Prince of Persia (jogo eletrônico de 1989)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o primeiro jogo da série Prince of Persia, veja Prince of Persia (desambiguação).
Prince of Persia
Capa da versão norte-americana do jogo para Amiga e MS-DOS.
Produtora(s) Brøderbund
Editora(s) Brøderbund
Riverhillsoft (Japão)
Konami (SNES)
Ubisoft (iOS, XBLA)
Plataforma(s) Apple II
PC
DOS
Conversões/
relançamentos
Data(s) de lançamento 1989[1]
Gênero(s) Jogo de plataforma
Modos de jogo Single Player
Número de jogadores 1
Controles Teclado, Joystick (DOS)

Prince of Persia (português: Príncipe da Pérsia; persa: شاهپور ایران) é um jogo de aventura, desenvolvido por Jordan Mechner lançado em 1989 para Apple II e IBM-PC (DOS).[1]

Foi tido como um avanço na qualidade de animação vista nos jogos eletrônicos. Mechner estudou filmes de seu irmão mais novo, David, correndo e pulando com roupas brancas, para assegurar que todos os movimentos parecessem reais. Também era inovador o fato do protagonista e inimigos lutarem com espadas, ao contrário de armas de fogo ou raios, como outros jogos da época. Após o sucesso inicial, o jogo foi lançado em diversas outras plataformas, como Amiga, Apple Macintosh, NES, Game Boy, Game Gear, SNES, Mega Drive (Sega Genesis). O jogo, à primeira vista repetitivo, é surpreendente pelos quebra-cabeças inteligentes e armadilhas mortais. Prince of Persia rendeu diversos outros títulos da mesma franquia, e deu margem para um extenso gênero, que imita a ação e os quebra-cabeças.

Enredo[editar | editar código-fonte]

O jogo se passa na antiga Pérsia. Enquanto o sultão está lutando uma guerra em uma terra estrangeira, seu vizir Jaffar, um feiticeiro, toma o poder. Seu único obstáculo ao trono é a filha do Sultão (embora o jogo não menciona especificamente como). Jaffar a tranca numa torre e ordena que ela, sob ameaça de execução para se tornar sua esposa. O protagonista sem nome do jogo, a quem a princesa ama, é atirado para as masmorras do palácio. O jogador deve levá-lo para fora das masmorras e para a torre do palácio, derrotando Jaffar e libertando a princesa em menos de 60 minutos (120 minutos na versão Super Nintendo, que tem mais difíceis níveis). Além de guardas, várias armadilhas e masmorras, o protagonista é ainda dificultada por seu próprio doppelgänger, uma aparição de seu próprio eu que é conjurado para fora de um espelho mágico.

Remake[editar | editar código-fonte]

Em 2007, Prince of Persia foi refeito e convertido pela Gameloft. O remake, intitulado Prince of Persia Classic, foi lançado no dia 13 de junho de 2007 no Xbox Live Arcade e em 23 de outubro de 2008 no PlayStation Network. Ele trouxe o mesmo design dos níveis, a mesma premissa geral e jogabilidade do original, mas possuindo gráficos tridimensionais e movimentos mais fluidos.[2] Novos modos de jogo também foram adicionados, como o "time attack" e "survival" ("sobrevivência").[3]

Lançamento do código fonte[editar | editar código-fonte]

Em 17 de abril de 2012, Jordan Mechner criou um repositório no GitHub contendo o código fonte original do Prince of Persia para o Apple II (escrito em Assembly), o qual ele há muito tempo pensava ter perdido.[4] Um documento técnico descrevendo a operação desse código fonte está disponível no site de Mechner.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Prince of Persia (jogo eletrônico de 1989)
Ícone de esboço Este artigo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.