Primeiro Cerco de Gibraltar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Primeiro Cerco de Gibraltar foi uma batalha da Reconquista que tomou lugar em 1309. A batalha envolveu as forças do Reino de Castela (a maior parte adveio do conselho militar de Sevilha) sob o comando de Juan Núñez II de Lara e Alonso Pérez de Guzmán, contra as forças do Emirado de Granada sob o comando do Sultão Maomé III de Granada e do seu irmão Abu'l-Juyush Nasr.

A batalha resultou numa vitória para o Reino de Castela, uma das poucas que se viria a revelar infrutífera. A tomada de Gibraltar aumentou consideravelmente o poder regional de Castela na Península Ibérica, embora em 1333 a cidade tenha sido recapturada pelas forças muçulmanas durante o Terceiro Cerco de Gibraltar.[1][2]


Referências

  1. «Information Services». History. Government of Gibraltar. Consultado em 9 de julho de 2012. Arquivado do original em 14 de dezembro de 2013 
  2. «GIB». The Encyclopædia Britannica, or, Dictionary of arts, sciences, and general literature, Volume 10 2nd ed. University of Wisconsin, Madison: Adam & Charles Black. 1856. 618 páginas