Problema do cálculo econômico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

O problema do cálculo econômico é uma crítica ao uso de uma economia planejada em substituição ao mercado na alocação dos fatores de produção.[1]. Foi formulado por Ludwig von Mises em 1920 e posteriormente expandido por Friedrich von Hayek.[2] Atualmente, o debate perpassa pelo uso da computação para resolver o problema. Paul Cockshott e Allin Cottrell argumentaram que o uso de tecnologia computacional agora simplifica o cálculo econômico e permite que o planejamento central seja implementado e mantido.[3] Steven Horwitz fez um contraponto, indicando que o problema do cálculo econômico não seria computacional, mas epistemológico, uma vez que a informação utilizada para os cálculos não viria dos indivíduos, portanto não representando suas preferências subjetivas.[4] Leigh Phillips e Michal Rozworski lançaram um livro em 2019 que argumenta que corporações multinacionais como Walmart e Amazon já operam economias centralmente planejadas maiores que a União Soviética, afirmando que o problema de cálculo econômico é superável.[5][6]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. MISES, Ludwig von. O cálculo econômico no sistema socialista.
  2. Hayek, Friedrich August von (1 de dezembro de 2015). «O Cálculo Socialista I::». MISES: Interdisciplinary Journal of Philosophy, Law and Economics. pp. 367–385. doi:10.30800/mises.2015.v3.773. Consultado em 10 de fevereiro de 2021 
  3. «Towards a New Socialism». ricardo.ecn.wfu.edu. Consultado em 10 de fevereiro de 2021 
  4. Horwitz, Steven (1 de janeiro de 1996). «Money, money prices, and the socialist calculation debate». Emerald Group Publishing Limited. Advances in Austrian Economics: 59–77. ISBN 978-1-84950-019-7. doi:10.1016/s1529-2134(96)03005-0/full/html. Consultado em 10 de setembro de 2021 
  5. Phillips, Leigh; Rozworski, Michal (5 de março de 2019). «The People's Republic of Walmart: How the World's Biggest Corporations are Laying the Foundation for Socialism» (em inglês). Verso Books. Consultado em 10 de fevereiro de 2021 
  6. Leonardo, Regis, (12 de dezembro de 2019). «Mecanismos Integrados para planificação econômica no século XXI: perspectivas alternativas ao sistema de preços e burocracia corporativa.». Consultado em 27 de fevereiro de 2021