Primeiro-ministro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Primeiro-Ministro)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O título de primeiro-ministro, na maioria dos casos, designa o chefe de governo nos Estados parlamentaristas e semipresidencialistas, em que o cargo é diferenciado do chefe de estado, o qual exerce funções mais de cerimônias e protocolos.[1]

Em muitos casos, o primeiro-ministro é o líder da coligação de partidos políticos (ou mais raramente de um só partido político) que tem o apoio da maioria do parlamento. Em outros, como na política da Bélgica, o primeiro-ministro é nomeado pelo monarca (chefe de Estado) após deliberação com os membros do parlamento.

As responsabilidades principais do primeiro-ministro incluem coordenar a atividade do governo a nível nacional e designar (nomear e demitir) membros do governo.

O cargo não existe em sistemas presidencialistas, em que o presidente exerce a função tanto de chefe de governo como de Estado, mas há exceções, tal como o Peru e a Coreia do Sul, ambas repúblicas presidencialistas com um presidente e um primeiro-ministro. Um caso único é a Arábia Saudita, uma monarquia absoluta em que o monarca é também o primeiro-ministro.

Significado e títulos equivalentes[editar | editar código-fonte]

O termo «primeiro-ministro» enfatiza a sua primazia em relação aos outros ministros do governo ou gabinete ao qual ele pertence. O cargo de primeiro-ministro possui vários outros termos equivalentes, entre eles:

Ortografia e gramática[editar | editar código-fonte]

De acordo com as regras gramaticais da Real Academia das Ciências de Lisboa, o feminino de «primeiro-ministro» é «primeira-ministra».[nota 1] Também se encontram referências a «a primeiro-ministro» ou «a primeira-ministro». Um argumento que se há dado é que «a primeiro» é incorreto porque primeiro é apócope do adjetivo masculino; e que «a primeira-ministra» descreve a principal das mulheres que integram o gabinete, quando na realidade é a principal de todos os ministros, mulheres e homens; então o correcto seria «a primeira-ministro».[2]

Recomenda-se escrevê-lo com letras iniciais minúsculas, como todos os vocábulos da língua; o uso de maiúsculas é opcional.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas e referências

Notas

  1. Não deve empregar-se o masculino para se referir a uma mulher: a ministro. O feminino de «primeiro-ministro» é «primeira-ministra», não «primeiro-ministro», «primeiro-ministra» nem «primeira-ministro».

Referências

  1. «O que é primeiro-ministro». How Stuff Works. Consultado em 2 de Setembro de 2016. Arquivado do original em 4 de setembro de 2016 
  2. Falklands, Rodolfo H Terragno, Ediciones de la Flor, Buenos Aires, 2002; p25
  3. Segundo a Base XIX do Acordo Ortográfico de 1990.

 Ligações externas[editar | editar código-fonte]