Predefinição Discussão:Crimenav

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Mais alguém acha esta predefinição um pouquinho grande demais, ou sou só eu? Haha Patrícia msg 21h24min de 7 de Março de 2008 (UTC)

Pensares crimenavianos...[editar código-fonte]

De fato, grande demais. E hoje tenho dúvidas se é necessário que haja na WP um artigo para cada crime de um código penal, seja de que país for.

De qualquer forma é bom tomar cuidado com uma coisa, alguns erros de digitação foram corrigidos, mas os artigos da predefinição tratam do nomen juris dos crimes tal como aparecem no código, modificar apenas por que achou o nome feio aqui não seria adequado.

E, esse cógido é sim, apenas brasileiro, trata-se de uma lei editada pela República Federativa do Brasil. E isso cria outro problema: se cada país resolve fazer a crimenav dos crimes do seu CP, eu ia achar ótimo, já que não tenho o CP de vários países lusófonos, mas me parece um pouco específico demais para uma enciclopédia generalista. AZZ (discussão) 23h21min de 9 de Abril de 2008 (UTC)

Expandir/Contrair a grande prdf[editar código-fonte]

Alguma alma caridosa saberia incluir na predef. um botão de expandir e contrair conforme a conveniência do leitor? Acho que seria útil e esteticamente mais agradável. --AZZ (discussão) 07h53min de 10 de Maio de 2008 (UTC)
Yes check.svg Feito Maurício msg 14h06min de 5 de Setembro de 2008 (UTC)

Qual a vantagem desta caixa[editar código-fonte]

Bom, o direito brasileiro é basicamente um direito escrito (aliás, todo o direito de origem continental o é) o que essa caixa faz: ela remete o leitor de um artigo sobre um crime específico para todos os outros crimes do Código penal brasileiro, e faz divisão deles de acordo com o bem jurídico tutelado, crimes contra a vida, contra o patrimônio etc. Inevitavelmente será um texto jurídico, mas isso não é mau. Tem-se uma visão distorcida que escrever peças jurídicas é escrever com preciosismo. Nada disso, aliás, isso é mal visto nos meios mais sérios do Direito, o Direito como ciência (ainda que ciência normativa) preza a clareza e abomina as espertezas para ludibriar incautos, aliás é sua função impedir isso. daí que se formos escrever sobre cada crime, é sim, possível e recomendável que façamos isso de forma simples e clara, sem porém, perder conteúdo. AZZ (discussão) 01h53min de 5 de Agosto de 2008 (UTC)