Pure Shores

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Pure Shores"
Single de All Saints
do álbum Saints & Sinners
Lançamento 7 de fevereiro de 2000 (2000-02-07)
Formato(s)
Gênero(s)
Duração 4:28
Gravadora(s) London Records
Composição
Produção William Orbit
Cronologia de singles de All Saints
"War of Nerves"
(1998)
"Black Coffee"
(2000)

"Pure Shores" é uma canção gravada pelo girl group britânico All Saints. Foi lançado em 7 de fevereiro de 2000 em todo o mundo, como o single principal de seu segundo álbum de estúdio Saints & Sinners (2000) e escrito para o filme The Beach pela integrante da banda Shaznay Lewis e produzido por William Orbit. "Pure Shores" é um pop eletrônico com elementos de dream pop e música ambiente. As letras da música falam sobre encontrar um lugar para relaxar e chamar de seu.

"Pure Shores" recebeu elogios de críticos de música, que elogiaram a produção, letras e vocais e participou de várias listas de melhores canções. A música também foi um sucesso comercial em todo o mundo, entrando no UK Singles Chart no número um, onde permaneceu por duas semanas. Alcançou sucesso mundial, liderando as paradas na Bélgica (Valônia), Irlanda, Itália e Romênia e também alcançando o top 10 em países como Austrália, Finlândia, França, Islândia, Japão, Nova Zelândia, Noruega e Suécia. Tornou-se o segundo single mais bem sucedido de 2000 no Reino Unido, vendendo um total de 815.000 cópias lá e recebeu várias certificações em outros países.

O videoclipe de "Pure Shores" foi dirigido por Vaughan Arnell e mostra o grupo andando e cantando na praia de Wells-Next-The-Sea em Norfolk, Inglaterra. O grupo tocou a música no Top of the Pops, MTV Europe Music Awards de 2000 e World Sports Awards em 2000. O single recebeu elogios e indicações, e recebeu o prêmio Ivor Novello de Melhor Trabalho e foi indicado para dois prêmios BRIT. para Melhor Single Britânico e Melhor Vídeo Britânico. "Pure Shores" foi apresentado nos álbuns compilados de All Saints, All Hits e Pure Shores: The Very Best of All Saints.

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Em 1999, três integrantes do grupo - Nicole Appleton, Natalie Appleton e Melanie Blatt - foram abordados por Dave Stewart para aparecer no filme Honest, interpretando as personagens principais. Ao mesmo tempo, a integrante remanescente Shaznay Lewis foi para os Estados Unidos para trabalhar com William Orbit, conhecido por seu trabalho com a cantora e compositora americana Madonna, nas músicas e faixas de apoio de seu segundo álbum, provisoriamente intitulado I Need The Mic.[1][2] Enquanto gravava para o álbum, Lewis se aproximou para escrever uma música para The Beach, um filme dirigido por Danny Boyle e estrelado por Leonardo DiCaprio. Ela foi levada para ver uma cena de 40 segundos no filme em que a música estava sendo executada, porque eles ainda não tinham terminado o filme todo. A cena consistia em DiCaprio e a co-estrela Virginie Ledoyen nadando debaixo d'água.[3]

De acordo com Cameron Adams do Herald Sun em Melbourne, a cantora e compositora americana Madonna "teria ficado louca quando o produtor William Orbit, deu esse sonho-pop futurista à banda de garotas do Reino Unido e não a ela".[4] Em 24 de junho de 2012, a Orbit lançou Uma versão instrumental da canção na internet.[5]

Composição[editar | editar código-fonte]

"Pure Shores" é uma canção pop eletrônica que é ambientada em um estilo ambiente. De acordo com Musicnotes.com, a canção está na chave Db Major e as letras da música falam sobre estar em um lugar relaxante e um lugar que se pode chamar de seu. Cameron Adams do Herald Sun chamou-o de "sonho-pop futurista". O Herald Sun também disse que, de acordo com uma pesquisa encomendada pela Radox, "Pure Shores" estava entre as dez faixas mais relaxantes..[6]

Jim Wirth, da NME, comparou a música ao álbum Ray of Light (1998) de Madonna, dizendo que "[Pure Shores] é uma confecção suficientemente ruim de ritmos de som e ritmos de campo que soa tão perto de Madonna que é quase indistinguível"[7] A composição da canção como "high-lustre" e um "single pop de sonho".".[8] Nigel Packer da BBC Music disse que a música usa "deep sea bass e golfinho splash teclados ..."[9]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

"Pure Shores" foi aclamado pela crítica por críticos de música em todo o mundo, que elogiou-o por sua "luxuria e soundscapes eletrônicos". Cameron Adams do Herald Sun deu-lhe quatro estrelas de cinco classificado como um "sonho-pop futurista" e classificou-o no número 17 no seu top 100 de canções da década 2000-2009. PlayLouder.com deu-lhe Uma revisão positiva, dizendo; "Este era o single que viu as Saints out-performing, cada outro grupo de meninas no planeta, abandonando a etiqueta famosa-para-estar-famosa, e transformando-se finalmente a deusas do pop do statuesque que reivindicaram sempre ser..[10] Russell Bailler de O New Zealand Herald destacou a música junto com "Black Coffee" e "Surrender", dizendo que é "um grande single que também é a melhor coisa [do álbum]."[11] Theresa Johnston de About.com listou a Canção no "Top Picks para Romantic Songs".[12]

Nigel Packer da BBC Music destacou a como a canção do álbum..[9] Amy Fleming, de The Guardian, acrescentou a canção em sua lista de "canções para ter bebês", chamando-a de "inofensiva, feelgood, uplifting, e um pouco de ambiental e "suave [e] infecciosa."[13] Entertainment Weekly revisou a trilha sonora e disse junto com a canção de Sugar Ray "Spinning Away", que as músicas eram "brilhantes".[14] Mixmag disse, juntamente com a canção de Barry Adamson "Business as Usual", disse que as músicas eram "soberbas".".[14] No dia 18 de outubro de 2011, David Gerges, do The Daily Mail, listou a canção em seu álbum "Most Relaxing Songs Ever Created" no número 7.[15]

A canção recebeu muitas nomeações e elogios. Ele ganhou o Ivor Novello Awards por Trabalho Mais Realizado[16] e mais tarde foi nomeado para dois BRIT Award por Melhor Single Britânico e Melhor Vídeo Britânico em 2001, mas perdeu ambos os prêmios para Robbie Williams" "Rock DJ". Também ganhou como escolha de Capital FM para Melhor Canção. Segundo a BBC Radio 2, "Pure Shores" é a 14ª música mais tocada na estação desde 2009.[17]

Performance comercial[editar | editar código-fonte]

"Pure Shores" estreou no número um no UK Singles Chart, ficou lá por duas semanas consecutivas e permaneceu no gráfico por dezesseis semanas. Foi certificado paltina em 3 de março de 2000, vendendo mais de 600.000 cópias no Reino Unido. A música continua sendo o terceiro melhor single do grupo no Reino Unido. A canção vendeu 720.000 cópias no Reino Unido como declarado pela Official Charts Company. A canção tornou-se o segundo single mais vendido de 2000 e foi premiado com o Capital London prêmio de melhor música em 19 de abril de 2000. Na Irlanda, a canção estreou no número três e chegou ao número um uma semana mais tarde, tornando-se o primeiro número um do grupo na Irlanda.

A canção também foi bem sucedida na Europa continental. Ela estreou no número dezesseis na Suíça e chegou ao sexto lugar, ficando nas paradas por vinte e três semanas, tornando-se o single mais bem sucedido do grupo. Também atingiu o sexto lugar no French Singles Chart, ficando nas paradas por vinte semanas. A canção atingiu o pico no Ultratop 50 Belgium Singles Chart no número cinco (Flandres) e número um (Wallonia). Também alcançou os cinco primeiros na Finlândia e Noruega. No entanto, a canção não atingiu o top ten na [[Áustria, onde estreou no número trinta e nove e chegou ao número onze, permanecendo nas paradas por onze semanas. Foi certificado ouro na Suécia e França, vendendo 10.000 cópias na Suécia e 150.000 cópias na França.

Vídeoclipe e promoção[editar | editar código-fonte]

O videoclipe de "Pure Shores" foi dirigido por Vaughan Arnell e é ambientado em uma praia e apresenta as cenas do filme A Praia. O vídeo foi filmado na praia de Holkham, em Norfolk, Inglaterra, e apresentou as integrantes do All Saints andando pela praia à noite, usando vários efeitos de câmera, com alguns tiros diurnos na frente das cabanas da praia do Wells-next-the-Sea.[18] As Cenas também foram filmadas em uma casa da selva com bambu e árvores. Em 8 de maio de 2000, o vídeo ganhou o Loaded Award como melhor single do ano. Outro vídeo é semelhante, mas tem clipes de outros vídeos da banda e não apresenta clipes do filme.

All Saints performou "Pure Shores" nos 2000 MTV Europe Music Awards e nos World Sports Awards em 2000. Também foi performado no Top of the Pops. Em 2002, DJ Osymyso sampleou a música em seu álbum Intro-Inspection (2002). A banda então executou uma versão ao vivo da música em Later com Jools Holland com apenas um piano e um conjunto de bateria.

Ele também está incluído no jogo de vídeo de 2013 Grand Theft Auto V, em uma das estações de rádio do jogo.

Formatos e Faixas[editar | editar código-fonte]

Créditos e equipe[editar | editar código-fonte]

  • William Orbit – escritor, produtor, arranjo vocal, teclados, guitarras
  • Shaznay Lewis – escritora, vocal, arranjo vocal
  • Mark "Spike" Stent – mixagem
  • Jake Davies – engenheiro de mixagem
  • Mark Endert – engenheiro
  • Sean Spuehler – engenheiro, programação Pro Tools
  • Andrew Nichols – engenheiro assistente
  • Ben Georgiades – engenheiro assistente
  • John Nelson – engenheiro assistente
  • Melanie Blatt – vocais
  • Nicole Appleton – vocais
  • Natalie Appleton – vocais
  • Steve Sidelnyk – bateria

Créditos adaptados das notas de Saints & Sinners.[25]

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Vendas e certificações[editar | editar código-fonte]

Região Certificação Vendas
Austrália (ARIA)[57] Platina 70,000^
Bélgica (BEA)[58] Ouro 70,000*
França (SNEP)[59] Ouro 250,000*
Nova Zelândia (RMNZ)[60] Ouro 15,000*
Reino Unido (BPI)[61] Platina 824,000[62]
Suíça (IFPI Suíça)[63] Ouro 15,000^

*números de vendas baseados somente em certificação
^números de distribuições baseados somente em certificação

Histórico de lançamento[editar | editar código-fonte]

País Data Formato Gravadora Ref.
Reino Unido 7 de fevereiro de 2000 (2000-02-07) CD London [19]
Alemanha 14 de fevereiro de 2000 (2000-02-14) [22]
França 15 de fevereiro de 2000 (2000-02-15) [64]
EUA 18 de fevereiro de 2000 (2000-02-18) [21]

Referências

  1. 1000 UK Number One Hits. [S.l.]: Omnibus Press. 2005. ISBN 1844492834 
  2. «All Saints to return with Orbit's aid». Dotmusic. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  3. Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome observer
  4. Adams, Cameron (5 de Novembro de 2016). «Cameron Adams judges the hits and misses of the last decade - do you agree?». Herald Sun. Melbourne: News Ltd. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  5. «William Orbit has put the instrumental version of All Saints' 'Pure Shores' on the internet». Popjustice.com. 5 de Novembro de 2016. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  6. Fagan, Gabrielle (5 de Novembro de 2016). «Simple ways to get the good life in 2012». Herald Sun. Melbourne: News Ltd. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  7. Wirth, Jim (5 de Novembro de 2016). «Pure Shores». NME. IPC Media Entertainment Network. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  8. «Various - The Beach soundtrack - Life & Style - NZ Herald News». Nzherald.co.nz. 6 de abril de 2000. Consultado em 1 de abril de 2014 
  9. a b Packer, Nigel (5 de Novembro de 2016). «CD Review: All Saints». London: British Broadcasting Corporation. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  10. Music Week News
  11. «All Saints: Saints & Sinners - Life & Style - NZ Herald News». Nzherald.co.nz. 26 de outubro de 2000. Consultado em 1 de abril de 2014 
  12. «Top Picks for Romantic Songs». Orlando.about.com. 4 de março de 2014. Consultado em 1 de abril de 2014. Arquivado do original em 21 de dezembro de 2016 
  13. Posted by Amy Fleming, Monday 2 May 2011 20.00 BST The Guardian Songs to have babies to (no, not Push It)
  14. a b «Spend Nectar Points | How To Spend Nectar Points». Nectar.com. Consultado em 1 de abril de 2014. Arquivado do original em 29 de outubro de 2013 
  15. Just don't play it while you're driving! Warning over 'most relaxing song ever created'. www.dailymail.co.uk.
  16. Wiederhorn, Jon (24 de maio de 2001). «Craig David, David Gray, All Saints Win At Ivor Novello Awards». MTV.com. Consultado em 1 de abril de 2014 
  17. «Whiter Shade 'most played' song according to a chart compiled for BBC Radio 2». Inthe00s.com. Consultado em 1 de abril de 2014 
  18. «Wells-next-the-Sea Tourist Information». Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  19. a b «Pure Shores (CD 1)». Amazon.co.uk. Consultado em 1 de abril de 2014 
  20. "Pure Shores" (European single liner notes). London Records. 2000. 8573 81672 4 
  21. a b «Pure Shores (CD 2)». Amazon.com. Consultado em 1 de abril de 2014 
  22. a b «Pure Shores» (em German). Amazon.de. Consultado em 1 de abril de 2014 
  23. "Pure Shores" (European single liner notes). London Records. 2000. 8573 81722 9 
  24. "Pure Shores" (European single liner notes). London Records. 2000. 8573 82361 0 
  25. Saints & Sinners (Notas de mídia). Germany: London Records. 2000. p. 8. 8573 85298 2 
  26. «Die ganze Musik im Internet: Charts, News, Neuerscheinungen, Tickets, Genres, Genresuche, Genrelexikon, Künstler-Suche, Musik-Suche, Track-Suche, Ticket-Suche – musicline.de» (em alemão). Media Control Charts. PhonoNet GmbH. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  27. «Australian-charts.com – All Saints – Pure Shores» (em inglês). ARIA Top 50 Singles. Hung Medien. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  28. «All Saints – Pure Shores Austriancharts.at» (em alemão). Ö3 Austria Top 40. Hung Medien. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  29. «Ultratop.be – All Saints – Pure Shores» (em neerlandês). Ultratop 50. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  30. «Ultratop.be – All Saints – Pure Shores» (em francês). Ultratop 40. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  31. «Top Singles - Volume 70, No. 18, March 06 2000». RPM. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  32. «Archive Chart» (em inglês). Scottish Singles Top 40. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  33. «Spanishcharts.com – All Saints – Pure Shores» (em inglês). Canciones Top 50. Hung Medien. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  34. Sexton, Paul (5 de Novembro de 2016). «All Saints Wave Off Newcomers On U.K. Singles Chart». Billboard. Cópia arquivada em 5 de Novembro de 2016 
  35. «All Saints: Pure Shores» (em finlandês). Musiikkituottajat Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  36. «Lescharts.com – All Saints – Pure Shores» (em francês). Les classement single. Hung Medien. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  37. «Chart Track» (em inglês). Irish Singles Chart. GfK. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  38. «Italiancharts.com – All Saints – Pure Shores» (em inglês). Top Digital Download. Hung Medien. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  39. «Charts.org.nz – All Saints – Pure Shores» (em inglês). Top 40 Singles. Hung Medien. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  40. «Norwegiancharts.com – All Saints – Pure Shores» (em inglês). VG-lista. Hung Medien. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  41. «Nederlandse Top 40 – All Saints pesquisar resultados» (em neerlandês). Dutch Top 40. Stichting Nederlandse Top 40. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  42. «Chart Stats – All Saints – {{{song}}}» (em inglês). UK Singles Chart. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  43. «Swedishcharts.com – All Saints – Pure Shores» (em inglês). Singles Top 60. Hung Medien. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  44. «All Saints – Pure Shores swisscharts.com» (em inglês). Swiss Singles Chart. Hung Medien. Consultado em 5 de Novembro de 2016.
  45. «End of Year Charts - Top 100 Singles 2000». Australian Recording Industry Association. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  46. «Ultratop Belgian Charts» (em French). Ultratop. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  47. «Ultratop Belgian Charts» (em Dutch). Ultratop. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  48. «Eurochart Hot 100 Singles 2000». Berverly Hills, CA. Music & Media: 2. 5 de Novembro de 2016 
  49. «Disque en France» (em French). Syndicat National de l'Édition Phonographique. Cópia arquivada em 5 de Novembro de 2016 
  50. «Top Annuali Single: 2000» (em Italian). Federazione Industria Musicale Italiana. Consultado em 5 de Novembro de 2016. Arquivado do original em 27 de março de 2014 
  51. «Top Selling Singles of 2000». Recorded Music NZ. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  52. «Top 40 - De 100 Populairste Platen van 2000» (PDF) (em Dutch). Dutch Top 40. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  53. «Yearly Best Selling Singles - 2000» (PDF). British Phonographic Industry. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  54. «Årslista Singlar - År 2000» (em Swedish). Sverigetopplistan. Consultado em 5 de Novembro de 2016. Arquivado do original em 13 de julho de 2015 
  55. «Swiss Year-End Charts 2000». Schweizer Hitparade. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  56. «The Noughties' Official UK Singles Chart Top 100». London, England. Music Week: 17. 5 de Novembro de 2016 
  57. «ARIA Charts – Accreditations – 2000 Singles». Australian Recording Industry Association. Consultado em 8 de junho de 2017 
  58. «Ultratop − Goud en Platina - 2000» (em inglês). Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 8 de junho de 2017 
  59. «Certificações (França) (single) – All Saints – Pure Shores» (em em francês). Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 29 de junho de 2014 
  60. «Certificações (Nova Zelândia) (single) – All Saints – Pure Shores» (em inglês). Recorded Music NZ. Consultado em 8 de junho de 2017 
  61. «Certificações (Reino Unido) (single) – All Saints – Pure Shores» (em inglês). British Phonographic Industry. Consultado em 8 de junho de 2017 
  62. Myers, Justin (5 de Novembro de 2016). «Girlbands vs Boybands – their biggest songs of the century revealed». Official Charts Company. Consultado em 5 de Novembro de 2016 
  63. «The Official Swiss Charts and Music Community: Awards (All Saints; 'Pure Shores')» (em inglês). Hung Medien. Consultado em 8 de junho de 2017 
  64. «Pure Shores» (em French). Amazon.fr. Consultado em 5 de Novembro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um single é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.