Rafael Lima Pereira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rafinha
Informações pessoais
Nome completo Rafael Lima Pereira
Data de nasc. 1 de abril de 1993 (25 anos)
Local de nasc. Porto Franco (MA),  Brasil
Nacionalidade Brasil brasileira
Altura 1, 64 m
Destro
Apelido Rafinha
Talismã
Speed
Neymar da Gávea
Informações profissionais
Período em atividade 2013presente (5 anos)
Clube atual Brasil Avaí
Número 7
Posição Atacante
Clubes de juventude
20082009
20092010
20092010
20102012
Brasil Guaraense
Brasil CFZ de Brasília
Brasil CFZ (emp.)
Brasil Flamengo
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
20132017
2014
2015
20152016
2016
20162017
2018
Brasil Flamengo
Brasil Bahia (emp.)
Brasil Atlético Goianiense (emp.)
Coreia do Sul Daejeon Citizen (emp.)
Brasil Metropolitano (emp.)
Tailândia Thai Honda (emp.)
Brasil Avaí
0044 0000(3)
0040 0000(3)
0025 0000(3)
0007 0000(0)
0015 0000(2)
0046 000(15)
0008 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 1 de abril de 2018.

Rafael Lima Pereira, mais conhecido como Rafinha (Porto Franco, 1 de abril de 1993), é um futebolista brasileiro que atua como atacante. Atualmente joga pelo Avaí.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Começou nas categorias de base do CFZ do Rio de Janeiro, mas depois acabou se transferindo para o CFZ de Brasília. Pelo CFZ do Rio de Janeiro o atacante foi eleito o melhor jogador da Copa da Amizade de 2007.

Flamengo[editar | editar código-fonte]

Rafinha chegou as categorias de base por meio de uma parceria do Flamengo com o CFZ do Rio de Janeiro. Durante sua passagem pelas categorias de base do rubro-negro carioca, Rafinha participou da campanha na Copa São Paulo de Futebol Júnior em que a equipe se consagrou campeã. Em 2013, pode se considerar um dos melhores anos da carreira de Rafinha, o jogador realizou sua estreia pela equipe principal contra o Quissamã numa vitória por 2 a 0, em partida válida pela primeira rodada da Taça Guanabara do Campeonato Carioca. Marcou seu primeiro gol como profissional numa vitória por 4 a 2 contra o rival Vasco da Gama, além de ter marcado o gol, o jogador também teve uma grande atuação no jogo. Em 27 de fevereiro, teve seu contrato renovado por cinco anos, tendo um novo vínculo com duração até 2018. A multa rescisória para clubes do exterior de € 50 milhões, quase R$ 130 milhões.[1] Teve eleito o gol mais bonito do Campeonato Carioca que foi marcado numa goleada por 4 a 0 em cima do Friburguense, em que Rafinha encobriu o goleiro, mais conhecido por gol de cobertura

Bahia[editar | editar código-fonte]

Rafinha foi envolvido numa troca com o volante Feijão, assim então Rafinha passará a defender o clube baiano por um ano de empréstimo, mesma situação do volante Feijão.[2] Marcou seu primeiro gol logo na sua estreia, Rafinha havia acabado de entrar no segundo tempo, o jogador recebeu um lançamento e esperou a hora certa para bater e fazer, mas não evitou a goleada por 4 a 1 sofrida pelo CSA em partida válida pela Copa do Nordeste.[3] Voltou a marcar pelo Bahia, no empate por 1 a 1 diante do Vila Nova, em partida válida pela Copa do Brasil.[4] Diante do América Mineiro, Rafinha marcou o gol da vitória por 2 a 1 de virada, em partida válida pela segunda fase da Copa do Brasil.[5]

Atlético Goianiense[editar | editar código-fonte]

Em 2015 é novamente emprestado desta vez para o atlético goianiense.[6]

Daejeon Citizen[editar | editar código-fonte]

Ainda em 2015, Rafinha é emprestado ao Daejeon Citizen, da Coreia do Sul.

Metropolitano[editar | editar código-fonte]

No começo de 2016, Rafinha retornou ao Brasil para atuar pelo Metropolitano, emprestado pelo Flamengo até o fim do Campeonato Catarinense de 2016.[7]

Thai Honda[editar | editar código-fonte]

De volta ao Flamengo foi novamente, desta vez para o Thai Honda clube que disputou a segunda divisão do campeonato Tailandês e que também tentou a sua contratação por empréstimo em 2015.

Avaí[editar | editar código-fonte]

No dia 21 de dezembro de 2017, Rafinha acertou sua ida ao Avaí, desta vez sem vínculo com o Flamengo, seu contrato se encerraria no final de janeiro do ano seguinte, porém fez uma rescisão amigável com o Flamengo, para poder se apresentar em seu novo clube.[8]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Até 11 de março de 2017.

Clubes[editar | editar código-fonte]

[9]

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Outros
torneios[c]
Total
Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist.
Flamengo 2010 0 0 0 0 0 0
2011 0 0 0
2012 0 0 0
2013 21 0 2 7 1 1 16 2 5 44 3 8
Total 21 0 2 7 1 1 0 0 0 16 2 5 44 3 8
Bahia 2014 19 0 0 5 2 0 4 0 0 12 1 1 40 3 1
Total 19 0 0 5 2 0 4 0 0 12 1 1 40 3 1
Atlético Goianiense 2015 7 0 0 4 0 0 14 3 0 25 3 0
Total 7 0 0 4 0 0 0 0 0 14 3 0 25 3 0
Daejeon Citizen 2015 7 0 0 7 0 0
Total 7 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 7 0 0
Metropolitano 2015 15 2 5 15 2 5
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 15 2 5 15 2 5
Thai Honda 2016 20 11 5 0 0 0
2017 26 5 8 26 5 8
Total 26 5 8 0 0 0 0 0 0 0 0 0 26 5 8
Total na carreira 66 1 6 16 3 1 4 0 0 57 7 11 143 15 22

Títulos[editar | editar código-fonte]

Flamengo
Bahia

Prêmios Individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Fla assina com Rafinha, e multa para clubes de fora é de R$ 130 milhões». GloboEsporte.com. 27 de fevereiro de 2013. Consultado em 15 de dezembro de 2013. 
  2. «Final feliz: após idas e vindas, Fla e Bahia concluem troca-troca». GloboEsporte.com. 7 de janeiro de 2013. Consultado em 7 de janeiro de 2013. 
  3. «Em tarde inspirada, CSA goleia o Bahia e empolga a torcida no Rei Pelé». GloboEsporte.com. 19 de janeiro de 2013. Consultado em 19 de janeiro de 2013. 
  4. «Bahia sofre, mas empata com o Vila Nova-MG na estreia da Copa do Brasil». GloboEsporte.com. 19 de março de 2014. Consultado em 19 março de 2014. 
  5. «Com emoção: Bahia vira sobre o América-MG e garante classificação». GloboEsporte.com. 14 de maio de 2014. Consultado em 14 de maio de 2014. 
  6. «Negueba acerta empréstimo com o Coxa; Rafinha vai para o Atlético-GO». GloboEsporte.com. 9 de janeiro de 2015. Consultado em 30 de janeiro de 2015. 
  7. «Presente à torcida: Metropolitano anuncia contratação de Rafinha». Site oficial do Clube Atlético Metropolitano. 22 de janeiro de 2016. Consultado em 7 de abril de 2016. 
  8. «Avaí acerta a contratação de Rafinha, ex-Fla, que estava na Tailândia». Globoesporte.com 
  9. «Football : Rafinha» (em inglês). FootballDatabase.eu. Consultado em 7 de abril de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.