Rádio FM Assembleia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rádio FM Assembleia
{{{alt}}}
Governo do Estado do Ceará - Assembleia Legislativa do Estado do Ceará
País Brasil
Frequência(s) FM 96,7 MHz
Sede Fortaleza, Ceará
Slogan Com você no centro das discussões
Fundação 6 de novembro de 2007 (11 anos)
Fundador Domingos Filho
Pertence a Assembleia Legislativa do Estado do Ceará
Proprietário(s) Governo do Estado do Ceará
Idioma Português
Prefixo ZYV 359
Emissoras irmãs TV Assembleia
Cobertura Região Metropolitana de Fortaleza
Dados técnicos Potência: 24,4 kW
Classe: A3
RDS: Não
Webcast Ouça ao vivo

Rádio FM Assembleia é uma emissora de rádio brasileira sediada em Fortaleza, capital do estado do Ceará. Opera no dial FM, na frequência 96,7 MHz. Pertencente ao núcleo de comunicação da Assembleia Legislativa do Ceará, foi inaugurada em 6 de novembro de 2007, sendo a primeira emissora legislativa a operar em FM. A emissora tem programação musical baseada na MPB, além de produções jornalísticas sobre o poder legislativo, realizando as transmissões das sessões plenárias em conjunto com a TV Assembleia.[1]

História[editar | editar código-fonte]

Enquanto a presidência do Legislativo Estadual estava a cargo de Marcos Cals, em 2005, foi iniciado o projeto de instalação da emissora, com a construção do departamento que iria abrigar a rádio e a futura TV Assembleia.[2] No entanto, a rádio não iria ser inaugurada naquele ano.[3] Em julho de 2006, o Diário Oficial da União autorizou a concessão para a operação da emissora. Na época, estava sendo planejada uma cadeia de rádios no interior para a retransmissão dos programas que iriam ser produzidos na capital.[4] A primeira data confirmada para sua inauguração foi o mês de novembro e que a rádio iria funcionar num raio de 200 quilômetros a partir de Fortaleza, através de um transmissor de 10 quilowatts.[4]

A Rádio FM Assembleia entrou no ar, em caráter experimental, em 6 de novembro de 2007.[5] A jornalista Fátima Abreu, que trabalhou nos primeiros anos da AM do Povo, foi integrada ao projeto, obtendo o cargo de diretora geral.[6] Ao desenvolver a programação, prometeu "linguagem simples e objetiva". A equipe inicial contava com Narcélio Limaverde, Ronaldo César, Geraldo Oliveira, Simone Silva, Carlos Silva, Renato Abreu e Robério Lessa. A coordenação de programação ficou a cargo de Eugênio Stone.[7] A inauguração oficial ocorreu em 13 de novembro de 2007, em Sessão Solene comandada pelo então presidente Domingos Filho.

Inicialmente, a emissora reservava espaço na programação para a exibição de produções da Rádio Senado, que durou até a estreia de sua frequência própria, em 2010.[1] No primeiro aniversário, homenageou o radialista Narcélio Limaverde por seus 55 anos de atividade no ramo.[8][9] Em fevereiro de 2010, foram entregues obras de ampliação em suas instalações.[10]

Foi premiada duas vezes com o Prêmio Gandhi de Comunicação, realizado pela Agência da Boa Notícia. Em outubro de 2014, venceu a categoria Radiojornalismo com a série de reportagens "O Direito de Ser Criança".[11] Em novembro de 2015, ganhou novamente com a matéria "Para Cultivar Margaridas".[12]

Referências

  1. a b PINHEIRO, A.; LIMA, N.; MARQUES, P. (2010). «Panorama do Rádio em Fortaleza» (PDF). Fortaleza. Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (em português brasileiro): 1-15. Consultado em 1º de agosto de 2016 
  2. «Assembléia estrutura meios de comunicação». Política. Diário do Nordeste. 6 de janeiro de 2005. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  3. «Televisão do Legislativo estadual». Política. Diário do Nordeste. 11 de agosto de 2005. Consultado em 18 de novembro de 2016 
  4. a b «Assembléia terá um canal de rádio FM». Política. Diário do Nordeste. 8 de julho de 2006. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  5. «Pioneira das rádios legislativas faz nove anos» (Para ter acesso ao conteúdo, é preciso acessar o link e baixar o arquivo "jornal_novembro_2016.pdf".). Fortaleza. AL Notícias (em português brasileiro) (84). 1 páginas. Novembro de 2016. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  6. Raymundo Netto (19 de junho de 2013). «O POVO: 85 anos presente no Ceará XI». O Povo. Consultado em 25 de dezembro de 2016 
  7. Eliomar de Lima (5 de novembro de 2007). «ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO CEARÁ GANHA RÁDIO FM NESTA TERÇA-FEIRA». Blog do Eliomar. O Povo. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  8. «Acabou o trem da alegria». O Estado CE. 13 de novembro de 2008. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  9. «A Esperança chegou». O Estado CE. 12 de novembro de 2008. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  10. «Matéria-720381». Diário do Nordeste. 16 de janeiro de 2010. Consultado em 30 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 2 de fevereiro de 2017 
  11. «Diário do Nordeste leva prêmio de fotografia». Cidade. Diário do Nordeste. 31 de outubro de 2014. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  12. «Diário do Nordeste vence Prêmio Gandhi». Cidade. Diário do Nordeste. 12 de novembro de 2015. Consultado em 30 de janeiro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]