Quetzalcoatlus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaQuetzalcoatlus
Ocorrência: Cretáceo Superior,68–66 Ma
Quetzalcoatlus.jpg

Estado de conservação
Pré-histórica
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Reptilia
Ordem: Pterosauria
Família: Azhdarchidae
Género: Quetzalcoatlus
Espécies
Quetzalcoatlus northropi
Quetzalcoatlus sp.
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Quetzalcoatlus
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Quetzalcoatlus

O Quetzalcoatlus foi um pterossauro que viveu na América do Norte, durante o Cretáceo Superior (84-65 milhões de anos). O seu nome deriva do deus asteca Quetzalcoatl, uma serpente alada. O Quetzalcoatlus pertencia à família Azhdarchidae, de pterossauros sem dentes, e foi o maior animal alado da história geológica da Terra, com cerca de 15 metros de envergadura alar para um peso de 200 quilogramas. Outra característica deste animal era o longo pescoço.

Os primeiros fósseis de Quetzalcoatlus foram descobertos no Texas por Douglas A. Lawson, em formações cretácicas. Até então, o recorde de envergadura para um animal alado pertencia ao Pteranodonte, outro pterossauro, com cerca de 10 metros. O Quetzalcoatlus veio aumentar este valor. Outros fósseis encontrados, do mesmo género, sugerem envergaduras ainda maiores, na ordem dos 18 metros, mas estes não se encontram bem preservados e a comunidade científica permanece céptica quanto a estes valores.

Através dos esqueletos conhecidos de Quetzalcoatlus, não está claro qual seria o seu modo de vida e foram propostas diversas interpretações. As mais coerentes sugerem um tipo de vida semelhante às garças, marabus ou ainda como os bicos-de-tesoura, embora estudos indiquem que fosse como as cegonhas atuais.

A reconstrução da anatomia e aparência do Quetzalcoatlus é baseada em material fóssil, nomeadamente, algumas vértebras cervicais, parte de um osso da perna, fragmentos do crânio e os ossos de uma asa. Devido ao seu enorme tamanho, acredita-se que o Quetzalcoatlus era provavelmente um planador, pois para conseguir efetuar um voo ativo, a sua musculatura peitoral teria de ser muito desenvolvida. Por esta razão, ele muito provavelmente não conseguiria levantar voo em terreno horizontal, como vemos as aves fazer hoje em dia; em vez disso, assume-se que só raramente regressaria a terra, fazendo-o sempre em áreas elevadas, como arribas, de onde poderia mais facilmente levantar voo.

O Quetzalcoatlus desapareceu na extinção K-T, juntamente com os restantes pterossauros e com os dinossauros.

Quetzscale1.png
Comparação do tamanho do Quetzalcoatlus com o do humano

Imagens[editar | editar código-fonte]

Reconstrução da caveira do Quetzalcoatlus
Restauração do Quetzalcoatlus voando
Esqueleto restaurado em postura quadrúpede.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre Animal pré-histórico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre Répteis, integrado no Projeto Anfíbios e Répteis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.