Pronome relativo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Merge-arrow 2.svg
Este artigo ou secção deverá ser fundido com Pronome. (desde dezembro de 2013)
(por favor crie o espaço de discussão sobre essa fusão e justifique o motivo aqui; não é necessário criar o espaço em ambas as páginas, crie-o somente uma vez. Perceba que para casos antigos é provável que já haja uma discussão acontecendo na página de discussão de um dos artigos. Verifique ambas (1, 2) e não esqueça de levar toda a discussão quando levar o caso para a central.).
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Seguidos ou não por preposições. São as palavras que substituem ou especificam um termo antecedente.

Ex.: A casa onde Maria Eugênia L. e Juliana C. moram é muito moderna.

A pessoa a quem entreguei os documentos é a recepcionista.

Os pronomes relativos, excetuando-se cujo, cujos, cuja e cujas, podem ser facilmente substituídos pelo relativo "o qual" e suas variantes.

Ex.: O rapaz de quem lhe falei não é aquele?

O rapaz do qual lhe falei não é aquele?

  • Quem - o pronome relativo quem refere-se a pessoas e é precedido de preposição. Ele exerce a função sintática de adjunto adverbial
  • Onde - o pronome relativo onde é empregado na indicação de lugar, exercendo a função sintáctica de adjunto adverbial
  • Cujo - todas a frases que tem o nome relativo cujo são adjunto adnominal ou complemento nominal.

Ex.: Vivo com seres cujos sentidos são facilmente detectáveis.

Ex.: A rodovia cuja pavimentação deteriora a flora...

Obs.: o pronome "cujo", e suas variações, não concorda com o antecedente, mas sim com o consequente. EX: Este é o livro cujas folhas estão amareladas.

Obs2.: quanto é pronome relativo quando tem por antecedente um pronome indefinido, tanto (ou variações) e tudo. EX: Ele fez tudo quanto havia prometido.

Pronome relativo é uma classe de pronomes que substituem um termo da oração anterior e estabelece relação entre duas orações.

Nós conhecemos o professor. O professor morreu.

Nós conhecemos o professor que morreu.

Como se pode perceber, o 'que' nessa frase está substituindo o termo professor e está relacionando a segunda oração com a primeira.

Notas


Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.