Clorodifluorometano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de R-22)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Clorodifluorometano
Alerta sobre risco à saúde
Chlorodifluoromethane-2D-skeletal.png Chlorodifluoromethane-3D-vdW.png
Nome IUPAC Clorodifluorometano
Outros nomes Difluoromonoclorometano, Monoclorodifluorometano, HCFC-22, R-22, Genetron 22, Freon 22, Arcton 4, Arcton 22, UN 1018
Identificadores
Número CAS 75-45-6
PubChem 6372
Número EINECS 200-871-9
KEGG D03789
Número RTECS PA6390000
SMILES
InChI
1/CHClF2/c2-1(3)4/h1H
Propriedades
Fórmula molecular CHClF2
Massa molar 86.47 g/mol
Aparência Gás incolor
Densidade 3.66 kg/m3 at 15 °C, gas
Ponto de fusão

-175.42 °C (97.73 K)

Ponto de ebulição

-40.7 C (232.45 K)

Solubilidade em água 0.7799 vol/vol at 25 °C; 3.628 g/l
log P 1.08
Pressão de vapor 908 kPa at 20 °C
kH 0.033 mol.kg-1.bar-1
Estrutura
Forma molecular Tetraédrica
Riscos associados
Principais riscos
associados
Perigo para o meio ambiente (N), depressor do sistema nervoso central, Carcinógeno
NFPA 704
NFPA 704.svg
0
1
1
 
Frases R R59
Frases S S23, S24, S25, S59
Temperatura
de auto-ignição
632 °C
Compostos relacionados
Outros aniões/ânions Cloreto de metanoíla
haloalcanos relacionados Difluorometano
Clorofluorometano
Diclorodifluorometano
Clorotrifluorometano
Bromoclorodifluorometano
1-Cloro-1,1-difluoroetano
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.


Clorodifluorometano, R22 ou HCFC22 é um gás refrigerante para refrigeradores utilizado pela Brastemp desde 2003, em substituição ao Freon.

R22 é um fluido refrigerante, da família Freon®, da Dupont®. Tem características físicas excelentes para trabalhos em temperatura média e baixa, é utilizado em refrigeradores de diversas marcas, Ar condicionado comercial, como Self e Split, Resfriadores de líquido como Chiller's alterantivos e parafusos. Clorodifluorometano ou difluoromonoclorometano é um hidroclorofluorocarbono (HCFC). Este gás incolor, mais conhecido como HCFC-22 ou R-22 é comumente usado como fluido propelente e refrigerante. Em países desenvolvidos, seu uso tem sido progressivamente reduzido, pois esta molécula tem potencial de depleção de ozônio (ODP) e alto potencial de retenção de calor (GWP). Porém o uso global do R-22 continua a aumentar devido a alta demanda de países em desenvolvimento.[1] R-22 é um intermediário versátil na síntese industrial de organofluorados, ou seja, é um precursor do tetrafluoroetileno. Cilindros contendo R-22 são pintados de verde claro.

Produção e aplicações atuais[editar | editar código-fonte]

Em 2008 a produção mundial de R-22 foi cerca de 800 mil toneladas, acima das 450 mil toneladas anuais produzidas em 1998, tendo a maior parte da produção por países em desenvolvimento.[2] O uso do R-22 está crescendo em países em desenvolvimento, principalmente devido à sua aplicação em equipamentos de ar condicionado. As vendas destes equipamentos estão aumentando a taxa de 20% ao ano na Índia e China.

R-22 é obtido do clorofórmio pela reação

HCCl3 + 2 HF → HCF2Cl + 2 HCl

Uma importante aplicação do R-22 é como um precursor do tetrafluoroetileno . Esta conversão envolve pirólise para gerar o difluorocarbeno, que a seguir dimeriza formando o tetrafluoroetileno[3]

2 CHClF2 → C2F4 + 2 HCl
O R-22 também gera difluorocarbeno quando tratado com base forte e este processo é feito em laboratório para síntese do intermediário de reação
A pirólise do R-22 na presença de clorofluorometano gera hexafluorobenzeno

Ver também[editar | editar código-fonte]

  1. Rosenthal, Elisabeth; Lehren, Andrew (June 20, 201). "Relief in Every Window, but Global Worry Too". New York Times. Retrieved June 21, 2012.
  2. Rosenthal, Elisabeth; Lehren, Andrew (June 20, 201). "Relief in Every Window, but Global Worry Too". New York Times. Retrieved June 21, 2012
  3. «Günter Siegemund, Werner Schwertfeger, Andrew Feiring, Bruce Sart, Fred Behr, Herward Vogel, Blaine McKusick "Fluorine Compounds, Organic" Ullmann's Encyclopedia of Industrial Chemistry, Wiley-VCH, Weinheim, 2002. doi:10.1002/14356007.a11_349»