Princesa FM

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção necessita de referências de fontes secundárias fiáveis e independentes (desde janeiro de 2015). Fontes primárias, ou com conflitos de interesse, não são adequadas para verbetes enciclopédicos. Ajude a incluir referências.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Princesa FM
Rádio M F Ltda.
País Brasil
Frequência(s) 96,9 MHz
Sede Capuchinhos, Feira de Santana, BA
Slogan A toda boa da Bahia
Fundação agosto de 1978 (41 anos)
Fundador Alfredo Falcão, José Olímpio Mascarenhas
Pertence a Fundação Santo Antônio.
Idioma português
Prefixo ZYC 300
Nome(s) anterior(es) MF FM
Cobertura Região Metropolitana de Feira de Santana, Região Sisaleira, Recôncavo Baiano e parte da Grande Salvador
Dados técnicos Potência: 10 kw
Classe: A2
Página oficial www.princesafm.com.br

Princesa FM é uma estação de rádio brasileira de Feira de Santana, Bahia. Opera na frequência de 96,9 MHz em FM. Possui programação direcionada à música popular.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Inaugurada em agosto de 1978, foi a primeira FM do interior baiano e a segunda no interior nordestino, somente antecedida pela Campina Grande FM, da cidade homônima, na Paraíba. Seu primeiro transmissor fora fabricado pelo técnico em radiodifusão Drance Amorim, tinha potência de 1 quilo-watt, e era localizado no bairro do Tomba, com estúdios na Rua Marechal Deodoro.[1] Nos seus primeiros anos chamou-se MF FM, referência aos sobrenomes dos fundadores, José Mascarenhas e Alfredo Müller Falcão, chegando a ter Baby Santiago, um dos grandes nomes do rádio baiano dos anos 80 como locutor.[2]

Anos depois, Falcão deixa a sociedade e a negocia com Iara Mascarenhas, que posteriormente repassa ao radialista Dílson Barbosa (ainda hoje integrante dos quadros da emissora). Este, por sua vez, a negocia com a Fundação Santo Antônio dos Frades Capuchinhos, entidade ligada a Arquidiocese de Feira de Santana e dona da Rádio Sociedade. Os novos donos levam a rádio para a o bairro homônimo, atrás da Igreja dedicada ao Santo. Hoje possui potência de 10 quilo-watts, autorizada para a classe A2 (30 quilo-watts) e irradiado, mais de 50 quilo-watts de potência. Com sinal em mais de 180 cidades, é uma das rádios mais abrangentes da Bahia.[3]

Programas[editar | editar código-fonte]

  • Bom Dia Feira
  • Sucessos da Princesa
  • Jornal do Meio-Dia
  • Manhã 96
  • A Princesa e o Rei
  • Tarde Alto Astral
  • Viva Voz
  • Chapa Quente
  • Mistura Brasileira
  • Caixa de Samba
  • Resgate MP3
  • Princesa Notícias
  • Madrugada Interativa (em rede com a Interativa FM, de Itabuna)

Referências

  1. «Princesa Fm 96.9: Princesa Recados». Princesa Fm 96.9. Consultado em 24 de julho de 2017 
  2. «IMAGEM DO TEMPO, 1981». Blog Por Simas. 10 de junho de 2016. Consultado em 24 de julho de 2017 
  3. «Conheça a Rede Baiana de Rádio e suas filiadas». Jornal Grande Bahia – JGB. Consultado em 24 de julho de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]