 2015. Consultado em 3 de abril de 2018 
  2. «Coronel Pedro Osório: o Tropeiro que se fez Rei». Pelotas 13 Horas. 28 de fevereiro de 2014. Consultado em 3 de abril de 2018 
  3. a b «Viva o Charque - Turismo - Praça Coronel Pedro Osório». Viva o Charque. Consultado em 3 de abril de 2018 
  4. «Teatros: Região Sul». www.teatrobrasileiro.com.br. Teatro Brasileiro (salvo em archive.is). 27 de abril de 2001. Consultado em 18 de dezembro de 2018 
  5. «Praça Coronel Pedro Osório». turismo.rs. Turismo no Rio Grande do Sul. Consultado em 3 de abril de 2018 
  6. Flávia Silva Faro, Margarete R. Freitas Gonçalves. «ESCULTURAS EM BRONZE DA PRAÇA CORONEL PEDRO OSÓRIO, PELOTAS, RS: UM DIAGNÓSTICO DO ESTADO DE CONSERVAÇÃO». Universidade de Pelotas - Periódicos. Consultado em 3 de abril de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]