Quetzal-resplandecente

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Como ler uma infocaixa de taxonomiaQuetzal-resplandecente
Quetzal01.jpg
Estado de conservação
Quase ameaçada
Quase ameaçada (IUCN 3.1) [1]
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Trogoniformes
Família: Trogonidae
Género: Pharomachrus
Espécie: P. mocinno
Nome binomial
Pharomachrus mocinno
(la Llave, 1832)

O quetzal-resplandecente (Pharomachrus mocinno), por vezes chamada de "serpente de penas" é uma ave trogoniforme, típica da América Central.[1]

O quetzal-resplandecente tem um comprimento médio de 36 cm, acrescentado de mais cerca de 60 cm de cauda. É uma ave de modo de vida solitário, procurando frutos ou insectos nas árvores da floresta. O macho possuí rectrizes extraordinárias que o ajudam a atrair a fêmea.

Seu habitat são as florestas do México, da Guatemala e Costa Rica.

Os antigos povos da Mesoamérica - Maias e Astecas - prestavam culto ao quetzal como ave sagrada e hoje em dia é a ave nacional da Guatemala.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b BirdLife International (2016). Pharomachrus mocinno (em inglês). IUCN 2016. Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas da IUCN de 2016 Versão e.T22682727A92958465. doi:10.2305/IUCN.UK.2016-3.RLTS.T22682727A92958465.en Página visitada em 28 de outubro de 2021.


Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado ao Projeto Aves, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.