Preso No. 1

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Preso No. 1
Informação geral
Formato Série
Gênero Drama
Suspense político
Criador(es) Shira Hadad
Dror Mishani
País de origem Estados Unidos
Idioma original espanhol
Produção
Diretor(es) Pitipol Ybarra
Javier Patron Fox
Javier Solar
Produtor(es) executivo(s) Shira Hadad
Dror Mishani
Avi Nir
Karni Ziv
Kelly Wright
Marcel Ferrer
Mariana Iskandarani
Marcos Santana
Editor(es) Ramiro Pardo
Câmera Multicâmera
Distribuída por Telemundo Internacional
Roteirista(s) Luis Felipe Ybarra
Elenco Erik Hayser
Alejandra Ambrosi
Alejandro de la Madrid
Mariana Seoane
Arturo Peniche
Angélica Celaya
Otto Sirgo
Guillermo Quintanilla
Fabiola Guajardo
Luis Felipe Tovar
Roberto Sosa
Damián Alcázar
Tema de abertura "Como te extraño mi amor" por Pedro Fernández
Compositor da música-tema Leo Dan
Empresa(s) de produção Keshet International
Telemundo Global Studios
Exibição
Emissora de televisão original Telemundo
Formato de exibição HDTV 1080i
Formato de áudio Estereofonia
Transmissão original 30 de julho de 201927 de setembro de 2019
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 44
Cronologia
La reina del sur 2
No te puedes esconder

Preso No. 1 é uma série de televisão de drama e suspense político americana produzida pela Keshet International e Telemundo Global Studios para Telemundo baseada numa ideia original de Shira Hadad e Dror Mishani, que também são produtores executivos.[1] Estreou em 30 de julho de 2019 e terminou em 27 de setembro de 2019.[2]

A série conta com Erik Hayser como o Presidente encarcerado do México Carmelo Alvarado, junto com Alejandra Ambrosi como a Primeira-dama não oficial do México Carolina Arteaga, Alejandro de la Madrid como Bautista Fernández, Mariana Seoane como Pía Bolaños, uma jornalista corrupta, Arturo Peniche como Pedro Islas, o principal vilão da história, Angélica Celaya como Miranda Collins, a segunda Primeira-dama não oficial do México, Otto Sirgo como o Presidente oficial do México, Guillermo Quintanilla como Ignacio Mayorga, um coronel corrupto, Fabiola Guajardo como a versão jovem de Carolina, Luis Felipe Tovar como Hugo Piña, um comandante corrupto da polícia, Roberto Sosa como Ramsés Cota, o traficante de drogas que Carmelo extraditou para os Estados Unidos e Damián Alcázar como Salvador Fraga, o proprietário do jornal El Plural.

Embora a Telemundo não tenha renovado a série para uma segunda temporada, o episódio final da série terminou sem a respectiva frase "Fim" ou "Continua".[3] Terminando a série com um final aberto é possível produzir uma segunda temporada.[3]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Conoce las telenovelas y series que llegan a Telemundo en 2018-2019». laopinion.com (em espanhol). Consultado em 12 de maio de 2018 
  2. «"PRESO NO. 1," TELEMUNDO'S NEW POLITICAL-DRAMA FROM THE PRODUCERS OF "LA REINA DEL SUR," PREMIERES TUESDAY, JULY 30 AT 10PM/9C». nbcumv.com. Consultado em 25 de junho de 2019 
  3. a b Cleer, Alida. «Gran Final "PRESO No.1": ¿Qué pasó?¿Habrá 2da.temporada?». ahoramismo.com (em espanhol). Consultado em 28 de setembro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre séries de televisão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.