Digital FM

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Rádio Globo (Salvador))
Digital FM
{{{alt}}}
Rádio Região Industrial Ltda.
País Brasil
Cidade de concessão Camaçari, BA
Frequência(s)
  • FM 104.3 MHz
  • Antigas frequências:
    AM 1050 kHz (1987-2017)
Canais 282
Sede Bandeira-de-Lauro-de-Freitas1.jpg Lauro de Freitas, BA
Slogan A rádio que vibra com você!
Fundação junho de 1987 (34 anos)
Pertence a Grupo Lomes de Comunicação
Proprietário(s) Antônio Lomes
Rafael Lomes[1]
Antigo(s) proprietário(s) Rede Camaçari (1997-2007)
Sócio(s) Karla Lomes[2]
Formato Comercial
Gênero Entretenimento e música
Faixa etária todas as idades
Afiliações anteriores
Idioma (em português brasileiro)
Prefixo ZYV 526
Prefixo(s) anterior(es) ZYH 494 (1987-2018)
Nome(s) anterior(es)
  • Rádio Metropolitana (1987-2007)
  • CBN Salvador (2007-2009)
  • Rádio Notícias (2009-2010)
  • Jovem Pan AM Salvador (2012-2014)
  • Transamérica Hits Camaçari (2014-2017)
  • Rádio Regional (2017)
  • Rádio Globo Salvador (2018-2021)
  • Rádio Globo Digital (2021)
Cobertura Região Metropolitana de Salvador
Coord. do transmissor 12° 48' 19.7" S 38° 14' 26.8" O
Dados técnicos Potência: 9.2 kW
Classe: A3
RDS: Sim
Agência reguladora ANATEL
Informação de licença
CDB
PDF
Webcast Ouça ao vivo
Página oficial deolhonoradio.com.br/digitalsalvador

Digital FM é uma estação de rádio brasileira concessionada no município de Camaçari, porém sediada em Lauro de Freitas, ambas cidades do estado da Bahia. Opera no dial FM, na frequência 104,3 MHz. Pertence ao Grupo Lomes de Comunicação, que controla diversas emissoras de rádio na Bahia e em Sergipe. A emissora é originada do dial AM, onde operou na frequência 1050 quilo-hertz. Seus estúdios estão localizados no bairro de Vilas do Atlântico, em Lauro de Freitas, e seu sistema irradiante está localizado na BA-099, no bairro de Abrantes, em Camaçari.

História[editar | editar código-fonte]

A emissora foi fundada em junho de 1987 como Rádio Metropolitana,[3] sendo sediada em Camaçari. Inicialmente, operava na frequência AM 1050 quilo-hertz.

Em 1997, a emissora passa a ser controlada pelo mesmo grupo que também administrava a TV Camaçari na cidade, integrando a Rede Camaçari.[4]

No final da tarde do dia 16 de dezembro de 2004, funcionários da emissora invadiram a sede da Rede Camaçari para protestar contra atrasos de salário. A Rádio Metropolitana, juntamente com as então emissoras irmãs Camaçari FM e TV Camaçari, foi retirada do ar, e os funcionários afirmaram que as emissoras só teriam as atividades normalizadas após o pagamento dos salários.[5]

A rádio foi adquirida pelo Grupo Lomes de Radiodifusão em 2007, devido a diversos problemas financeiros enfrentados pela Rede Camaçari.[6] A partir de sua aquisição, a emissora passa a ser a primeira afiliada à CBN na região de Salvador, em março.[7]

A afiliação da CBN com a emissora dura até 5 de dezembro de 2009, quando a emissora assume a nomenclatura Rádio Notícias.[8] A nova fase da emissora tinha comando do pastor e deputado federal Miltom Barbosa, e tinha programação essencialmente religiosa, com várias congregações dividindo espaço na programação.[8] A emissora também transmitia um programa jornalístico apresentado por Ruy Spinola. No entanto, a emissora interrompe suas atividades em meados de 2010.

Em janeiro de 2012, após 2 anos fora do ar, a emissora retoma as suas transmissões e se afilia à rede Jovem Pan.[8] A afiliação é mantida até 2014, quando a emissora passa a ser uma afiliada da Transamérica Hits.[9]

Sede da emissora em 2021.

Em 2017, é encerrada a afiliação com a Transamérica Hits, e a emissora passa a se chamar Rádio Regional. No entanto, acaba por ser desativada para iniciar o processo de migração do AM para o FM.

Em janeiro de 2018, foi confirmado que a futura FM passaria a ser afiliada da Rádio Globo.[10] Em 30 de novembro de 2018, encerrado o período experimental, a emissora é oficialmente reinaugurada, contando com uma nova sede.[11]

Em 2019, a emissora passa a ampliar a sua programação local, e deixa de transmitir parte da programação da rede para estrear a sua própria versão do Tá Rolando Música, na faixa vespertina. No mesmo ano, com o reposicionamento da rede, passa a adotar o formato popular.[12]

Com o fim da rede, em junho de 2020, a Rádio Globo Salvador passa a operar de forma 100% local, junto com a Rádio Globo Feira de Santana.[13] Em 5 de abril de 2021, passa a ser chamada de Rádio Globo Digital, iniciando assim processo para transição de marca. Em 1 de agosto, a emissora adota oficialmente a nomenclatura Digital FM,[14] e lança uma nova programação.[15]

Programas[editar | editar código-fonte]

  • Café das Seis Digital: Jornalístico, com Dandara Barreto, Matheus Morais e Fabiana Ferrari;
  • No Ar: Variedades, com Silva Júnior, Rodrigo Villa, Diogo Baleeiro e Monique Martins;
  • Top 10 às 10: Musical, com Diogo Baleeiro;
  • 45 Minutos de Música: Musical;
  • Vibes: Variedades, com Cátia Rhawllesty, Luan Dias e Klayton Nunes;
  • Top Hits: Musical, com Klayton Nunes;
  • Drops Getup: Musical, com o DJ Lalá Moreira;
  • Vida Extraordinária: Coaching, com Willian Jatobá e Carla Jatobá;
  • Sem Parar: Musical;
  • Digital Dance: Musical, com o DJ Lalá Moreira;
  • Rebobina: Musical;
  • Getup: Musical, com o DJ Lalá Moreira;

Referências

  1. «Evento marca lançamento da Rádio Globo em Salvador». TudoRádio. 6 de dezembro de 2018. Consultado em 22 de julho de 2021 
  2. «Radio Regiao Industrial LTDA | Digital Fm Salvador». cnpj.info. Consultado em 3 de outubro de 2021 
  3. «Consulta Geral - OM». SEI. ANATEL. Consultado em 3 de outubro de 2021 
  4. «A Rede Camaçari». Rede Camaçari. Consultado em 4 de outubro de 2021. Arquivado do original em 4 de dezembro de 2001 
  5. «Greve paralisa a TV Camaçari e a Rádio Metropolitana». Jornal da Mídia. 17 de dezembro de 2004. Consultado em 20 de fevereiro de 2009. Arquivado do original em 24 de fevereiro de 2009 
  6. Santos, Analú (2016). «RÁDIOS ALL NEWS EM SALVADOR: UM CASO DE INSUCESSO?» (PDF). Universidade Federal da Bahia. Consultado em 18 de setembro de 2018 
  7. Starck, Daniel (30 de março de 2007). «Exclusivo: CBN no ar em Salvador». TudoRádio. Consultado em 18 de setembro de 2018 
  8. a b c Starck, Daniel (26 de dezembro de 2011). «Exclusivo: Jovem Pan é aguardada em Salvador». TudoRádio. Consultado em 3 de outubro de 2021 
  9. Starck, Daniel (12 de maio de 2014). «Curiosidade: Grande Salvador contará com duas emissoras da Rede Transamérica». TudoRádio. Consultado em 18 de setembro de 2018 
  10. Starck, Daniel (18 de janeiro de 2018). «Exclusivo: Rádio Globo estreia em Salvador ainda neste primeiro semestre de 2018». TudoRádio. Consultado em 18 de setembro de 2018 
  11. «Nova Rádio Globo Salvador é inaugurada na noite desta sexta-feira». Governo do Estado da Bahia. 30 de novembro de 2018. Consultado em 3 de outubro de 2021 
  12. Massaro, Carlos (30 de maio de 2019). «Extra: Rádio Globo confirma mudança de grade e formato da emissora». TudoRádio. Consultado em 3 de outubro de 2021 
  13. Starck, Daniel (12 de maio de 2020). «Extra: Rádio Globo encerra sua trajetória no dial de São Paulo e como rede no próximo dia 31; marca fica exclusiva para o Rio de Janeiro». TudoRádio. Consultado em 3 de outubro de 2021 
  14. Massaro, Carlos (29 de julho de 2021). «Rádio Globo Digital inicia veiculação de identidade artística como Digital FM em Salvador». TudoRádio. Consultado em 3 de outubro de 2021 
  15. Massaro, Carlos (5 de agosto de 2021). «Digital FM assume dial FM em Salvador e divulga sua nova programação». TudoRádio. Consultado em 3 de outubro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]