Primeiro Cerco de Gibraltar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Primeiro Cerco de Gibraltar foi uma batalha da Reconquista que tomou lugar em 1309. A batalha envolveu as forças do Reino de Castela (a maior parte adveio do conselho militar de Sevilha) sob o comando de Juan Núñez II de Lara e Alonso Pérez de Guzmán, contra as forças do Emirado de Granada sob o comando do Sultão Maomé III de Granada e do seu irmão Abu'l-Juyush Nasr.

A batalha resultou numa vitória para o Reino de Castela, uma das poucas que se viria a revelar infrutífera. A tomada de Gibraltar aumentou consideravelmente o poder regional de Castela na Península Ibérica, embora em 1333 a cidade tenha sido recapturada pelas forças muçulmanas durante o Terceiro Cerco de Gibraltar.[1][2]


Referências

  1. «Information Services». History. Government of Gibraltar. Consultado em 9 de julho de 2012. 
  2. «GIB». The Encyclopædia Britannica, or, Dictionary of arts, sciences, and general literature, Volume 10 2nd ed. University of Wisconsin, Madison: Adam & Charles Black. 1856. 618 páginas