Radiorreceptor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde Fevereiro de 2008). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Em comunicações de rádio, um receptor de rádio é um dispositivo eletrônico que recebe ondas de rádio e converte as informações carregadas por eles para uma forma utilizável . É usado com antena. A antena intercepta ondas de rádio (onda eletromagnética e converte-as para pequenas corrente alternada s que são aplicadas ao receptor e o receptor extrai a informação desejada. O receptor usa filtro eletrônico para separar o sinal radiofrequência desejado de todos os outros sinais captados pela antena, um amplificador eletrônico para aumentar a potência do sinal para processamento posterior, e, finalmente, recupera a informação desejada através de desmodulação.

As informações produzidas pelo receptor podem ter a forma de som, imagens ou dados.[1]

A função do radiorreceptor é a decodificação dos sinais eletromagnéticos recebidos do espaço, captados pela antena, transformando-os em ondas sonoras, sinais digitais e/ou analógicos, para posteriormente serem tranformados em informação, por exemplo, a televisão, o rádio de automóveis, são receptores.

O equipamento é conectado a uma antena receptora, um sistema de sintonia e amplificadores de áudio, vídeo e/ou sinais digitais.

Em alta fidelidade o radiorreceptor de FM é conhecido como sintonizador ou tuner, quando vem num único aparelho. Quando vem integrado a um amplificador é chamado de receiver ou amplituner.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre eletrônica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.