Promise (álbum de Sade)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Promise (álbum))
Ir para: navegação, pesquisa
Promise
Álbum de estúdio de Sade
Lançamento Reino Unido
16 de Novembro de 1985
Estados Unidos
21 de Dezembro de 1985
Gravação Power Plant Studios, Londres
Studio Miraval (Le Val, Var, França)
Gênero(s) Smooth jazz, soul, R&B
Duração 54:10
Idioma(s) Língua inglesa
Gravadora(s) Epic Records, Portrait Records
Produção Sade Adu, Robin Millar, Ben Rogan, Mike Pela
Cronologia de Sade
Diamond Life
(1984)
Stronger Than Pride
(1988)
Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 4 de 5 estrelas. link
Robert Christgau B[1]
Rolling Stone (mixed) link
The Rolling Stone Album Guide 3.5 de 5 estrelas.[2]

Promise é o segundo álbum de estúdio do grupo inglês Sade. Foi lançado no Reino Unido em 16 de Novembro de 1985 pela Epic Records e no Estados Unidos em 21 de Dezembro de 1985 pela Portrait Records.

Os grandes sucessos do álbum foram "The Sweetest Taboo" e "Never as Good as the First Time", que alcançaram a quinta e a vigésima posição na Billboard Hot 100 americana, respectivamente. "Is It a Crime" também foi lançada como um single. Enquanto não tendo o mesmo sucesso do álbum anterior, Diamond Life, Promise se tornou o primeiro álbum da banda a chegar ao topo das paradas tanto nos Estados Unidos quanto no Reino Unido, ajudado por uma aparição no Live Aid e uma participação no filme Absolute Beginners.

O título do álbum vem de uma carta escrita pelo pai de Sade Adu onde ele se refere a uma "promessa de esperança" para a cura do seu câncer.

Faixas[editar | editar código-fonte]

CD e cassette[editar | editar código-fonte]

  1. "Is It a Crime" (Sade Adu, Stuart Matthewman, Andrew Hale) – 6:20
  2. "The Sweetest Taboo" (Adu, Martin Ditcham) – 4:36
  3. "War of the Hearts" (Adu, Matthewman) – 6:47
  4. "You're Not the Man" (Adu, Matthewman) – 5:09
  5. "Jezebel" (Adu, Matthewman) – 5:27
  6. "Mr Wrong" (Adu, Matthewman, Hale, Paul S. Denman) – 2:49
  7. "Punch Drunk" (Hale) – 5:21
  8. "Never as Good as the First Time" (Adu, Matthewman) – 4:59
  9. "Fear" (Adu, Matthewman) – 4:09
  10. "Tar Baby" (Adu, Matthewman) – 3:57
  11. "Maureen" (Adu, Hale, Denman) – 4:20

LP[editar | editar código-fonte]

  1. "Is It a Crime" – 6:18
  2. "The Sweetest Taboo" – 4:35
  3. "War of the Hearts" – 6:47
  4. "Jezebel" – 5:30
  5. "Mr Wrong" – 2:50
  6. "Never as Good as the First Time" – 5:01
  7. "Fear" – 4:05
  8. "Tar Baby" – 3:58
  9. "Maureen" – 4:22

Paradas musicais[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Christgau, Robert. «CG: Sade». Robert Christgau 
  2. Brackett, Nathan; Christian Hoard (2004). The Rolling Stone Album Guide. New York City, New York: Simon and Schuster. p. 712. ISBN 0-7432-0169-8 
  3. a b c d «Sade – Promise». Hung Medien. Consultado em 27 de maio de 2008 
  4. «Top 100 Longplay». Media Control. charts.de. 2 de dezembro de 1985. Consultado em 15 de março de 2010 
  5. «Chart Stats – Sade – Promise». The Official Charts Company. Chart Stats. Consultado em 10 de outubro de 2008. Cópia arquivada em 30 de junho de 2012 
  6. a b c «Promise – Sade – Billboard Albums». Allmusic. Rovi Corporation. Consultado em 27 de maio de 2008 
  7. «ARIA Charts - Accreditations - 2011 Albums». Australian Recording Industry Association. 2011. Consultado em 8 de março de 2012 
  8. «CRIA: Search Certification Database». Canadian Recording Industry Association. 27 de junho de 1986. Consultado em 31 de maio de 2008 
  9. «IFPI Finland – Sade». International Federation of the Phonographic Industry (em Finnish). Consultado em 7 de fevereiro de 2009 
  10. «Certifications Albums Platine – année 1995». Syndicat National de l'Édition Phonographique (em French). 20 de abril de 1995. Consultado em 8 de fevereiro de 2009 
  11. PAÍS VAZIO OU NÃO SUPORTADO: {{{país}}}.
  12. «BPI Certified Awards». British Phonographic Industry. 17 de janeiro de 1986. Consultado em 17 de setembro de 2009 
  13. «RIAA – Gold & Platinum». Recording Industry Association of America. 23 de julho de 1997. Consultado em 31 de maio de 2008