Quilônis (filha de Leotíquides)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Quilônis
Nascimento Século III a.C.
Cônjuge Cleônimo
Filho(s) Areu II
Ocupação militar

Quilônis (português brasileiro) ou Quilónis (português europeu), filha de Leotíquides, foi uma espartana ligada à família real dos ágidas e possivelmente[Nota 1] à família dos euripôntidas.

Quilônis foi casada com Cleônimo, tio do rei ágida Areu I, mas tinha como amante o filho de Areu, Acrótato.[1]

Quando, devido às maquinações de Cleônimo, Pirro, rei do Epiro, invadiu a Lacônia, em um momento em que as principais tropas espartanas estavam fora de Esparta, ela participou ativamente da defesa da cidade [carece de fontes?].

Ela foi mãe do rei Areu II de Esparta, filho de Acrótato.[2]

Árvore genealógica baseada em Plutarco, Pausânias e Pomeroy:

Cleômenes II
Acrótato
Cleônimo (pai de Leônidas II)
Areu I
Leônidas II
Leotíquides
Acrótato
Quilônis
Areu II

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Historiadores modernos consideram que seu pai, Leotíquides, era da família dos euripôntidas, pois este nome era comum nesta família

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Plutarco, Vidas Paralelas, Vida de Pirro, 26.8
  2. Sarah B. Pomeroy, Spartan Women, p.76; Pomeroy usa como base uma inscrição encontrada em Delfos, que fala de Areu, filho do rei Acrótato e da rainha Quilônis; o outro Acrótato, pai de Areu, Acrótato (filho de Cleômenes II), não foi rei de Esparta