Princípio (1930)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Princípio: publicação de cultura e política
Formato (33 cm)
Sede Porto,  Portugal
Fundação 1930
Director Álvaro Ribeiro, Adolfo Casais Monteiro, Maia Pinto.
Idioma Português europeu


Princípio: Publicação de Cultura e Política publicou-se por pouco tempo (4 escassos números) entre maio e julho de 1930, com sede no Porto. Foi dirigido por Álvaro Ribeiro que se fez acompanhar de vários intelectuais: Adolfo Casais Monteiro e Maia Pinto; Agostinho da Silva, José Marinho, Delfim Santos, e João Gaspar Simões, e na ilustração do cabeçalho, Ventura Porfírio. Assumem-se como defensores da democracia, com objetivos no campo cultural mas também no domínio da política e apresentam uma vocação universalista (por oposição à nacionalista) construtiva e compreensiva, que se compromete a pautar por valores de verdade e de justiça.[1]

Referências

  1. Rita Correia (11 de dezembro de 2008). «Ficha histórica:Princípio : publicação de cultura e política (1930)» (PDF). Hemeroteca Municipal de Lisboa. Consultado em 27 de março de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Lista de publicações disponíveis na Hemeroteca Municipal de Lisboa em formato digital

Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação ou jornalismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.