Rádio Clube (Natal)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Out of date clock icon.svg
Este artigo ou seção pode conter informações desatualizadas.

Se sabe algo sobre o tema abordado, edite a página e inclua informações mais recentes, citando fontes válidas. Utilize o campo de resumo para uma breve explicação das alterações e, se achar necessário, apresente mais detalhes na página de discussão.

Rádio Clube
{{{alt}}}
Rádio Poti S.A.
País  Brasil
Frequência(s) AM 1270 kHz
Sede Bandeira de Natal.svg Natal, RN
Avenida Bacharel Tomaz Landim, 2 - Jardim Lola
Slogan Quem tem Clube, tem tudo!
Fundação 12 de fevereiro de 1944 (74 anos)
Fundador Carlos Farache
Pertence a Sistema Opinião de Comunicação (57,5%)
Diários Associados (42,5%)
Proprietário(s) Cândido Pinheiro
Antigo(s) proprietário(s) Carlos Farache (1944-1946)
Assis Chateaubriand (1946-1968)
Condomínio Acionário dos Diários Associados (1968-2015)
Formato Emissora comercial
Género Entretenimento, Jornalismo e Esportes
Faixa etária Público de 30 à 65 anos
Afiliações Rede Clube Brasil
Idioma (português brasileiro)
Prefixo ZYJ 593 (antiga ZYB 5)
Nome(s) anterior(es) Rádio Educativa de Natal (1944-1946)
Rádio Poti (1946-2007)
Cobertura Estado do Rio Grande do Norte
Dados técnicos Potência: 5 kW

A Clube AM ou Super Rádio Clube é uma emissora de rádio do grupo Diários Associados e com sede em Natal RN.

História[editar | editar código-fonte]

Entrou no ar em 12 de fevereiro de 1944. Inicialmente se chamava Rádio Educativa de Natal, dois anos depois quando foi integrada aos Diários Associados, passou a se chamar Poti AM.

Em 2007 passou se chamar Rádio Clube AM Natal, passando de 0,5 kW de potencia para 5 kW, e é uma das emissoras da Rede Clube Brasil de Rádio, opera em 1270 kHz.

Em 2010, com o desmanche da Rede Clube Brasil, a rádio passou a ter programação independente. Porém manteve a marca "Clube" até hoje.

Em 19 de janeiro de 2015, a emissora teve 57,5% das suas ações vendidas pelos Diários Associados ao Sistema Opinião de Comunicação, pertencente à Cândido Pinheiro, fundador do Grupo Hapvida, que agora passava a responder majoritariamente pela emissora e outros veículos de comunicação do Diários Associados no Nordeste brasileiro.[1]

Referências

  1. Fernandes, Teresa (19 de janeiro de 2015). «Hapvida controla holding no Nordeste». O Povo. Consultado em 22 de janeiro de 2015. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Rádio é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.