Quando as Mulheres Querem Provas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Quando as Mulheres Querem Provas
 Brasil
1975 •  cor •  90 min 
Direção Cláudio MacDowell
Roteiro Talita Valle
Género comédia
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Quando as Mulheres Querem Provas é um filme brasileiro de 1975 dirigido por Cláudio MacDowell.[1]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

De férias em Vitória, um paquerador convicto vê sua masculinidade posta em dúvida por causa de um boato, o que atrai a atenção justamente da psicanalista casada que lhe interessava. Quando a verdade vem à tona, ele é obrigado a fugir da cidade, mas a fama o acompanha até o Rio de Janeiro, onde desta vez a prova é exigida por um grupo de homossexuais.[1]

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Carlo Mossy... Bira
  • Rossana Ghessa... Marta
  • Henriqueta Brieba... Violeta
  • Rodolfo Arena... Arquimedes
  • Iara Stein... Verônica
  • Shulamith Yaari... Terry
  • Tutu Guimarães... Brigite
  • Hugo Bidet... Dr.Sampaio
  • Fernando José... Antônio
  • Black John... Jorge
  • Dita Côrte-Real... Penha

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Para o crítico José Carlos Avellar, do Jornal do Brasil, o filme é de "má qualidade" e se apoia "em preconceitos e distorções de domínio público"[2]

Portal A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. a b Quando as Mulheres Querem Provas no CinePlayers (Brasil)
  2. Avellar, José Carlos (3 de julho de 1975). «Os quatrocentos golpes». Jornal do Brasil. Consultado em 24 de abril de 2018. 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.